- Helder Maldonado - http://entretenimento.r7.com/blogs/helder-maldonado -

Spotify exclui do catálogo músicas que promovem discurso de ódio e que defendem supremacia branca

Posted By hcavalcante On 17/08/2017 @ 09:03 In Uncategorized | No Comments

3048852 poster p 1 spotify discover Spotify exclui do catálogo músicas que promovem discurso de ódio e que defendem supremacia branca [1]

O Spotify resolveu tirar músicas que promoverm discurso de ódio do seu catálogo. A medida, anunciada na quarta-feira (16), foi influenciada por críticas dos usuários da plataforma de streaming e também por um levantamento feito pela ONG Southern Poverty Law Center acerca de grupos de música simpáticos ao racismo e à supremacia branca.

"Conteúdo ilegal ou materiais que promovem o ódio ou incitam violência contra raça, religião, orientação sexual não serão tolerados", diz anúncio publicado pela empresa na revista Billboard americana.

Os recentes confrontos raciais de Charlottesville, nos Estados Unidos, e o crescimento de grupos pró-Trump tornaram a conotação desse tipo de conteúdo ainda mais agressiva.

"Estamos felizes por terem nos alertado quanto ao conteúdo em questão — já removemos grande parte das bandas 'de ódi'’, mas seguimos revisando todo nosso acervo", se posicionou o Spotify.

O site Digital Music News listou 37 bandas que disseminavam mensagens de ódio, mas até o momento apenas dez delas foram excluídas: Ad Hominem, Freikorps, Geimhre, Grand Belial’s Key, Ravens Wing, Selbstmord, Standarte, The Spear of Longinus, No Remorse e Endless Pride.

A maioria desses grupos são marginais, com poucos ouvintes.  Há quem defenda que a exclusão dessas músicas fere a liberdade de expressão e promove censura. Segundo a mídia americana, grupos como a União Americana pelas Liberdades Civis provavelmente defenderiam uma grande porcentagem dessas bandas, mesmo que pessoalmente as desprezassem.

Além disso, uma lista de reprodução Spotify possui uma coleção de músicas de marcha nazista. Isso também poderia ser considerado tecnicamente como uma "banda de ódio", embora muitos defendam sua presença no Spotify como uma "coleção histórica importante".

nazi imperial marches Spotify exclui do catálogo músicas que promovem discurso de ódio e que defendem supremacia branca [2]

  [3]
  [4]

Article printed from Helder Maldonado: http://entretenimento.r7.com/blogs/helder-maldonado

URL to article: http://entretenimento.r7.com/blogs/helder-maldonado/2017/08/17/spotify-exclui-do-catalogo-musicas-que-promovem-discurso-de-odio-e-defendem-supremacia-branca/

URLs in this post:

[1] Image: http://entretenimento.r7.com/blogs/helder-maldonado/files/2017/08/3048852-poster-p-1-spotify-discover.jpg

[2] Image: http://entretenimento.r7.com/blogs/helder-maldonado/files/2017/08/nazi_imperial_marches.jpg

[3]  : http://entretenimento.r7.com/blogs/helder-maldonado http://entretenimento.r7.com/blogs/helder-maldonado/2017/08/17/spotify-exclui-do-catalogo-musicas-que-promovem-discurso-de-odio-e-defendem-supremacia-branca//emailpopup

[4]  : http://entretenimento.r7.com/blogs/helder-maldonado http://entretenimento.r7.com/blogs/helder-maldonado/2017/08/17/spotify-exclui-do-catalogo-musicas-que-promovem-discurso-de-odio-e-defendem-supremacia-branca//print

Copyright © 2016 Blog Helder Maldonado. All rights reserved.