Uma Noite em 67 – Documentário de Renato Terra e Ricardo Calil

22 programacao Uma Noite em 67 – Documentário de Renato Terra e Ricardo Calil

Uma Noite em 67, de Renato Terra e Ricardo Calil (Foto: Divulgação)

E Tudo Verdade Uma Noite em 67 – Documentário de Renato Terra e Ricardo CalilUma completa viagem pela efervescência cultural dos anos 60 tendo como referência o Festival da Música Popular Brasileira da TV Record em 1967.

Trechos musicais generosos e entrevistas com figurinhas difíceis, como Roberto Carlos conversando com Zuza Homem de Mello, fazem do documentário uma referência para quem gosta de MPB.

Uma Noite em 67
Direção: Renato Terra e Ricardo Calil. Brasil, 2010.
Em exibição na: Mostra Parceria com a SPcine
Indicado para quem: quer ver a gênese da moderna música brasileira
Avaliação do BlogDoc: lente 15 Uma Noite em 67 – Documentário de Renato Terra e Ricardo Calil lente 15 Uma Noite em 67 – Documentário de Renato Terra e Ricardo Calil lente 15 Uma Noite em 67 – Documentário de Renato Terra e Ricardo Calil lente 15 Uma Noite em 67 – Documentário de Renato Terra e Ricardo Calil

Deixe sua avaliação nos comentários

saibamais 600 pixels Uma Noite em 67 – Documentário de Renato Terra e Ricardo Calil

+ É Tudo Verdade 2015: programação completa, análises e notícias

+ Lista: todos os documentários brasileiros lançados nos cinemas desde 1995

+ Agenda: os principais festivais de documentário no Brasil em 2015

+ Curta o BlogDoc no Facebook

+ Siga o BlogDoc no Twitter

  • Espalhe por aí:
    • Digg
    • Facebook
    • Google Bookmarks
    • Live
    • Netvibes
    • RSS
    • Twitter
  • Imprimir:
  • Envie por e-mail:

Posts relacionados

Essa É a Minha Terra – Documentário de Tamara Erde

Essa E a Minha Terra Divulgacao E Tudo Verdade 2015 Essa É a Minha Terra – Documentário de Tamara Erde

Alunos palestinos em Essa É a Minha Terra, documentário de Tamara Erde (Foto: Divulgação)

E Tudo Verdade Essa É a Minha Terra – Documentário de Tamara ErdeComo a história de Israel e da Palestina é contada nas escolas? Israelense radicada em Paris, Tamara Erde percorre instituições de ensino dos dois lados da fronteira para ver as diferenças no trato com os fatos de acordo com o lado do muro em que se está.

O que se vê, em geral, é muito sectarismo de ambos os lados. Das seis escolas visitadas, apenas uma delas recebe igualmente judeus e palestinos e é de lá que aparecem os posicionamento mais arejados, ainda que a tensão entre as posições dicotômicas continue presente tanto entre alunos, quanto entre professores.

Essa É a Minha Terra
Direção: Tamara Erde. França, 2014. 93 minutos. Classificação indicativa: 12 anos.
Em exibição na: Mostra O Estado das Coisas
Indicado para quem: duvida de que é tudo verdade
Não indicado para quem: toma partidio de um único lado nesse conflito
Avaliação do BlogDoc: lente 15 Essa É a Minha Terra – Documentário de Tamara Erde lente 15 Essa É a Minha Terra – Documentário de Tamara Erde lente 15 Essa É a Minha Terra – Documentário de Tamara Erde lente 15 metade Essa É a Minha Terra – Documentário de Tamara Erde

Deixe sua avaliação nos comentários

(Por Marcelo Bauer)

saibamais 600 pixels Essa É a Minha Terra – Documentário de Tamara Erde

+ É Tudo Verdade 2015: programação completa, análises e notícias

+ Lista: todos os documentários brasileiros lançados nos cinemas desde 1995

+ Agenda: os principais festivais de documentário no Brasil em 2015

+ Curta o BlogDoc no Facebook

+ Siga o BlogDoc no Twitter

 

  • Espalhe por aí:
    • Digg
    • Facebook
    • Google Bookmarks
    • Live
    • Netvibes
    • RSS
    • Twitter
  • Imprimir:
  • Envie por e-mail:

Posts relacionados

Filme Sobre Um Bom Fim – Documentário de Boca Migotto

Filme sobre Bom Fim E Tudo Verdade 2015 Divulgacao Filme Sobre Um Bom Fim – Documentário de Boca Migotto

Filme Sobre Um Bom Fim, documentário de Boca Migotto (foto: Divulgação)

E Tudo Verdade Filme Sobre Um Bom Fim – Documentário de Boca Migotto Bairro tradicional de Porto Alegre, o Bom Fim acumulou uma história que o tornou o epicentro de transformações culturais nas décadas de 1960, 70 e 80. Ali floresceram movimentos artísticos diversos – cinema e vídeo, teatro e música. DeFalla e Engenheiros do Hawaii são os nomes que ficaram mais conhecidos no cenário nacional, mas o filme mostra que a produção ali era muito mais ampla.

Assim, o ponto fraco e o ponto forte acabam sendo o mesmo: Filme Sobre Um Bom Fim dá a conhecer aos não gaúchos uma série de nomes importantes no circuito underground. Mas, com tantos nomes desconhecidos (para esse público), o documentário acaba soando mais como uma aula de introdução ao fenômeno do que uma revisita ao passado.

Bom Fim vem na esteira de dois outros filmes oitentistas que exploram as manifestações culturais em grandes cidades brasileiras – A Farra do Circo (RJ) e Lira Paulistana e a Vanguarda Paulista (SP). Juntos, fazem um panorama interessante da efervescência cultural daquela época, com seus vários sotaques.

Filme Sobre Um Bom Fim
Direção: Boca Migotto. Brasil, 2015. 88 minutos.
Em exibição na: Competição Brasileira de Longas e Médias
Indicado para quem: gaúchos, gaúchos, gaúchos. E também para quem curte cena underground em geral
Não indicado para quem: não gosta de ouvir pessoas falando sobre seus próprios umbigos
Avaliação do BlogDoc: lente 15 Filme Sobre Um Bom Fim – Documentário de Boca Migotto lente 15 Filme Sobre Um Bom Fim – Documentário de Boca Migotto lente 15 Filme Sobre Um Bom Fim – Documentário de Boca Migotto

Deixe sua avaliação nos comentários

(Por Marcelo Bauer)

saibamais 600 pixels Filme Sobre Um Bom Fim – Documentário de Boca Migotto

+ É Tudo Verdade 2015: programação completa, análises e notícias

+ Lista: todos os documentários brasileiros lançados nos cinemas desde 1995

+ Agenda: os principais festivais de documentário no Brasil em 2015

+ Curta o BlogDoc no Facebook

+ Siga o BlogDoc no Twitter

 

  • Espalhe por aí:
    • Digg
    • Facebook
    • Google Bookmarks
    • Live
    • Netvibes
    • RSS
    • Twitter
  • Imprimir:
  • Envie por e-mail:

Posts relacionados

Drone – Documentário de Tonje Hessen Schei

Drone E Tudo Verdade 2015 Divulgacao Drone – Documentário de Tonje Hessen Schei

Cena de Drone, documentário de Tonje Hessen Schei

E Tudo Verdade Drone – Documentário de Tonje Hessen Schei
No estado de Nevada (EUA), em um cenário que parece uma lan-house futurista, jovens de 20 e poucos anos passam o dia controlando aviões por controle remoto. Suas ações destroem vidas no Paquistão – e, como mostra o filme – nem sempre as vítimas são terrositas do Al-Qaeda. Muitos civis, incluindo crianças, acabam sendo atingidas.

Um ex-piloto decide contar sua história – mas a sociedade americana está disposta a ouvi-la de verdade?

Drone
Direção: Tonje Hessen Schei Noruega, 2014. 78 minutos.
Em exibição na: Mostra O Estado das Coisas
Indicado para quem: quer mais argumentos contra guerras (em geral)
Não indicado para quem: detesta documentário com jeito de telefilme, com truques de musiquinhas tensas e tudo mais.
Avaliação do BlogDoc: lente 15 Drone – Documentário de Tonje Hessen Schei lente 15 Drone – Documentário de Tonje Hessen Schei lente 15 Drone – Documentário de Tonje Hessen Schei lente 15 metade Drone – Documentário de Tonje Hessen Schei

Deixe sua avaliação nos comentários

(Por Marcelo Bauer)

saibamais 600 pixels Drone – Documentário de Tonje Hessen Schei

+ É Tudo Verdade 2015: programação completa, análises e notícias

+ Lista: todos os documentários brasileiros lançados nos cinemas desde 1995

+ Agenda: os principais festivais de documentário no Brasil em 2015

+ Curta o BlogDoc no Facebook

+ Siga o BlogDoc no Twitter

 

  • Espalhe por aí:
    • Digg
    • Facebook
    • Google Bookmarks
    • Live
    • Netvibes
    • RSS
    • Twitter
  • Imprimir:
  • Envie por e-mail:

Posts relacionados

Carregador 1118 – Documentário de Eduardo Consonni e Rodrigo T. Marques

Carregador 1118 Divulgacao E Tudo Verdade 2015 Carregador 1118 – Documentário de Eduardo Consonni e Rodrigo T. Marques

Antonio da Silva no documentário Carregador 1118, de Eduardo Consonni e Rodrigo T. Marques (Foto: Divulgação)

E Tudo Verdade Carregador 1118 – Documentário de Eduardo Consonni e Rodrigo T. MarquesHá anos, Antonio da Silva carrega caixas de frutas e verduras no Ceagesp, maior entreposto comercial da América Latina. Ao dia duro de trabalho se sucedem as costumeiras passagens pelos bares para alguns momentos de sinuca e cachaça.

No modelo de cinema de observação, Eduardo e Rodrigo acompanham o personagem em um filme com fotografia bela e discurso rarefeito. Além da rotina, são poucas as tramas paralelas – basicamente as conversas pelo telefone com a mulher, que o mandou para fora de casa.

A trilha sonora é um capítulo à parte: canções inéditas feitas para o filme interpretadas por Wanderley Cardoso, um dos expoentes do brega dos anos 1960-70.

Carregador 1118
Direção: Eduardo Consonni e Rodrigo T. Marques. Brasil, 2014. 64 minutos. Classificação indicativa: 12 anos.

Em exibição na: mostra O Estados das Coisas
Indicado para quem: gosta de divagar e tirar lições de pequenas coisas da vida
Não indicado para quem: não gosta de filmes baseados em um único personagem
Avaliação do BlogDoc:lente 15 Carregador 1118 – Documentário de Eduardo Consonni e Rodrigo T. Marques lente 15 Carregador 1118 – Documentário de Eduardo Consonni e Rodrigo T. Marques lente 15 Carregador 1118 – Documentário de Eduardo Consonni e Rodrigo T. Marques lente 15 metade Carregador 1118 – Documentário de Eduardo Consonni e Rodrigo T. Marques

Deixe sua avaliação nos comentários

(Por Marcelo Bauer)

saibamais 600 pixels Carregador 1118 – Documentário de Eduardo Consonni e Rodrigo T. Marques

+ É Tudo Verdade 2015: programação completa, análises e notícias

+ Lista: todos os documentários brasileiros lançados nos cinemas desde 1995

+ Agenda: os principais festivais de documentário no Brasil em 2015

+ Curta o BlogDoc no Facebook

+ Siga o BlogDoc no Twitter

 

  • Espalhe por aí:
    • Digg
    • Facebook
    • Google Bookmarks
    • Live
    • Netvibes
    • RSS
    • Twitter
  • Imprimir:
  • Envie por e-mail:

Posts relacionados

Orestes – Documentário de Rodrigo Siqueira

Orestes Foto Divulgacao Orestes – Documentário de Rodrigo Siqueira

Ñasaindy em cena de Orestes, de Rodrigo Siqueira (Foto: Divulgação)

E Tudo Verdade Orestes – Documentário de Rodrigo Siqueira Numa sociedade injusta feito a nossa, como os ódios do passado ecoam no presente? E como os ódios do presente misturam-se com os do passado? Com Orestes, Rodrigo Siqueira tece uma obra complexa e reflexiva sobre o tema, estruturando-a em três camadas.

De uma parte, vítimas de violência arbitrária do passado e do presente falam de suas dores.

Ñasaindy de Araújo Barret é filha dos militantes de esquerda José Maria Ferreira de Araújo e Soledad Barrett Viedma. Após a morte de José Maria (1970), Soledad teve um relacionamento amoroso com Cabo Anselmo, agente duplo da ditadura. Ele depois viria a delatá-la e participou do episódio que levou a sua morte, junto com cinco outros militantes, no ataque que ficou conhecido como Massacre da Chácara São Bento (1973). Ironias da vida, as únicas fotos que Ñasaindy guarda da sua infância provavelmente foram tiradas por Anselmo, quando do exílio de sua mãe em Cuba.

À dor de Ñasaindy se junta a de outro militante da esquerda sobrevivente do DOI-Codi. E a de famílias das novas vítimas da repressão policial – garotos jovens, na maior parte das vezes negros e pobres, que caem sob a bala da polícia. E a dor da classe média que perde seus filhos em latrocínios. E a de quem convive com todo esse caldo de cultura, como a enfermeira que trabalha em um hospital da periferia e vê seus plantões tomados por ocorrências de armas de fogo.

Rodrigo Siqueira mistura todos os personagens em tensas sessões de psicodrama, na segunda camada de seu filme. Como conciliar o ódio de uma mãe de classe média que prega a pena de morte com a desolação de pais de periferia que perderam seus filhos para os tiros da PM?

A terceira camada coloca ainda mais lenha nessa fogueira ao criar um júri simulado com a função de analisar um “caso” que é uma livre adaptação da tragédia grega de Orestes entrecruzada e atualizada com nossa ditadura militar. Na trilogia grega Oresteia, de Ésquilo, Orestes mata a mãe para vingar a morte do pai. No julgamento que vemos no documentário, dá-se o inverso.

Rodrigo criou o caso fictício com base nas histórias de Soledad, chegando mesmo a escrever uma detalhada descrição dos fatos, que serviu como base para que um juiz (José Henrique Torres), um promotor (Maurício Antônio Ribeiro Lopes) e um advogado (José Carlos Dias) construíssem seus argumentos para o júri simulado, no qual agiram livremente, sem roteiro.

Parênteses para falar das locações. O imponente, porém antiquado (ou vice-versa) Salão Nobre da Faculdade de Direito do Largo São Francisco, da USP, é a sede do julgamento. As dependências do DOI-Codi na Rua Tutoia, em São Paulo, e um teatro meio em ruínas são palcos das sessões de psicodrama. As escolhas explicam as intenções. Fecha parênteses.

Ex-vencedor do É Tudo Verdade (em 2010, com o surpreendente Terra Deu, Terra Come), Rodrigo volta com grande vigor ao festival. Deixa claro que a violência e o ódio no nosso país são eventos com muitas camadas. Tentar reduzir tudo a argumentos ideológicos simplistas de ambos os lados – como “pena de morte para os bandidos” ou “é tudo culpa da elite” – não nos ajuda em nada.

Orestes
Direção: Rodrigo Siqueira. Brasil, 2015. 88 minutos.
Em exibição na: Competição Brasileira de Longas e Médias
Indicado para quem: preocupadas com o rumo das coisas no nosso país em geral
Não indicado para quem: alienados e alieníginas
Avaliação do BlogDoc: lente 15 Orestes – Documentário de Rodrigo Siqueira lente 15 Orestes – Documentário de Rodrigo Siqueira lente 15 Orestes – Documentário de Rodrigo Siqueira lente 15 Orestes – Documentário de Rodrigo Siqueira lente 15 metade Orestes – Documentário de Rodrigo Siqueira

Deixe sua avaliação nos comentários

(Por Marcelo Bauer)

saibamais 600 pixels Orestes – Documentário de Rodrigo Siqueira

+ É Tudo Verdade 2015: programação completa, análises e notícias

+ Lista: todos os documentários brasileiros lançados nos cinemas desde 1995

+ Agenda: os principais festivais de documentário no Brasil em 2015

+ Curta o BlogDoc no Facebook

+ Siga o BlogDoc no Twitter

  • Espalhe por aí:
    • Digg
    • Facebook
    • Google Bookmarks
    • Live
    • Netvibes
    • RSS
    • Twitter
  • Imprimir:
  • Envie por e-mail:

Posts relacionados

Eu Sou Carlos Imperial – Documentário de Renato Terra e Ricardo Calil

Eu Sou Carlos Imperial E Tudo Verdade 2015 Divulgacao Eu Sou Carlos Imperial – Documentário de Renato Terra e Ricardo Calil

Carlos Imperial é o tema do segundo documentário da dupla Renato Terra e Ricardo Calil (Foto: Divulgação)

E Tudo Verdade Eu Sou Carlos Imperial – Documentário de Renato Terra e Ricardo Calil Ator, produtor de cinema, produtor musical, apresentador de TV e até vereador. Carlos Imperial (1935-1992) sempre foi uma espécie de bom malandro no universo do show business brasileiro. Era uma figura doce e ajudou muitos músicos a se lançar. Ao mesmo tempo, gostava de ser o centro das atenções e registrava como suas músicas feitas em parceria com outros profissionais – e até canções de domínio público.

Teve uma vida libertária, rodeado de mulheres e orgias. Abraçou o que viesse para se manter na onda do momento – pornochanchada, discoteca etc. Fez de si próprio um personagem único, fabricando lendas e polêmicas a seu redor. Em resumo, um figuraço.

Autores do igualmente competente Uma Noite em 67, Renato Terra e Ricardo Calil traçam um perfil amplo de Imperial. Botam o dedo na ferida, mas, ao mesmo tempo, tratam o personagem como ele mesmo se tratava: com uma certa dose de bom humor e condescendência.

Eu Sou Carlos Imperial
Direção: Renato Terra e Ricardo Calil. Brasil, 2015. 90 minutos.
Em exibição na: Competição Brasileira de Longas e Médias
Indicado para quem: mais velhos reverem, mais novos conhecerem
Não indicado para quem: é careta
Avaliação do BlogDoc: lente 15 Eu Sou Carlos Imperial – Documentário de Renato Terra e Ricardo Calil lente 15 Eu Sou Carlos Imperial – Documentário de Renato Terra e Ricardo Calil lente 15 Eu Sou Carlos Imperial – Documentário de Renato Terra e Ricardo Calil lente 15 Eu Sou Carlos Imperial – Documentário de Renato Terra e Ricardo Calil

Deixe sua avaliação nos comentários

(Por Marcelo Bauer)

saibamais 600 pixels Eu Sou Carlos Imperial – Documentário de Renato Terra e Ricardo Calil

+ É Tudo Verdade 2015: programação completa, análises e notícias

+ Lista: todos os documentários brasileiros lançados nos cinemas desde 1995

+ Agenda: os principais festivais de documentário no Brasil em 2015

+ Curta o BlogDoc no Facebook

+ Siga o BlogDoc no Twitter

  • Espalhe por aí:
    • Digg
    • Facebook
    • Google Bookmarks
    • Live
    • Netvibes
    • RSS
    • Twitter
  • Imprimir:
  • Envie por e-mail:

Posts relacionados

Sete Visitas – Documentário de Douglas Duarte

Sete Visitas E Tudo Verdade 2015 Divulgacao Sete Visitas – Documentário de Douglas Duarte

Cena do documentário Sete Visitas, de Douglas Duarte (Foto: Divulgação)

E Tudo Verdade Sete Visitas – Documentário de Douglas Duarte A fascinação do documentarista pela entrevista é algo impressionante. Talvez mais do documentarista brasileiro, em função do fenômeno Eduardo Coutinho.

Sete Visitas é mais um dos que surge com a ideia de investigar os mecanismos do documentário de entrevistas. Ele inverte a lógica, colocando um mesmo entrevistado – Silvana, uma paranaense radicada no Rio – diante de sete entrevistados.

A amostra de entrevistadores é das mais variadas. Estão lá o próprio Coutinho (o filme foi rodado meses antes de sua morte), um juiz de Direito, a filha da personagem e por aí vai. Tá. Mas o que isso tudo nos diz além do que já sabemos – de que, mudando as perguntas, mudam as respostas?

Sete Visitas é tudo ao contrário. Só que não.

Teaser Sete visitas from Douglas Duarte on Vimeo.

Sete Visitas
Direção: Douglas Duarte. Brasil, 2015. 73 minutos.
Em exibição na: Competição Brasileira de Longas e Médias
Indicado para quem: coutinhistas e afins
Não indicado para quem: mais entrevistas?
Avaliação do BlogDoc: lente 15 Sete Visitas – Documentário de Douglas Duarte  lente 15 Sete Visitas – Documentário de Douglas Duarte  lente 15 Sete Visitas – Documentário de Douglas Duarte

Deixe sua avaliação nos comentários

(Por Marcelo Bauer)

saibamais 600 pixels Sete Visitas – Documentário de Douglas Duarte

+ É Tudo Verdade 2015: programação completa, análises e notícias

+ Lista: todos os documentários brasileiros lançados nos cinemas desde 1995

+ Agenda: os principais festivais de documentário no Brasil em 2015

+ Curta o BlogDoc no Facebook

+ Siga o BlogDoc no Twitter

  • Espalhe por aí:
    • Digg
    • Facebook
    • Google Bookmarks
    • Live
    • Netvibes
    • RSS
    • Twitter
  • Imprimir:
  • Envie por e-mail:

Posts relacionados

A Paixão de JL – Documentário de Carlos Nader

A Paixao de JL E Tudo Verdade 2015 Divulgacao A Paixão de JL – Documentário de Carlos Nader

E Tudo Verdade A Paixão de JL – Documentário de Carlos Nader

Nader tem história no É Tudo Verdade. Venceu em 2008, com Pan-Cinema Permanente, e novamente em 2014, com Homem Comum. Conseguirá agora um inédito tricampeonato?

A Paixão de JL é um documentário focado nos anos finais de vida do artista plástico José Leonilson Bezerra Dias (1957-1993). A partir de 1990, Leonilson começou a gravar em fitas cassete uma espécie de diário de vida, alinhavando temas cotidianos – como comentários a filmes e seriados de TV – com discussões sobre sua vida e seus amores.

A partir apenas do áudio, Nader constrói uma narrativa singela e eficiente. Usa algumas imagens mais abstratas, mas destaca-se pela exibição de muitas obras do artista, sempre conectadas com seu estado de espírito de momento, como provam as fitas. A isso se soma o uso de imagens de fatos políticos do momento, também comentados por ele – como a eleição de Collor ou a Guerra no Iraque – e de trechos de filmes, programas de TV e videoclipes.

Pintor, desenhista e escultor, Leonilson nasceu em Fortaleza e morreu em São Paulo, vítima da aids. Ele nem desconfiava da doença quando começou a gravar seu diário. O tom nas conversas ao microfone, obviamente, muda substancialmente após a notícia, assim como suas reflexões e seu relacionamento com as pessoas mais próximas.

Mais uma obra sensível de Nader. Mais um candidato forte ao prêmio.

A Paixão de JL
Direção: Carlos Nader Brasil, 2014. 82 minutos.
Em exibição na: Competição Brasileira de Longas e Médias
Indicado para quem: ver ver alguém se abrindo sobre sua vida (e sua morte)
Não indicado para quem: prefere evitar filmes no estilo “jornada pessoal”
Avaliação do BlogDoc: lente 15 A Paixão de JL – Documentário de Carlos Nader lente 15 A Paixão de JL – Documentário de Carlos Nader lente 15 A Paixão de JL – Documentário de Carlos Nader lente 15 A Paixão de JL – Documentário de Carlos Nader

Deixe sua avaliação nos comentários

(Por Marcelo Bauer)

saibamais 600 pixels A Paixão de JL – Documentário de Carlos Nader

+ É Tudo Verdade 2015: programação completa, análises e notícias

+ Lista: todos os documentários brasileiros lançados nos cinemas desde 1995

+ Agenda: os principais festivais de documentário no Brasil em 2015

+ Curta o BlogDoc no Facebook

+ Siga o BlogDoc no Twitter

 

  • Espalhe por aí:
    • Digg
    • Facebook
    • Google Bookmarks
    • Live
    • Netvibes
    • RSS
    • Twitter
  • Imprimir:
  • Envie por e-mail:

Posts relacionados

Últimas Conversas – Documentário de Eduardo Coutinho

Ultimas Conversas Divulgacao Últimas Conversas – Documentário de Eduardo Coutinho

Últimas Conversas, de Eduardo Coutinho, abre o É Tudo Verdade 2015 (Foto: Divulgação)

E Tudo Verdade Últimas Conversas – Documentário de Eduardo CoutinhoCoutinho em grande forma em seu último filme: rabugento, crítico, ácido consigo mesmo, discutindo o próprio cinema, buscando sempre o melhor e não se contentando com pouco.

Acostumado a entrevistar todo tipo de gente, Coutinho se desconcerta diante dos adolescentes. O filme começa com as reclamações do diretor, ele próprio sentado na cadeira destinada normalmente a seus entrevistados (algo insólito para quem sempre procurou se esconder atrás das câmeras por se achar menos importante que seus convidados).

Coutinho acha que os jovens chegam ao estúdio com tudo muito ensaiado e que, por isso, não consegue tirar deles a verdade. Lamenta não ter escolhido as crianças como tema.

Mas o que se vê na sequência é uma série de depoimentos reveladores de uma juventude por vezes muito triste. Insegurança, bullying, famílias desestruturadas são a marca desses jovens que falam mais de problemas do que de sonhos. Mas o final é alentador.

O documentário, deixado inacabado por Coutinho, foi editado após a sua morte pela montadora Jordana Berg, parceira em boa parte de suas obras, e terminado por João Moreira Salles, produtor da Videofilmes. Nesta entrevista ao site da Associação de Profissionais de Edição Audiovisual, Jordana explica todo o processo de edição - e revela que a ideia de usar o desabafo de Coutinho no início do filme surgiu apenas na montagem.

Últimas Conversas
Direção: Eduardo Coutinho. Montagem: Jordana Berg. Produção: Videofilmes. Brasil, 2015. 85 minutos.
Em exibição na: Exibição especial – Abertura (9/4 em SP e 10/4 no Rio). Ver demais datas.
Indicado para quem: se interessa por documentários em geral, de entrevista em particular
Não indicado para quem: tem algo contra o jeito Coutinho de filmar
Avaliação do BlogDoc: lente 15 Últimas Conversas – Documentário de Eduardo Coutinho lente 15 Últimas Conversas – Documentário de Eduardo Coutinho lente 15 Últimas Conversas – Documentário de Eduardo Coutinho lente 15 Últimas Conversas – Documentário de Eduardo Coutinho lente 15 metade Últimas Conversas – Documentário de Eduardo Coutinho 

Deixe sua avaliação nos comentários

(Por Marcelo Bauer)

saibamais 600 pixels Últimas Conversas – Documentário de Eduardo Coutinho

+ É Tudo Verdade 2015: programação completa, análises e notícias

+ Lista: todos os documentários brasileiros lançados nos cinemas desde 1995

+ Agenda: os principais festivais de documentário no Brasil em 2015

+ Curta o BlogDoc no Facebook

+ Siga o BlogDoc no Twitter

Atualizado em 12/4/2015

  • Espalhe por aí:
    • Digg
    • Facebook
    • Google Bookmarks
    • Live
    • Netvibes
    • RSS
    • Twitter
  • Imprimir:
  • Envie por e-mail:

Posts relacionados

1 de 3712345...: ...Último