brasil22 Mesmo em promoção, patrocínios da Copa estão atrasados na Globo

Brasil já está classificado para o Mundial de 2018

A Globo divulgou em março para o mercado publicitário sua proposta de patrocínio para a Copa do Mundo da Rússia, que acontecerá no ano que vem.

E segundo fontes do mercado, a venda está atrasada. A emissora esperava ter anunciado os patrocinadores oficiais do mundial de futebol na última segunda-feira (2). Mas não rolou. As cotas ainda não foram todas vendidas.

As seis cotas “master” estão à venda no valor de R$ 180 milhões cada (valor de tabela, sem descontos). Caso venda as seis, o que é bem provável, a Globo colocará em seu bolso o equivalente a R$ 1,08 bilhão.

Em 2013, a Globo anunciou em agosto que já tinha todos os patrocínios da então Copa do Mundo de 2014 fechados.

Apesar do alto valor, o faturamento com o mundial de 2018, se consolidado, representará uma queda de 25% em relação ao arrecadado na Copa do Mundo no Brasil, em 2014. Na ocasião, a emissora colocou oito cotas à venda.

Uma das cotas para 2018 já ficou com a Johnson & Johnson, que anunciou dias atrás a aquisição do patrocínio na Globo.

Procurada, a emissora não se pronunciou sobre o assunto.

http://r7.com/SWxw