- Blog Literatura - http://entretenimento.r7.com/blogs/ligia-braslauskas-literatura -

Após visita a cemitério, jovem reencontra amigo morto

Postado por ligia braslauskas em 29 de maio de 2015 às 10:44 em Sem categoria | 2 Comments

uma cura no tempo arqueiro Após visita a cemitério, jovem reencontra amigo morto [1]

"Minha primeira vida terminou às 22h37 de uma noite chuvosa de dezembro, em uma rua deserta ao lado da velha igreja. Minha segunda vida começou umas dez horas depois, quando acordei sob o brilho ofuscante das luzes do hospital, com um grande ferimento na cabeça e uma existência da qual eu não tinha absolutamente nenhuma lembrança. Estava cercada pela família e por amigos, o que deveria ter tornado as coisas melhores. Mas isso não aconteceu, pois um deles estava morto havia um tempo considerável."

Às vésperas de saírem da cidade para a faculdade, Rachel Wiltshire e seus amigos sofreram um terrível acidente. Durante o jantar de despedida do grupo, um carro desgovernado atravessou a vidraça do restaurante onde estavam. Rachel escapou por pouco... Na verdade, ela deve sua vida a Jimmy, seu melhor amigo, que se sacrificou para salvá-la.

Cinco anos mais tarde, todos do grupo estão prestes a se reencontrar para o casamento de Sarah. Bem, quase todos. É com muita dificuldade que Rachel se convence a prestigiar a amiga, pois sabe que, para isso, terá de enfrentar os fantasmas do passado. Principalmente a culpa pela morte de Jimmy.

Com a vida destroçada, o rosto desfigurado por uma grande cicatriz e sofrendo de constantes dores de cabeça em decorrência do acidente, Rachel se obriga a encarar os fatos e vai ao cemitério visitar pela primeira vez o túmulo do amigo. Ao chegar lá, sua dor se intensifica a tal ponto que ela acaba desmaiando.

Quando acorda no hospital, Rachel fica surpresa: seu pai parece estar curado do câncer que o devastava, Jimmy está vivo e Matt – seu ex-namorado – alega ser seu noivo.

Sem entender o que lhe aconteceu, Rachel tenta convencer a todos de que nada daquilo pode ser real, mas os médicos apenas a diagnosticam com amnésia.

Desesperada por respostas, Rachel precisa primeiro decidir se vale a pena tentar voltar para a vida que conhecia e que, no fim das contas, era muito pior do que a que ela tem agora.

O que você faria?

Uma Curva no Tempo

240 páginas
R$ 29,90 (impresso)
R$ 19,90 (e-book)
Editora Arqueiro

  [2]
  [3]


2 Comments (Abrir | Fechar)

2 Comments Para "Após visita a cemitério, jovem reencontra amigo morto"

#1 Comentário por marcelino júnior em 1 de junho de 2015 às 9:01

Olá Ligia. Sou fã de suas preciosas dicas de literatura, e gostaria de te convidar a viajar nas páginas de meu segundo livro: Kamaleana, um Rock Contra o Bullying, acessível pela internet. Conheça a incrível história dessa banda que uniu as amigas Kaká (uma cigarra), Amarilis (joaninha), Leila (lagarta) e Ana (formiga) contra o fantasma do Bullying que assombrava uma escola.

Essa deliciosa fábula moderna, contada em rima, cheia de aventura e descobertas, reforça os laços de amizade e afeto. Espero que leia, e realize um sonho de ter esta obra incluída em sua seleta lista de boa leitura.
Abraços!

Marcelino Júnior (jornalista e escritor).

#2 Comentário por lbraslauskas em 8 de junho de 2015 às 11:49

Obrigada, Marcelino. Vou olhar, sim.

Abraços,

Ligia


Artigo impresso de Blog Literatura: http://entretenimento.r7.com/blogs/ligia-braslauskas-literatura

Endereço do artigo: http://entretenimento.r7.com/blogs/ligia-braslauskas-literatura/apos-visita-a-cemiterio-jovem-reencontra-amigo-morto-29052015/

Endereços neste artigo:

[1] Imagem: http://entretenimento.r7.com/blogs/ligia-braslauskas-literatura/files/2015/05/uma-cura-no-tempo-arqueiro.jpg

[2]  : http://entretenimento.r7.com/blogs/ligia-braslauskas-literatura http://entretenimento.r7.com/blogs/ligia-braslauskas-literatura/apos-visita-a-cemiterio-jovem-reencontra-amigo-morto-29052015//emailpopup

[3]  : http://entretenimento.r7.com/blogs/ligia-braslauskas-literatura http://entretenimento.r7.com/blogs/ligia-braslauskas-literatura/apos-visita-a-cemiterio-jovem-reencontra-amigo-morto-29052015//print