- Andre Barcinski - http://entretenimento.r7.com/blogs/andre-barcinski -

70% dos brasileiros se informam pelo Facebook, e 187% sabem que isso é mentira

Postado por André Barcinski em 27/04/2015 às 07:05 em Sem categoria | 123 Comments

monkey pc 1024x469 70% dos brasileiros se informam pelo Facebook, e 187% sabem que isso é mentira [1]
O site “Observatório da Imprensa” publicou um artigo (leia aqui [2]) em que afirma que 70% dos brasileiros se informam pelo Facebook.

O artigo foi republicado em sites, blogs, e divulgado pelas redes sociais. O número, de fato, era impressionante: sete em cada dez brasileiros usariam o Facebook como fonte de informação.

Assim que li o texto, suspeitei que havia algo errado. Lembrei ter lido, em algum lugar, que apenas metade dos domicílios brasileiros tinha acesso à Internet.

Fiz uma busca rápida. Bingo. Segundo a mais recente PNAD (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios), divulgada no fim de 2014 pelo IBGE, o percentual de internautas no Brasil subira de 49,2% em 2012 para 50,1% em 2013 (leia aqui [3]).

A matéria do “Observatório da Imprensa” estava furada. Se metade da população brasileira usa a Internet, é impossível que 70% se informem pelo Facebook.

O passo seguinte foi checar a fonte usada pelo “Observatório da Imprensa”. O texto mostrava um gráfico com um suposto “ranking mundial dos países que mais consomem notícias pelo Facebook”, onde o Brasil aparece em primeiro, com “67% de sua população buscando informação, prioritariamente, na rede social”.

O gráfico foi tirado de uma matéria do site Quartz (veja aqui [4]). O Quartz, por sua vez, obteve as informações de um relatório de 2014 sobre jornalismo no mundo digital, elaborado pelo Instituto Reuters de Estudos do Jornalismo (veja o relatório aqui [5]).

Li o relatório do Instituto Reuters. Na página 36, ele informa que apenas 46% dos brasileiros têm acesso à Internet.

Ou seja: o índice de “70%”, divulgado pelo “Observatório da Imprensa”, estava errado. O correto seria dizer que 67% dos brasileiros com acesso à Internet (46% do total dos brasileiros) usam o Facebook para se informar. O número total, portanto, seria de 30,8%.

Ainda parecia demasiado. Chequei a metodologia usada pelo Instituto Reuters e percebi que a “pesquisa” era, para dizer o mínimo, questionável. Para começar, foi feita pela Internet, com 1015 pessoas. Dos dez países pesquisados, apenas no caso do Brasil os pesquisadores resolveram ignorar o interior do país e perguntaram exclusivamente a moradores de centros urbanos. A própria pesquisa trazia um aviso: “No caso do Brasil, o resultado representa a população urbana e não a população nacional, e isso deve ser considerado ao interpretar os resultados”.

Resumindo: a pesquisa falou, pela Internet, apenas com pessoas que moram em cidades e têm tempo para responder a perguntas pela Internet. Parece óbvio que o percentual de usuários de Facebook e pessoas com hábito de navegar pela web nesse grupo seja bem maior do que na população em geral.

O que eu precisava era de uma pesquisa que respondesse a duas perguntas: quantos brasileiros usam o Facebook? E desses, quantos usam o Facebook para se informar?

No fim do ano passado, circulou a notícia de que o Facebook tinha 89 milhões de usuários no Brasil. Mas o dado era da própria empresa e, portanto, sujeito a desconfiança. Fora que não levava em consideração contas abertas e não usadas e usuários que gerenciavam múltiplas contas.

Consegui a resposta, pelo menos parcialmente, numa pesquisa citada na própria reportagem do “Observatório da Imprensa”. A pesquisa foi feita em 2013, pelo Núcleo de Estudos e Opinião Pública (NEOP) da Fundação Perseu Abramo (veja aqui [6]).

A pesquisa do NEOP era muito mais confiável que a do Instituto Reuters. Foi realizada em abordagem domiciliar, com 2400 brasileiros de 120 municípios, urbanos e rurais. E os resultados elucidam muita coisa.

O percentual de brasileiros com acesso à Internet, segundo a pesquisa, seria de 43%. Desses, 38,4% dizem usar o Facebook. Ou seja: segundo a pesquisa, 16,15% dos brasileiros usam o Facebook.

A pergunta seguinte do NEOP foi: “Quais assuntos você lê ou consulta na Internet?”. E 68,6% disseram usar a web para obter informações e notícias.

Não era a pergunta ideal para responder à nossa dúvida. Para isso, a pergunta deveria ter sido “Quem usa o Facebook para se informar?”, e a questão deveria ter sido colocada apenas para os 16,15% que disseram usar o Facebook.

Para efeito de cálculo, vamos SUPOR que 68,6% dos usuários do Facebook o utilizem para obter notícias. Isso significaria que o percentual total de brasileiros que usam o Facebook para se informar é, no máximo, de 11%.

Esse número é exato? Claro que não. Para isso, as perguntas deveriam ter sido outras. Mas é um número muito mais perto da verdade do que os 70% divulgados na matéria do “Observatório da Imprensa”.

A matéria do “Observatório” continha mais um erro grave: citando a pesquisa do NEOP, dizia que a Internet era “fonte primária na busca de informações e notícias para 68,6% da população”. De novo, o autor esqueceu o pequeno detalhe, citado na própria pesquisa, de que só 43% dos brasileiros usam a Internet.

A reportagem do “Observatório da Imprensa” foi ao ar dia 21 de abril. Li o texto na quinta, 23. Na manhã de sexta, 24, alguém notou o erro e trocou o título original (“Cerca de 70% dos brasileiros se informam pelo Facebook”) por “Cerca de 70% dos brasileiros ativos no Facebook se informam pela rede social”. Mas o texto continuava com os mesmos erros de informação e dava a impressão de que 70% do total de brasileiros se informam pelas redes sociais.

Aí, o estrago já estava feito. O "fato" de que "70% dos brasileiros se informam pelo Facebook" já se espalhara como uma praga pelas redes sociais.

O que me entristece nessa história não é o erro de informação da matéria. Errar, todo jornalista erra: eu erro, meus colegas erram, vencedor do Pulitzer erra. Triste mesmo é perceber que uma informação pode circular livremente por incontáveis pessoas e ser espalhada pelo mundo digital, sem que ninguém questione sua veracidade.

As pessoas reclamam da qualidade do jornalismo brasileiro, e com razão. Mas e a qualidade dos leitores?

Como pode alguém ler uma matéria que traz uma informação absolutamente incredível e cheia de números estapafúrdios, e não parar por 15 segundos para pensar no que está lendo?

O pior é saber que, nesse exato instante, alguém está fazendo uma pesquisa no Google sobre hábitos de leitura dos brasileiros e vai ler a “informação” de que “70% dos brasileiros se informam pelo Facebook”. Garanto que essa cascata já está sendo propagada em agências de publicidade digital e redações por aí, num tsunami devastador de desinformação.

Enquanto isso, outra pesquisa – essa, aparentemente, verídica – da Federação do Comércio do Estado do Rio de Janeiro (Fecomércio-RJ), diz que sete em cada dez pessoas no Brasil não leram nenhum livro em 2014. Devem ser os mesmos 70% que se informam pelo Facebook.

  [7]
  [8]


Artigo impresso de Andre Barcinski: http://entretenimento.r7.com/blogs/andre-barcinski

Endereço do artigo: http://entretenimento.r7.com/blogs/andre-barcinski/70-dos-brasileiros-se-informam-pelo-facebook-e-187-sabem-que-isso-e-mentira/2015/04/27/

Endereços neste artigo:

[1] Imagem: http://entretenimento.r7.com/blogs/andre-barcinski/files/2015/04/monkey-pc.jpg

[2] aqui: http://observatoriodaimprensa.com.br/e-noticias/cerca-de-70-dos-brasileiros-se-informam-pelo-facebook/

[3] aqui: http://agenciabrasil.ebc.com.br/economia/noticia/2014-09/quase-metade-dos-domic%C3%ADlios-brasileiros-tem-computador

[4] aqui: http://qz.com/377519/for-facebook-news-is-just-padding-around-other-more-valuable-parts-of-the-platform/

[5] aqui: https://reutersinstitute.politics.ox.ac.uk/sites/default/files/Reuters%20Institute%20Digital%20News%20Report%202014.pdf

[6] aqui: http://novo.fpabramo.org.br/sites/default/files/fpa-pesquisa-democratizacao-da-midia.pdf

[7]  : http://entretenimento.r7.com/blogs/andre-barcinski http://entretenimento.r7.com/blogs/andre-barcinski/70-dos-brasileiros-se-informam-pelo-facebook-e-187-sabem-que-isso-e-mentira/2015/04/27//emailpopup

[8]  : http://entretenimento.r7.com/blogs/andre-barcinski http://entretenimento.r7.com/blogs/andre-barcinski/70-dos-brasileiros-se-informam-pelo-facebook-e-187-sabem-que-isso-e-mentira/2015/04/27//print

Copyright © 2013 André Barcinski. All rights reserved.