9
fevereiro
07h09

 

Não sei se leram, mas a GiuPress está encantada com o inusitado da notícia.

Trata-se do seguinte, macacada.

suruba É cada uma...

Em Pranchinha, Paraná, quase divisa com Argentina, um camarada resolve assaltar  uma casa. Ele  pula o muro e entra. E começa a ouvir respirações ofegantes de gente transando. Era um casal? Não, senhores. Eram 3 casais participando de uma festinha coletiva bastante animada.

O que fizeram os casais surpreendidos em pleno ato? Pararam, interromperam a brincadeira?

Não, macacada! Olha o que disse uma das mocinhas:

- Eu pensei que fosse um amigo que tínhamos convidado. Ele estava com uma touca ninja, e eu pensei que fosse alguma fantasia.

E o ladrão, macacada, o que fez o ladrão?

O cidadão-ladrão entrou na brincadeira. Participou da festinha e foi embora - e sem roubar nada.

E ainda prestou depoimento da delegacia e pretende processar a turminha da festa por atentado à moral.

E não vai ser acusado de assalto porque não roubou nada.

E mais:

Pra superar esse evento que mistura sexo e assalto, só mesmo a história  do pastor que declara  ter um  pênis abençoado.

PASTOR 300x225 É cada uma...

Se ainda não leu isso, clique na foto e leia.

E a GiuPress, que sempre se surpreende com a vida, grita a plenos pulmões:

VIVA O BRASIL! É CARNAVAL!!!!!

SAM PRAN FRANT.

__________

Primeiro Flagrante de Carnaval

Dagvan coitado 300x213 É cada uma...

Olha a que ponto chegou nosso valoroso Agente Dagvan...essa noite ele começou cantando A Estrela Dalva, mas acabou chupando o gelo do banheiro do Clube Atlético de Pombal.

Pouca Vergonha!

Espalhe por aí:
  • Facebook
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • RSS
  • Netvibes
  • Digg
Ir para a home do site
Todos os direitos reservados - 2009- Rádio e Televisão Record S/A
exceda.com