Falemos Sobre a Farsa, Gênero Teatral

    Do latim farcire, una farsa é uma obra cômica cujo único objetivo é fazer rir os espectadores. O sentido de farsa como gênero é denunciar certas normas e demonstrar a falência delas.  Utiliza-se muito este gênero para criticar... Continue lendo

Não Aguento Mais Tanto Blablablá

    Ando tão atoleimado com o clima atual do País que sequer consigo pensar no que escrever neste blog, como sempre o faço. Fico muito triste de ver o País o povo brasileiro dividido, sobretudo sabendo que grande parte deste ódio foi... Continue lendo

A Juventude é Passageira

  Quando se é jovem tem-se a sensação de que a juventude é eterna. Mas pouco tempo depois essa ilusão se desfaz, e ainda assim não queremos acreditar  no efêmero do tempo, e assim vamos chegando a velhice. E aí sim estamos na porta para a... Continue lendo

A Corrupção Dentro de Nós

  Tempos de cair as máscaras dos corruptos. Tempo de iluminar as trevas onde campeia a corrupção. Até aí tudo bem, tudo muito simples, e não se fala em outra coisa Mas na verdade a pior corrupção começa mesmo é dentro da gente. Mas, diz... Continue lendo

Dê Um Tempo Ao Seu Tempo

    Percebi uma coisa curiosa a meu respeito e talvez a respeito de muitos de nós. A incapacidade de curtirmos o ócio. O “far niente” como dizem os italianos. De “bundear” como diz a garotada. Há uma ansiedade que nos leva a ter... Continue lendo

Dez Superstições da Gente de Teatro

    Superstição é coisa que pertence a almas infantis, fantasias criadas, que às vezes por coincidência de acontecimentos parecem ter base racional. Nem pensar. São apenas superstições, mas curiosamente vale relembra-las: 1- Amarela... Continue lendo

Chega de Estresse

    A maior parte da responsabilidade pelo nosso estresse diário provém das nossas vãs tentativas de controlar as ações da vida. Estamos sempre ansiosos tentando nos antecipar ao resultado dos atos que vão se configurando em nossas... Continue lendo

Nem Sempre a Maioria É Sábia

    Os regimes políticos sobre os quais se baseia a nossa Sociedade é reflexo exato das nossas crises emocionais, da nossa incapacidade de sermos racionais, e de desejos carnais desesperados por Poder e Ganância. Certa vez uma atriz... Continue lendo

Como Eu, Ator, Lido Com Meus Sentimentos

  Devido à minha profissão em verdade no lugar de ser eu apenas um, sou três: a pessoa, o ator e a personagem. Como pessoa me disponho a trabalhar como ator e como ator disponho-me a sentir e controlar e perceber e agir a partir dos sentimentos... Continue lendo

O Que é Mais Difícil? A Comédia ou o Drama?

  Fazer rir ou fazer chorar? O que é mais difícil? Esta é uma pergunta que me fazem sempre. E a considero um equívoco. O antônimo do Riso não é o Choro. É a Culpa. É a angústia do castigo no porvir. É a ameaça poderosa que faço ao meu... Continue lendo