9
fev
2012

ESPANHA JÁ É O SEGUNDO MAIOR PRODUTOR DE VINHOS DO MUNDO!

Postado por andrerossi às
15h33

Numeros 1 300x291 ESPANHA JÁ É O SEGUNDO MAIOR PRODUTOR DE VINHOS DO MUNDO!


Entra ano, sai ano e a disputa por números maiores no mundo do vinho se torna cada vez mais maior. E esta informação promete agitar ainda mais este cenário: O Ministério do Meio Ambiente e Meio Rural e Marinho da Espanha, divulgou que a produção de vinho na Espanha em 2011 foi de 40,3 milhões de hectolitros. OK, mas o que isto signfica? Significa que se este número for real, este país acaba de passar a Itália como segundo maior produtor de vinho do mundo. A Itália, segundo apontam os números, teria produzido 40,2 milhões de hectolitros, o que a colocaria agora em terceiro lugar. Enquanto isto, a França segue nadando de braçada e tranquila com seus mais de 50 milhões de hectolitros.



Este é mais um capítulo nesta "guerra" que os países travam por números superlativos. Vale lembrar que a Espanha é o país com maior área de plantações de vinhedos, superando inclusive a França.



CHEERS!!

Beba moderadamente! O excesso de álcool é prejudicial à saúde!

Siga o EnoDeco no Twitter!
Torne-se um fã do EnoDeco no Facebook!

Espalhe por aí:
  • RSS
  • Live
  • del.icio.us
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google Bookmarks
4
out
2011

COMO SERÁ A SAFRA 2011 NA ESPANHA, PORTUGAL, FRANÇA E INGLATERRA.

Postado por andrerossi às
18h39

Colheita 300x200 COMO SERÁ A SAFRA 2011 NA ESPANHA, PORTUGAL, FRANÇA E INGLATERRA.


Começaram a sair os primeiros relatos e impressões sobre a safra de 2011 na Europa. E as primeiras notícias que temos vem da Espanha, de Portugal, de Bordeaux e da Inglaterra, que começa a ganhar mais mídia com seus vinhos. E as impressões são diferentes para cada um destes lugares.



Na Espanha por exemplo, as altas temperaturas em agosto e setembro forçaram muitos produtores a anteciparem a colheita para que as uvas não ficassem maduras demais e passassem do ponto. Houve também uma forte escassez de chuvas no mesmo período e com isto, o rendimento das plantas será baixo, com perdas de até 30% em relação ao ano anterior. Mas algumas exceções são feitas, principalmente nas regiões de vinho branco, Rías Baixas e Rueda, onde espera-se um rendimento igual ou maior que 2011.



Já em Portugal, a principal, região produtora do país, o Douro, o calor e a seca foram fortes, mas as últimas 3 semanas foram maravilhosas, com uma “chuva cronometrada” e na medida certa! As expectativas são ótimas para os vinhos do Porto e os DOCs do Douro.



Na França, mais especificamente em Bordeaux onde a colheita já está terminando, muita variação ocorreu no clima da região e alguns produtores tiveram que colher suas uvas antes do esperado para que fungos e doenças não colocassem tudo a perder. Estes extremos de condições oras muito frio, oras muito quente, oras muito úmido acabam sendo prejudiciais, pois a colheita precisa de uma rigorosa seleção dos cachos a serem colhidos, pois houve um desequilíbrio na maturação das uvas e algumas estão boas e outras nem tanto. E esta seleção minuciosa acaba sendo mais trabalhosa e em muitos lugares, não permite a colheita mecanizada, que é mais eficiente.



E por último, na Inglaterra espera-se uma safra espetacular. Isto por conta do verão “de última hora” que pintou por lá e amadureceu as uvas que ainda não haviam conseguido maturação ideal, pois a sensação era de que o excessivo frio no verão inglês iria prejudicar muito a colheita e a qualidade da uva. Mas este calor de última hora salvou a pele dos viticultores e 2011 promete ser uma bela equilibrada e de excelente qualidade!



CHEERS!!

Beba moderadamente! O excesso de álcool é prejudicial à saúde!

Siga o EnoDeco no Twitter!
Torne-se um fã do EnoDeco no Facebook!

Espalhe por aí:
  • RSS
  • Live
  • del.icio.us
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google Bookmarks
12
set
2011

VINHO DA SEMANA: STRABON BRONCE 2008

Postado por andrerossi às
21h46

strabon bronce1 VINHO DA SEMANA: STRABON BRONCE 2008

 

Produtor: Gil Luna
Origem:  Toro (Espanha)
Uvas: Tinta de Toro (Tempranillo)
Safra: 2008

Importadora no Brasil: Decanter
Preço Aproximado: R$ 41,00



Quem conhece esta região espanhola, que ainda não goza do mesmo prestígio que Rioja ou Ribera del Duero, certamente concordará comigo que é uma região de fantásticos vinhos, principalmente os tintos, e que está crescendo muito em qualidade. Ela fica localizada ao lado de Rueda, perto da fronteira com Portugal e aproveitando o famoso Rio Duero (Ou Douro, em Portugal).


Gil Luna faz uma série de vinho que ele classifica como Strabon Bronce, Strabon Prata e Strabon Oro, além de otros vinhos. E este Strabon Bronce 2008 é o vinho de entrada da vinícola e para um vinho de entrada ele pode ser considerado excelente! Sua cor rubi é bem intensa e no nariz aromas fortes de ameixa, madeira, baunilha e pimenta são bem marcantes. Na boca, ainda um pouco alcoólico, mas sabor intenso, taninos macios, acidez agradável e final médio-longo. Um belo vinho espanhol por pouco mais de R$ 40,00. É um excelente aocmpanhamento para um cordeiro!

 

 

CHEERS!!

Beba moderadamente! O excesso de álcool é prejudicial à saúde!

Siga o EnoDeco no Twitter!
Torne-se um fã do EnoDeco no Facebook!

Espalhe por aí:
  • RSS
  • Live
  • del.icio.us
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google Bookmarks
26
ago
2011

VINHO DA SEMANA: VEGA SAUCO PIEDRAS CRIANZA 2006.

Postado por andrerossi às
14h36

vega sauco pedras 93x300 VINHO DA SEMANA: VEGA SAUCO PIEDRAS CRIANZA 2006.

 

Produtor: Vega Sauco
Origem: Toro (Espanha)
Uvas: Tempranillo
Safra: 2006

Importadora no Brasil: Ravin
Preço Aproximado: R$ 49,00



Toro é uma região não tão famosa ou tradicional como Rioja e Ribera del Duero, mas é uma D.O. (Denominación de Origen) que tem ganhado muito espaço com seus vinhos no mundo todo e aqui no Brasil especialmente. Toro fica um pouco abaixo da região de Ribera del Duero, vizinho de Rueda, região de excelentes vinhos brancos. Mas ainda assim, é uma região que está intimamente ligada ao Rio Duero. Lá a uva que faz este vinho, a Tempranillo é chamada de Tinta de Toro representa aproximadamente 85% das plantações e hoje a região é ainda mais famosa por conta do projeto que a famosa Vega Sicilia implantou na região para fazer o Pintia.  



Sobre o Piedras Crianza, eu o tomei este vinho no Encontro de Vinhos do ano passado, quando ele foi o melhor vinho da feira, escolhido às cegas pelo corpo de jurados. um vinho de R$ 49,00 que realmente vale a pena e arrebenta a concorrência neste preço. De cor rubi de média intensidade, tem um nariz maravilhoso, misturando maeira, frutas vermelhas maduras e uma certa dose de pimenta, que dá uma picância a mais para o vinho. Na boca ele é surpreendente: Bela e correta acidez, corpo médio-encorpado, taninos redondos e macios e final longo. Um vinho que parece bem mais do que ele realmente é. Vale a compra!! 



CHEERS!!

Beba moderadamente! O excesso de álcool é prejudicial à saúde!

Siga o EnoDeco no Twitter!
Torne-se um fã do EnoDeco no Facebook!

Espalhe por aí:
  • RSS
  • Live
  • del.icio.us
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google Bookmarks
29
jun
2011

CHAMPANHE? VINHO DO PORTO? RIOJA!

Postado por andrerossi às
20h39

rioja selo CHAMPANHE? VINHO DO PORTO? RIOJA!


Muitos de nós sabemos que os ingleses consomem muito vinho do porto e muito champanhe. E por conta disto a maioria de nós responderia que estes 2 tipos de vinho são os que eles mais gostam, certo? Pois não foi isto que o instituto britânico Wine Intelligence, detectou ao fazer uma pesquisa com mil britânicos consumidores habituais de vinhos.



A pesquisa revelou que os vinhos espanhóis da região de Rioja é o preferido entre todas as regiões vinícolas do mundo e que os principais critérios para compra de vinho o país de procedência da uva e a região (51%). Não por acaso, o Reino Unido foi principal mercado para exportação de vinhos espanhóis com denominação de origem. Mas, mesmo sendo a primeira opção dos ingleses, os vinhos de Rioja ainda estão atrás dos vinhos de Bordeaux, Borgonha e Chianti, entre as regiões mais conhecidas.



Certamente há muito ainda para ser trabalhado pelos espanhóis, principalmente em cima do “Conhecimento de Marca” da região, mas os resultados são dignos de comemoração. Afinal, desbancar outras regiões mais famosas e emblemáticas não é para qualquer um...



CHEERS!!
Beba moderadamente! O excesso de álcool é prejudicial à saúde!

Siga o EnoDeco no Twitter!
Torne-se um fã do EnoDeco no Facebook!

Espalhe por aí:
  • RSS
  • Live
  • del.icio.us
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google Bookmarks
1
mai
2011

#CBE: STRABON PLATA 2005 N

Postado por andrerossi às
21h48

STRABON #CBE: STRABON PLATA 2005 N

 

Produtor: Gil Luna
Origem: Toro (Espanha)
Uvas: Tempranillo
Safra: 2005

Importadora no Brasil: Decanter
Preço Aproximado: R$ 65,55

O tema da CBE (Confraria Brasileira de Enoblogs) deste mês foi muito bacana. Não teve nada de anormal ou de diferente, mas como vcs vem acompanhando, a Espanha tem sido um país muito expolrado por mim. E consequentemente, a Tempranillo, uva que foi escolhida como tema deste mês, é uma das uvas que mais tenho tomado.


Procurei tomar um vinho não tão conhecido e de uma região que fugisse da Rioja ou Ribera del Duero, e por isto escolhi a região de Toro, que fica perto de Rueda, mais ou menos no centro-oeste da Espanha. O Strabon Plata 2005 n é realmente um vinho diferente, moderno. Sua cor rubi, já tendendo um pouco para o granada por conta de seus 6 anos, mas ainda demonstra uns bons 3 anos pela frente pelo menos. No nariz, fruta vermelha e madeira bem equilibrados e uma certa mineralidade, que pra mim é o toque diferenciado deste vinho. Na boca, é intenso, persistente e saboroso. Taninos redondos e um corpo que vai de médio a encorpado. Um belo vinho para quem procura algo diferente na Espanha!



CHEERS!! 

Espalhe por aí:
  • RSS
  • Live
  • del.icio.us
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google Bookmarks
Ir para a home do site
Todos os direitos reservados - 2009- Rádio e Televisão Record S/A
exceda.com