anittamodaagnewselastapetevermelhoclipe Anitta grava clipe com diretor acusado de abusar sexualmente de jovens modelos

O novo clipe de Anitta (Vai Malandra) ainda nem foi lançado, mas já causou comoção na internet. Gravado no Morro do Vidigal, o vídeo teve as primeiras imagens de bastidores divulgadas no domingo (20) e viralizou por mostrar a boa forma da cantora vestindo apenas um biquíni de fita isolante. Aparentemente, o vídeo vai apostar bastante na sensualidade dela e dos atores escalados.

Não poderia ser diferente. Afinal, quem está por trás do clipe é o renomado fotógrafo e diretor Terry Richardson, que já trabalhou com gente como Rihanna, Amy Whinehouse e Barack Obama. O norte-americano ficou conhecido internacionalmente pelos ensaios ousados e vídeos musicais que exploram a nudez feminina, como o mundialmente famoso Wrecking Ball, de Miley Cyrus.

Mas a fama de Terry é proporcional às polêmicas em que ele está envolvido. O fotógrafo foi acusado em 2014 de assediar inúmeras modelos.

Jamie Peck, por exemplo, foi fotografada por Richardson quando tinha 19 anos. Ela contou ao site The Gloss que Terry a fez dançar nua durante uma sessão. Em outra, ele teria tirado a roupa também, pedindo que ela o fotografasse enquanto mexia em seu pênis. "Na segunda sessão as coisas ficaram realmente estanhas. Expliquei que estava menstruada e, por isso, não gostaria de tirar a calcinha. Ele insistiu para que eu ficasse nua e ainda pediu para que tirasse meu absorvente interno", comentou à época.

A modelo Rie Rasmussen endossa as acusações e diz que muitas jovens não têm coragem de negar os pedidos de Terry com receio de perder trabalhos.

mc5 Anitta grava clipe com diretor acusado de abusar sexualmente de jovens modelos

"Ele manipula as meninas para que tirem as próprias roupas e se deixem fotografar em poses que irão envergonhá-las depois. Elas ficam com medo de dizer não porque foram indicadas para o trabalho por suas agências e são muito jovens para se defender", afirmou em entrevista ao The New York Post.

À época, o site Jezebel reuniu diversas acusações semelhantes sobre o comportamento de Rihardson, inclusive relatos em que ele teria obrigado mulheres a praticar sexo oral contra a vontade em sessões fotográficas.

O que causa estranheza é a equipe de Anitta sequer ter levado em consideração o histórico do profissional antes de chamá-lo para dirigir o clipe. É claro que, com a intenção de conquistar o mundo, a cantora enxerga nessas parcerias a possibilidade de ganhar os holofotes da imprensa internacional. Afinal, por mais problemático que Richardson seja, ele ainda é um dos fotógrafos mais requisitados do mundo, seja na indústria musical ou em editoriais de moda.

No entanto, cantoras que trabalharam com ele, cortaram relações e até deixaram de lançar clipes dirigidos por Richardson com medo da repercussão negativa que isso teria.

É o caso de Lady Gaga, que gravou o  vídeo de Do What U Want com ele. Pelas fotos de bastidores, o vídeo, como quase tudo no trabalho do americano, apostaria na estética soft porn. Mas até hoje, o projeto, feito na mesma época das acusações, está engavetado. E nunca deve ser lançado. Apesar dessa decisão da diva, o livro de fotos que Gaga fez com ele continua à venda, inclusive no Brasil.

Miley Cyrus, que gravou clipe e fez ensaio polêmico com Richardson, simplesmente rompeu relações com o profissional após as acusações de assédio. Ao ser questionado sobre todas essas alegações, ele apenas disse que se tratavam de 'histórias fabricadas e cheias de ódio'. E nunca mais se posicionou sobre os casos.

Se Anitta tinha a intenção de criar polêmica com seu novo clipe, com certeza está no caminho certo. Os figurinos e a locação já estão dando o que falar. E a parceria com o Terry Richardson não passará despercebida, seja pelo clipe ousado que vem por aí, seja por esse passado obscuro do profissional. Resta saber como ela se posicionará quando essas acusações vierem à tona, principalmente em um momento em que ela é considerada um ícone do empoderamento feminino. E não vai demorar até ser questionada pelos fãs, que nas redes sociais já estranham e torcem o nariz para essa parceria.