A queda no número de assinantes ainda é pequena, cerca de 0,21%, mas o setor de TV paga já começa a se preocupar com a crise econômica no país. As operadoras de TV por assinatura encerraram maio com 19,719 milhões de assinantes, perderam cerca de 42 mil com relação ao mês anterior, abril, que somou 19,761 milhões de clientes.

Os dados são da Agência Nacional de Telecomunicações, a Anatel. Foi o segundo mês consecutivo que a TV paga perdeu clientes. Nos últimos 12 meses, o serviço cresceu cerca de 5%.

A líder do setor continua sendo a América Móvil (união de Claro HDTV e Net), com 10,1 milhões de assinantes. A SKY tem 5,6 milhões de assinantes.

De olho na crise e na perda de clientes, as operadoras já começam a pensar em pacotes menores, com menos canais e preços mais acessíveis, entre R$ 30 e R$ 40.

O setor pretende voltar a crescer entre os consumidores das classes B e C e quer fisgar clientes da classe D.

http://r7.com/e6uk