É visível que há uma repercussão negativa do telespectador, principalmente na internet, em relação ao Legendários.

Muitos dizem que o programa é cópia do CQC. E o público ainda incentiva a rivalidade entre as duas atrações.

Mas, pelo visto, o próprio Legendários admite, mesmo que de forma irônica, que se inspira no programa concorrente.

Um vídeo que vazou para o YouTube comprova isso e também a rejeição do público.

O personagem Super Tição, de Marcelo Marrom, invadiu uma palestra de Marcelo Tas na UniBH, de Belo Horizonte, e falou abertamente da inspiração, de microfone na mão, para quem quisesse ouvir.

- De coração, a gente é admirador do Tas, o Tas inspira o Legendários hoje, sim. A gente segue ele no Twitter para saber o que ele fala, assiste o programa, e é comentado em nossas reuniões. O Legendários é um programa que está começando e precisa dessa ousadia, então em nome dessa ousadia que você tanto prega eu queria te entregar essa bandeira da paz aí no palco.

Marcelo Tas não perdeu a oportunidade de humilhar Marrom e ainda conseguiu o aval da plateia, que vaiou o integrante do Legendários.

A maioria disse que não concordava que Tas fizesse "ombrinho" (brincadeira do programa de Marcos Mion).

-  Eu trato você sem paz, com algum tipo de agressividade?

Marrom respondeu que não.

Tas continuou seu discurso e colocou o Legendário para correr.

- Então por que você precisa pregar a paz? Acho bacana ter liberdade de expressão na televisão, mas não precisa de botar as pessoas dentro do programa do outro para falar que tem paz. O objetivo dos programas de humor é fazer a gente se divertir. Agora você poderia me deixar continuar a palestra?

Está certo que Marcelo Tas tem fama de arrogante, mas quem mandou provocá-lo, né?

http://r7.com/j7B5