Rafinha Narcelo Marco 300x201 <i>CQC</i> tira onda de <i>BBB</i> e de Netinho de Paula, na Band

Rafinha Bastos, Marcelo Tas e Marco Luque (AgNews)

A volta do CQC ao ar, ontem à noite, foi marcada por provocações. O programa estava ótimo, por sinal.

Além de cutucar a prefeitura de Barueri, afirmando que houve censura, a atração da Band não perdoou políticos e "celebridades", como a modelo Ângela Bismarchi, e o BBB.

Ângela apareceu no Top Five levando um caldo no mar. Perguntaram se com todo aquele silicone ela afundaria...

Nas principais más notícias da semana, tinha a informação de que a Globo está negociando com a Endemol para que o Big Brother fique no ar até pelo menos mais seis anos.

Foi aquela vaia.

Sobrou também alfinetada para Netinho de Paula.

A má notícia era que o pagodeiro está querendo deixar seu programa no SBT para se candidatar a senador.

Os apresentadores do CQC, ancorados por Marcelo Tas, encenaram um surto no ar.

Marco Luque, por exemplo, saiu descontrolado do palco, chutando lata de lixo, e enfiou a cabeça dentro de um forno de microondas.

Foi engraçado.

Já a CQC Monica Iozzi, que estreou bem crua no programa, melhorou bastante e roubou a cena em Brasília.

Leia mais:

+ Marcelo Tas diz que CQC está sendo censurado

+ Band está lapidando Monica Iozzi

+ Bruno Gagliasso defende Hebe e chama Danilo Gentili de babaca

+ Todos os blogs d0 R7

http://r7.com/_CRb