Publicado em 27/04/2011 às 10h23

EXPOVINIS 2011, A SAGA – PARTE 1

expovinis logo EXPOVINIS 2011, A SAGA   PARTE 1


Olha... tem tanta coisa pra falar sobre a Expovinis deste ano que terei que dividir em alguns posts. Pelo menos em 3 posts! Ela está muito bem organizada, vinhos de excelente qualidade (Claro que há vinhos ruins também) e os expositores inovando cada vez mais para atrair o público e ganhar a simpatia dos profissionais, jornalistas e todos que passam por lá. Ontem e hoje são os dias dedicados apenas a profissionais e imprensa e amanhã, o último dia, é voltado também aos consumidores finais. E aí, quem puder e quiser, vale a pena conhecer e experimentar! Já aviso que não dá pra chegar nem perto de beber tudo... por isto, a minha dica é focar no que mais gosta ou no que não conhece para não perder tempo!


Mas vamos lá... este primeiro post é sobre os melhores vinhos da feira, eleição feita por um corpo respeitado de jurados, que elege os melhores por categoria.


Espumante Nacional

Casa Valduga 130 Brut

Valmarino & Churchill Champenoise, 2009

Aurora Chardonnay Método Charmat

Peterlongo Elegance Champenoise Brut

 

Espumante Importado

Champagne Cuvée Charles Gardet

Le Marchesine Franciacorta Brut Docg

Margot Extra Brut

Astoria Prosecco Cartizze

Zonin Prosecco Doc

 

Branco Sauvignon Blanc

Casas Del Bosque Pequeñas Producciones Sauvignon Blanc, 2009

Casas Del Toqui Terroir Selection Gran Reserva, 2010

Villa Francioni Sauvignon Blanc, 2009

Sanjo Núbio Sauvignon Blanc, 2010

 

Branco Chardonnay

Giaconda Nantua Vineyard Chardonnay, 2005

Monte Agudo Terroir De Altitude Chardonnay, 2008

Phillippe Collin Chevalier Montrachet Grand Cru, 2007

Salton Virtude Chardonnay, 2008

Luiz Argenta Gran Reserva Chardonnay, 2009

 

Branco Outras Castas


Morgado De Sta Catherina Bucelas Reserva Arinto, 2008

Casa De Sarmento Maria Gomes, 2008

Sanjo Maestrale Integrus, 2008

Eral Bravo Urano Torrontés, 2010

Herdade Dos Grous Reserva Branco Regional, 2008

 


Rosés

Château De Pourcieux Côtes De Provence, 2010

Chateau De L’escarelle Coteaux Varois En Provence, 2010

Domaine De Vignaret Rosé

Chateau De L’escarelle Les Belles Bastilles, 2010

Chateau Ferrylacombe Cascaii Rosé, 2010

 

Tinto Nacional

Pizzato DNA 99, 2005

Santo Emílio Leopoldo Cabernet Sauvignon Merlot, 2007

Viapiana Via 1986 Marselan, 2009

Miolo Merlot Terroir, 2008

 

Tinto Novo Mundo

Jim Barry The Mcrae Wood Shiraz, 2005

Undurraga Th Pinot Noir, 2009

Spice Route Mourvèdre, 2008

Gimenez Rilli Reserva Altamira, 2007

Perez Cruz Quelen Special Selection, 2006


 

Tinto Velho Mundo

Roquette & Cazes, 2007

Burgos Porta Mas Sinén Coster, 2006

Bodegas Portia Ebeia Roble, 2009

Bodegas Portia Prima, 2007

Mouchão Colheitas Antigas, 2000


 

Doce / Fortificado

Justino’s 10 Years – Madeira

Quinta Santa Maria Portento, 2006

Meerendal Chenin Blanc Natural Sweet, 2009

Dr. Loosen Ürziger Würzharten Riesling Auslese 2008

Pericó Ice Wine, 2009


Depois farei um relato sobre minhas visitas, comentando os vinhos e fatos mais relevantes da feira na minha opinião!

 

CHEERS!!

Beba moderadamente! O excesso de álcool é prejudicial à saúde!

Siga o EnoDeco no Twitter!
Torne-se um fã do EnoDeco no Facebook!

Posts Relacionados

Publicado em 27/04/2011 às 00h16

APESAR DE OFF, FOI REALMENTE IN!

OFF 1 300x169 APESAR DE OFF, FOI REALMENTE IN!

As Fotos são do amigo e blogueiro Silvestre Tavares (www.vivendoavida.net)

Ontem foi o esperado dia do Encontro de Vinhos Off, que eu já havia comentado aqui, organizado pelo Beto Duarte e pelo Daniel Perches. Foi no Pomar da Bendita Hora, uma das mais tradicionais pizzas de São Paulo. E o evento não decepcionou, pelo contrário! Foi muito bem organizado, palestras de produtores e importadores muito interessantes e principalmente muitas novidades e bons vinhos para tomarmos.


De início cheguei às 12:00, um pouco antes do início oficial pois fui um dos julgadores dos melhores vinhos da feira, os TOP 5. Demorei mais ou menos uns 4o minutos na avaliação dos 24 vinhos que as importadoras disponiblizaram para a avaliação. Acabei não anotando a minha ordem geral de todos os vinhos, mas sei que dos 5 melhores no placar final, 3 deles também foram os melhores pontuados por mim. E o vencedor foi um vinho italiano, da toscana, feito com 100% de tempranillo! Sim, acreditem! Um toscano feito de Tempranillo. O vinho é o Vigna Alle Nicchie, do produtor Pietro Beconcini. O resultado do TOP 5 segue abaixo:



1- Vigna Alle Nicchie - Pietro Beconcini - Toscana - Itália


2- Arboleda Carménère - Chile


3- Wences - Toro - Espanha


4- Judas - Mendoza - Argentina


5- Dominio de Tares - Bierzo - Espanha

Sobre as novidades e coisas boas que tomei, vou relatar algumas que me chamaram a atenção:


A distribuidora Tahaa (www.tahaavinhos.com.br) trouxe algumas coisas bacanas. O Otañon Boyante 2008 é um belo tempranillo de apenas R$ 52.00. Há também o Dominio de Tares Cepas Viejas 05, que ficou em quinto lugar no TOP 5 e é feito com a uva da moda na Espanha, a  mencía. Mereceu 90 pontos de Robert Parker e da Wine Spectator.Custa R$ 160,00. E o último que me chamou muito a atenção, um dos melhores vinhos da feira, o Barbera d'Alba Cordero di Montezemolo, um Babera diferente, moderno e bem persistente! Uma surpresa! Custa R$179,00.


Depois queria citar o produtor italiano La Fornace, que ainda não tem importador no Brasil, e estava com seus rótulos por aqui. Não vou colocar aqui os preços pois eles não estão disponíveis no Brasil, mas todos os seus rótulos impressionam! São eles: IGT 2009, Rosso di Montalcino 2008, Brunello di Montalcino 2005  e também o 2006 e por útlimo um autêntico, delicioso e moderno Brunello di Montalcino Riserva 2004!


E por último, dentre tantas outras coisas que mereceriam destaque, a novíssima importadora Vinica (http://www.vinica.com.br/) com um vinho português feito com a uva Loureiro, o Encosta do Xisto 2010 por meros R$ 35,50. Outra boa aposta deles, é o diferente e agradável alemão Kerner 2009 por R$ 90,00 e que levou também 90 pontos do Parker. Um excelente custo-benefício aparece com o espanhol La Villa Real Crianza 2006, feito na região de La Mancha que é um corte de Cabernet Sauvignon e Tempranillo por apenas R$ 38,00. Outro que mercer destaque é um belíssimo Bordeaux, o Le Sartre 2007  por R$ 116,00, que para um Bordeaux deste naipe é bem honesto e por último um vinho da Lombardia feito com uvas passificadas (secas ao sol), o Rainoldi Sfurzat di Valtelina 2007, que fica no meio do caminho entre um Amarone e um Barolo. Um vinho diferente e interessante por R$ 171,00. 

 

Poderia também falar da surpreendente Au Vin, que deixou muita gente de boca aberta com seus libaneses diferentes e persistentes, mas por ser um país que ainda não falei aqui, e vinhos que nem sempre são comentados, acho que vale um tempinho para edicar apenas ao líbano e seus vinhos.

 

 

E não poderia deixar de falar no Senhor Brigadeiro, brigadeiros gourmets feitos pela simpática e competente Vanessa e que adoçaram a vida de todos por lá!

 

 

Daniel e Beto, mais uma vez, parabéns! Evento perfeito, instrutivo e acima de tudo, delicioso em todos os sentidos! Golaço! Quem não foi, perdeu!

 

 

CHEERS!!

Beba moderadamente! O excesso de álcool é prejudicial à saúde!

Siga o EnoDeco no Twitter!
Torne-se um fã do EnoDeco no Facebook!

OFF Avaliação 300x177 APESAR DE OFF, FOI REALMENTE IN!

Vinhos que foram avaliados antes do evento.

Posts Relacionados

Perfil

André Rossi (Déco), 37 anos, é formado pelo instituto inglês Wine & Spirits Education Trust (WSet) nos níveis 1 - Foundation, 2 - Intermediate e 3 - Advanced, cursados em Nova York. Atualmente está cursando o quarto e último nível do WSET, o “Diploma”.

É também um dos únicos cinco Brasileiros residentes no país a ser credenciado como Professor deste mesmo WSet, tendo sido aprovado pelo WSet Educator Training Program 2011, em Nova York.

Editor e Idealizador do Blog EnoDeco, que é hoje o blog oficial de vinhos do portal R7, um dos blogs de vinho mais acessados do Brasil, e que já foi indicado pelo Guia 4 Rodas 2009 como um dos 10 melhores eno-blogs do Brasil.

Colunista da Revista Cool Magazine, da Revista Online Bloggers e também Editor de Vinhos da 4a. Edição do Flavour Guide , projeto anual do crítico gastronômico Josimar Melo. É jurado e avaliador de vinhos de vários eventos e revistas especializadas.

Há 2 anos é o Relações Públicas da Wines of Argentina (WofA), associação das melhores e principais vinícolas argentinas, sendo o responsável pela comunicação, eventos, degustações e todas as ações que a WofA faz em todo o Brasil, para divulgar e comunicar o vinho argentino por aqui.

Foi o ganhador do concurso “Meu Vinho com Susana Balbo” que foi disputado por 30 blogueiros e jornalistas de vinho, onde o principal objetivo era fazer o seu próprio vinho, usando 5 variedades disponibilizadas pela mais importante e premiada enóloga argentina, Susana Balbo. Seu vinho foi escolhido entre os 30 competidores, numa degustação às cegas pela enóloga e sua equipe, tendo um vinho assinado em conjunto com Susana, o Dominio del Plata Essential Limited Edition 2011.

É Publicitário de formação e foi Diretor de Atendimento de grandes agências como W/Brasil e Lew’Lara/TBWA, tendo passado também por Young & Rubicam, DPZ, Leo Burnett e Publicis. Antes disto, trabalhou na área de marketing da importadora Expand.

Publicidade

Arquivo

abril 2011
S T Q Q S S D
« mar   mai »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930  

Blogs do R7

Home de Blogs +
Ir para a home do site
Todos os direitos reservados - 2009- Rádio e Televisão Record S/A
exceda.com