8
jan
2013

10 MELHORES VINHOS DA SEMANA EM 2012, BY ENODECO: SEXTO E QUINTO COLOCADOS.

Postado por andrerossi às
16h45

top102 300x300 10 MELHORES VINHOS DA SEMANA EM 2012, BY ENODECO: SEXTO E QUINTO COLOCADOS.

 

Continuando a contagem regressiva dos 10 melhores vinhos de 2012, que fizeram parte da coluna "Vinho da Semana", vamos ao sexto e quinto colocados. Posso dizer que foram 2 gratíssimas surpresas, com estilos bem diferentes e em suas faixas de preço, excelentes escolhas! Seguem os vinhos, com os comentários que fiz na época!

 

 

6. Vinho: A.Mano Primitivo IGT 2008

Produtor: A.Mano

Origem: Puglia (Italia)
Uvas: Primitivo

Safra: 2008
Importadora no Brasil: Ravin
Preço Aproximado: R$ 55,00

 

 

Os vinhos da Puglia estão ganhando cada vez mais adeptos no Brasil. Esta região, que é o "Salto da Bota" da Itália tem experimentado boas evoluções e bons vinhos e eles tem feito um certo sucesso por aqui, principalmente por serem vinhos relativamente mais fáceis de tomar do que alguns outros italianos que encontramos. A uva Primitivo é a mesma uva que a Zinfandel na California, só que com outro nome.

 

O vinho é bem bacana, principalmente pelo custo. Um vinho intenso que no nariz lembra frutas vermelhas, tostado e café. Na boca, corpo médio-encorpado, boa intensidade de sabor, acidez típica dos vinhos italianos, mas sem incomodar, taninos já bem redondos e equilibrados e um final médio-longo. Um vinho bem balanceado e agradável!! Vale a compra e para quem não conhece os vinhos da Puglia, boa oportuniade!

 

---

 

5. Vinho: Felix Lavaque Malbec 2008

Produtor: Felix Lavaque

Origem:  Cafayate, Salta (Argentina)
Uvas: Malbec

Importadora no Brasil: World Wine
Preço Aproximado: R$ 62,40 (Em Promoção! Valor normal é de R$ 78,00)

 

 

Nestas minhas andanças pela Argentina, onde estive a trabalho por 5 vezes este ano, descobri muita coisa bacana que vou aos poucos contando por aqui. E uma destas coisas foi ver o nível dos vinhos que estão sendo produzidos em Salta, extremo norte da Argentina. Salta é uma região conhecida por seus vinhedos de altitude, alguns deles estão os mais altos do mundo e é famosa pelos brancos Torrontés que produz. Mas andei tendo ótimas surpresas com tintos, especialmente os cortes e os feitos com Tannat e Malbec. E este vinho é uma prova disto.

 

 

Felix Lavaque Malbec 2008 é um daqueles vinhos que nos surpreende já no nariz. Diferente dos malbecs que estamos acostumados, a maioria feitos na região de Mendoza, este Malbec não tem na fruta madura e na madeira seus principais componentes. De cor rubi intensa, tem um nariz que passa por vários tipos de aromas: De um herbáceo leve (ervas), passando por uma ameixa bem presente, um toque de café, tudo bem integrado com uma madeira agradável e sem excessos. Na boca, bom corpo, acidez equilibrada - o que pode ser um pilar complicado para os vinhos desta região - taninos já macios pelos seus 4 anos de idade, sabor intenso que lembra os aromas que sentimos e final longo. Um vinho já pronto para tomar, mas que ainda rende pelo menos mais uns 5 anos em garrafa em grande forma. E pelo custo que está em promoção é uma barganha! Vale a pena!

 

 

CHEERS!!

Beba moderadamente! O excesso de álcool é prejudicial à saúde!

EnoDeco no Instagram: @enodeco (www.instagram.com/enodeco)

Torne-se um fã do EnoDeco no Facebook!

Espalhe por aí:
  • RSS
  • Live
  • del.icio.us
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google Bookmarks
Ir para a home do site
Todos os direitos reservados - 2009- Rádio e Televisão Record S/A
exceda.com