A Mãe Preta, Alma Brasileira

mae preta A Mãe Preta, Alma Brasileira

Monumento à Mãe Preta em São Paulo

 

Hoje é o Dia da Mãe Preta.

Mais que nunca rendo aqui minhas homenagens e memórias a todas as mulheres negras que amamentaram  aquele Brasil branco.

Todas as amas de leite negras. Todas as escravas das Grandes Casas. Todas as humildes negras que recebiam abertas as portas e os corações em seus lares humildes os filhos de todas as etnias.

Agradeço ter sido criado em suburbio do Rio. Lá não havia racismo ou discriminação. Éramos todos amigos, sem distinção: negros e brancos.

Aliás coisa difícil de não o ser já que no subúrbio, como no Brasil , a maioria é negra.

Mas é no subúrbio que a solidariedade e a fraternidade rompe as barreiras da cor da pele.

Mais tarde na vida fui morar na Bahia. Na minha Salvador multicor. Só estúpidos conseguem ser racistas ou discriminatórios na Bahia.

Lá, mais que em qualquer outro lugar - talvez Minas Gerais - a Mãe Preta acolheu a todos.

Comemora-se hoje também a lei do Ventre Livre, um paliativo no caminho da libertação final dos escravos no Brasil.

Dia da Mãe Preta e da Lei do Ventre Livre...recorda-me a poesia de Castro Alves (1847- 1871)  , "Navio Negreiro"

"...negras mulheres suspendendo às tetas
magras crianças cujas bocas pretas
rega o sangue das mães..."

Nada mais a dizer, neste domingo dedicado às mães pretas do Brasil.

Parabéns TV Record: 61 Anos

download Parabéns TV Record: 61 Anos

 

Na data de hoje, há 61 anos, em 1953, entrava no ar  a primeira emissora do que viria a ser a mais antiga rede de televisão brasileira no ar: a Rede Record de Televisão

No judô, e creio que em muitos outros setores a gente costuma dizer que "antiguidade é posto".

Embora antiga no ar a  Record soube ao longo destas décadas manter-se sempre atualizada, modernizada no cenário nacional.

Mais do que este post as logomarcas da Record ao longo destas décadas falam por sua existência:

evolucao marca record  Parabéns TV Record: 61 Anos

 

 

 

Treze Anos Sem Walter Avancini

 

Há 13 anos , nesta data  falecia um dos maiores Diretores de Televisão e teledramaturgia do Brasil. Walter Avancini.

Figura controversa, mítica da televisão brasileira.

Trabalhei com ele em muitas produções. Uma delas um sucesso na minha vida: "Mandacaru" onde fiz o cangaceiro Zebedeu.

Zebedeu 13 Treze Anos Sem Walter Avancini

Avancini deixava transparecer uma ira natural, a raiva da impotência que sente um diretor quando não consegue   realizar a criatividade diante das limitações  humanas. Não se cria sem romper limites

e ele propunha a todos nós, inclusive  a ele,  que rompêssemos os limites. Não gostava de frescura. Não gostava da chamada "burguesia". Atriz chegava com frescurinhas ele até fazia concessões porque tinha que fazer:

_" A "estrela"  quer um camarim só pra ela e salmão no almoço? Deem. Porque preciso dela."

Mas seus verdadeiros companheiros eram aqueles que ele chamava de "compadre". Aqueles que "viravam" 18 horas de trabalho com ele. Aqueles que ficavam  horas gravando ao sol inclemente sem reclamar.

Avancini sempre dava um exemplo:

- "Dona Fernanda Montenegro acabou de gravar no Nordeste ao sol de 42 graus, de pé todo o tempo sem reclamar. Vocês estão reclamando de quê aqui?"

Foi um homem que sempre venceu limites. Esta era uma das suas características. talvez a mais vitoriosa.

Tinha uma grande visão humanista e socialista. Foi membro do Partido Comunista e também militante do Sindicato dos Artistas de São Paulo.

Sempre esteve à frente da luta contra a Censura e procurou abrir mercado de trabalho para todos.

Era gênial! Em muitas de sduas obras , como em  "Grande Sertão, Veredas" revolucionou a teledramaturgia brasileira.

todos 10 Treze Anos Sem Walter Avancini

Da esq. para a dir.: eu, Lulu Areal, Avancini, Roney Vilela e Elizabeth Savalla, num intervalo de um especial de Natal , dois anos antes de sua morte.

Diga Não ao Bullying

 

bull1 Diga Não ao Bullying

Quem não consegue agradar consegue agredir.

 

Gravei uma chamada em vídeo para uma campanha anti bullying da Companhia Atores de Mar.

Bullying. Agora tem esse nome. Na minha adolescência nem sei que nome dávamos. Era violência e coerção mesmo.

Lembro-me que estudava numa cidade do interior de Minas. Uma insuportável cidade mineira, berço de oligarquias e da Tradicional Família MIneira

Cidade daquelas que segregava as pessoas pela cor da pele.

Havia "o cinema dos pretos" e "o cinema dos brancos". A rua de "passeio para os pretos" e a "praça principal para os brancos".

Eu estudava lá,  interno , num colégio religioso. Viera do Rio - embora mineiro - para estudar ali.

Eu e uma turma de adolescentes. Éramos os "cariocas".

E pelo simples fato de sermos os "cariocas" as folgas do fim de semana, quando tínhamos o direito de pasear pela cidade ou ir à matinê do cinema, era um inferno.

A elite da juventude do lugar, uns grandalhões filhos de famílias poderosas daquela roça  metida a besta, nos perseguiam.

Eram duas vezes maiores que nós, muitos deles já adultos. Mas estúpidos como sói acontecer com a fina flor dos dominantes sociais e que se acham machos alfas.

Por décadas saboa que esta  era a questão: éramos do Rio, da Capital Federal e as garotas só tinham olhos para nós. Era o bastante para sermos agredidos, ameaçados, postos a correr com a matilha  atrás.

Quando tornei-me adulto voltei àquela "roça" e só então, distanciado e mais sábio, percebi que a maioria dos chamados "machos alfa" tinham conflitos sexuais.

Como diria Ney Matogrosso:"...por debaixo dos panos."

E descobri que nos perseguiam não pelas meninas da cidade, mas pela incapacidade de expressar os anseios verdadeiros que os impulsionava nas madrugadas , quando o nevoeiro cobria as ruas desertas da cidade e eles se esgueiravam pelas sedutoras  ruelas do desejo.

Quanta ironia, quanta hipocrisia!

Por trás do bullying há muito mais que violência. Há desejos inconfessos, invejas fatais, mágoas eternas, vergonhas  ocultas, máscaras que se recusam a cair...

Diga não ao bullying!

Mini Série Plano Alto em Alto Astral

Aconteceu ontem na sala do UCI, cinema da Barra da Tijuca, Rio,a apresentação para a Imprensa do primeiro capítulo da mini série de Marcílio Morais "Plano Alto".

A série trata dos acontecimentos  e manifestações  de junho do ano passado e da corrupção política.

Estreia oficialmente dia 30 de setembro e será apresentada sempre de terças a sextas feiras sempre às 23h30m.

Também participo da série , mas aproveitei minha ida para além de confraternizar tirar uns flagrantes dos colegas em plena festa com meu IPHone,  mas você pode ver  mais fotos do evento em

http://rederecord.r7.com/2014/09/23/elenco-de-plano-alto-se-reune-em-coletiva-de-imprensa-e-assiste-ao-primeiro-capitulo-da-minisserie-em-cinema/#!/foto/1

 

IMG 0162 Mini Série Plano Alto em Alto Astral

Melhen Cortaz era só risos

 

IMG 0159 Mini Série Plano Alto em Alto Astral

Enquanto Gracindo Jr. ouvia muito sério as ponderações de Paulo Gorgulho...

 

grac e flori Mini Série Plano Alto em Alto Astral

...pra logo depois cair na gargalhada com Floriano Peixoto.

 

IMG 0128 Mini Série Plano Alto em Alto Astral

Presente também a beleza e a graça de Daniela Galli...

 

IMG 0158 Mini Série Plano Alto em Alto Astral

...somada à de Babi Xavier.

 

ester2 Mini Série Plano Alto em Alto Astral

Ester Góis abraçava Monautor Marcílio Morais.

 

IMG 0144 Mini Série Plano Alto em Alto Astral

Jussara Freire tendo de um lado o autor e do outro o Diretor Geral de Teledramaturgia da Record, Anderson Souxza

 

IMG 0152 Mini Série Plano Alto em Alto Astral

Giusepe Oristânio e Raul Gazolla comemoravam...

 

ester11 Mini Série Plano Alto em Alto Astral

Henry Pagnocelli muito bem acompanhado

 

IMG 0139 Mini Série Plano Alto em Alto Astral

Giusepe, Floriano, Barilari e Fasano formavam um quatrilho.

 

IMG 0149 Mini Série Plano Alto em Alto Astral

E a "tropa de choque" (Figuração)  estava lá para conter os ânimos (risos)

 

 

Ponha-se No Seu Lugar

 

lugar Ponha se No Seu Lugar

Encontre seu lugar ...

 

Quem já não ouviu esta expressão? "Ponha-se no seu lugar".

Reflete uma admoestação feita por alguém hierárquicamente superior ou que pelo menos julga-se superior e que usa desta expressão a cada vez que sente-se ameçado em seu poder.

Pois é uma expressão que devemos usar para nós mesmos. Uma espécie de voz interna que deve nos advertir, admoestar,  cada vez que não estamos no nosso lugar.

Segundo Mestre Houaiss "lugar" é : "área apropriada para ser ocupada por pessoa ou coisa."E ainda: "área de limites definidos ou indefinidos."

A língua portuguesa usa as palavras sorte e azar para exprimir boa e má fortuna. Na língua francesa usa-se apenas "azar" sendo bom ou mau. Azar tem o sentido de destino no caso.

Prefiro portanto dizer que ao sairmos do nosso lugar ficamos expostos ao azar. Ao pânico. Perdemos o controle, o equilíbrio. Tudo pode acontecer.

Temos que estar sempre atentos ao nosso lugar no tempo e no espaço. Pode acontecer que alguém esteja ocupando nosso lugar, um lugar que é nosso por merecimento.E isto apenas porque não nos movemos para ocupá-lo e o deixamos ao azar. O movimento  em direção ao nosso lugar não é negativo. Traz renovação e vida.

Não saber seu lugar é não renovar e morrer pouco a pouco.

Lugares são sempre conquistados a duras penas. Há sempre alguém querendo ocupar nosso lugar.

Mas como saber onde é o "nosso lugar"? Toda vez que estivermos confortáveis numa situação ou ambiente é porque estamos no nosso lugar. Estamos centrados em nosso eixo.

O conforto e a harmonia , a paz interior e a alegria é que nos apontam o nosso certeiro lugar.

Ao final pergunto então a você que me lê: você está no seu lugar? Se não, ponha-se já no seu lugar.

Parabéns Radialista, Hoje É O Seu Dia

spica Parabéns Radialista, Hoje É O Seu Dia

Meu primeiro rádio de pilha. Vinha protegido  num estojo de couro.

 

 

Lembro-me do primeiro rádio de pilha, portátil que ganhei de presente de meu pai.

O nome era engraçado: Spica. E tinha o tamanho de uma rapadura. (risos).

Tinha eu onze anos de idade.

Que maravilha da modernidade!!! Ficava eu de noite, na minha cama, rádio ao lado do travesseiro, ouvindo músicas até adormecer.

Sempre gostei das rádios. Gosto mais ainda  das rádios AMs. São mais populares, mais "quentes", mais presentes.

Não tiro o mérito das FMs, mas quando viajo com meu carro pelo Brasill ligo o rádio nas AM s do interior por onde passo e atravès delas vou conhecendo melhor a região e as cidades.

As rádios chegam nos lugares mais recônditos do Brasil. As ondas curtas nos levam a lugares onde jamais estaremos pessoalmente.

Foi pela rádio , de madrugada, com a canção "Grândola Vila Morena" que foi transmitida  a senha para a Revolução dos Cravos que derrubou mais de 40 anos da Ditadura de Salazar em Portugal.

No trânsito caótico das grandes cidades a rádio me distrai. Ouço  os comentários, as discussões, as informações, as opiniões, as músicas...e tudo sob o comando de um profissional que na maioria das vezes, dele só conhecemos a voz: o radialista.

Hoje é o Dia do Radialista. Uma categoria profissional muito próxima dos Artistas. Os radialistas nos ajudaram muito (aos artistas e técnicos )na nossa luta pela Regulamentação Profissional.

Por todos estes anos de convivência através das ondas curtas e médias das rádios de todo o País envio daqui,  como um prefixo,  o meu abraço caloroso aos colegas radialistas.

Parabéns pelo dia de hoje e sempre.

spica2 Parabéns Radialista, Hoje É O Seu Dia

Sem o estojo protetor era ainda mais fascinante.

 

Você Confia no Médico Que Lhe Atende?

medicos Você Confia no Médico Que Lhe Atende?

 

Moliére, o grande gênio da dramaturgia mundial(1645-1'678) tinha uma querela com os médicos.

Dizia ele que a Medicina não era ciência, pois sendo interpretação de sintomas e fatos era uma  Arte.

Arte era o conceito de medicina nos tempos gregos, também. A Medicina estava ligada à Musica, à Harmonia.

A Revolução Industrial com as descobertas científicas é que veio a colocar a Medicina como ciência.

Se é ciência ou arte  é uma longa discussão, mas a pergunta que faço é: você confia no médico que lhe atende?

Se ele for de plano de saúde provavelmente vai lhe atender em 5 mintuso e  lhe despachar com uma bateria de exames pedidos.

Se for particular vai custar os olhos da cara e vai lhe despachar do mesmo jeito com uma bateria sde exames pedidos e os remédios mais caros do mercado.

Alguns chegam a escrever um R (de registrado) na receita, ou seja o balconista não pode oferecer o genérico, tem que ser o do laboratório indicado.

Esteja atento. A autoridade médica não é uuma dádiva divina. É uma autoridade que o paciente delega a ele. A verdadeira autoridade é do paciente e não do mmédico.

Eteja atento, sobretudo sobre os tratamentos, mais até do que sobre os diagnósticos.

Dignose qualquer pessoa faz. Diagnóstico, em tese e Lei , apenas os médicos.

Mas quantos realmente tem o dom do diagnóstico correto?

Porém  é nos tratamentos que a coisa pega.

Médico conscienciso, que exerce a Mwedicina por amor ao próximo e à profissão, receita remédios que possam ser menos custosos e mais acessíveis ao bolsos e manuseio dos pacientes.

Médicos mercenários ( e os há de montes) vão receitar remédios caros e desnecessários. Sabem por que?

Porque cada vez que você leva sua receita na farmácia fica resgistrado lá o CRM  do médico, e os laboraórios possuem programas de computador que rastreiam estes cRMs.

O mesmo se dá tanto para medicamentos, quanto para exames pedidos e cirurgias desnecessárias.

É por esses dados que os médicos queridinhos dos laboratórios, e carrascos do pacientes,  ganham passagens e subsísios para férias, congressos, e quejandos mais.

Por isso volto a dizer: preste atenção ao médico que lhe atende. A autoridade dele não vem do jaleco branco, mas da sabedoria e humanidade, do trato  honesto com o paciente, e, como já disse: da autorização do paciente.

E digo isso de cadeira: minha mãe faleceu de câncer pela incompetência do médico de família, que diagnosticou como escoliose um câncer de útero.

Assim como há atores talentosos e os canastrões ( que são até maioria) o mesmo se dá com os médicos.

(Deixei de fora disso a instável categoria dos médicos da Saúde Pública, o atendimento é ímpar, varia como as nuvens).

O Retiro dos Artistas Agradece

 

retiro O Retiro dos Artistas Agradece

Venha conhecer o Retiro, as portas estão sempre abertas

 

Em 11 de setembro de 2001 a Al Kaeda destruiu as Torres Gemeas de Nova Iorque num  atentado que todos  tem conhecimento.

Ocupando dois andares destas torres havia uma empresa de corretagem de valares com 600 funcionários.

Todos mortos no atentado.

A empresa, pode-se dizer, quase acabou.

Uma empresa que operava em diversos paises.

Levantou-se das cinzas. A partir de então, seus funcionários pelo mundo,  todo dia 11 de setembro em homenagem  aos colegas mortos fazem um ato beneficente.

Neste 11 de setembro passado, os corretores das filial brasileira dedicaram seus ganhos de corretagem daquele dia  ao Retiro dos Artistas.

Estive lá. Eu e vários artistas. Tanto alguns que moram no Retiro quanto outros que ainda estão na ativa.

bcg O Retiro dos Artistas Agradece

Amigos solidários. Agradecemos.

Essa turma de corretores e funcionários teve um  gesto muito importante para nós artistas. O Retiro, que no próximo dia 25 fará 95 anos de fundado precisa desta ajuda.

Precisa da ajuda de todos.Sempre.

Os corretores trabalham na  BGC Liquidez , no Rio de Janeiro.

Aos seus funcionários  o agradecimento em nome de todos nós, artistas e técnicos, pelo apoio, pela solidariedade e pela fraternidade.

E você que me lê se quiser ajudar o Retiro dos Artistas dê um telefonema para e pergunte o que eles precisam lá.

Às vezes são fraldões, às vezes leite em pó, às vezes sucos, às vezes dinheiro mesmo.

O Retiro é uma obra boa, funicona como amparo dos aryistas no fim da vida ou em difuldades de viver sózinhos por razões de saúde.

Você também plode fazer uma visita ao Retiro, tem restaurante lá, tem teatro...não é um asilo, é um lugar de descanso.

O endereço e telefone do Retiro é este:

Rua  Retiro dos Artistas, 571 - Pechincha (Jacarepaguá) , Rio de Janeiro - RJ, 22770-102  Telefone (21) 3382-3730

Hoje É Aniversário do America Football Club

 

america Hoje É Aniversário do America Football Club

 

 

Hoje o America Football Club  completa 110 anos de existência!

Fundado em 1904 o Clube carioca é tão antigo que a agrafia do seu nome é toda ainda em inglês.

Por isso o America não leva acento, e o futebol é grafado como football.

Um clube muito querido dos cariocas e dos brasileiros em geral.

De brincadeira dizia-se que toda a torcida do America cabia numa kombi, ou até num fusca.

Também, com bom humor todos dizem que o América é seu segundo time do coração. Chico Anysio era um dos que dizia isto.

Em verdade  o America foi tão importante para o futebol brasileiro que emprestou seu  nome a times de todo o Brasil.

Mas fato é que o America, hoje em péssima situação, foi um dos maiores clubes de futebol do Rio, e no ranking do Campeonato Carioca  o America é o quinto colocado, qualquer que seja o parâmetro utilizado.

O Hino do America foi incialmente composto por Freire Junior, mas em 1947 Lamartine Babo criou a versão que temos até hoje;

"Hei de torcer, torcer, torcer...

Hei de torcer até morrer, morrer, morrer...

Pois a torcida americana é toda assim

A começar por mim

A cor do pavilhão

É a cor do nosso coração!

Em nossos dias de emoção

Toda torcida cantará esta canção!..."

Fanático torcedor Lamartine desfilou pelas ruas do centro do Rio de Janeiro, em carro aberto fantasiado de diabo para comemorar o  último título do Campeonato Estadual do América-RJ, em 1960.

Além do compositor, o América-RJ já contou com o apoio de torcedores como: Tim Maia, Heitor Villa-Lobos e Max Nunes.

Com sua bandeira vermelha, e seus seletos torcedores o America faz falta ao Campeonato Carioca e Nacional.

Ir para a home do site
Todos os direitos reservados - 2009- Rádio e Televisão Record S/A
exceda.com