Karin Slaughter já teve seus livros traduzidos para 35 idiomas e vendeu 30 milhões de exemplares. Só isso já demonstraria quão bem-sucedido é o conjunto de sua obra. Agora, ela chega por aqui pela HarperCollins.

O recém-lançado Esposa Perfeita trata da questão da violência doméstica com afinco, mostrando, como a própria autora diz, “como é estar em um relacionamento abusivo”. O livro fala ainda de estupro.

O corpo de um ex-policial é encontrado em um canteiro de obras que pertence a um dos homens mais poderosos de Atlanta, um atleta rico que já escapou de várias acusações de estupro.  Durante as investigações, o detetive Will Trent e sua namorada, a médica legista Sarah, descobrem que o sangue encontrado no local não é do corpo do ex-oficial, mas de uma mulher que está desaparecida e correndo risco de morrer. E mais, eles têm uma grande surpresa quando ficam sabendo que a arma encontrada no local do crime pertence a Angie Polaski, simplesmente a ex-mulher do detetive Will. Prepare-se, pois a situação só vai piorar e colocar os nervos do leitor à flor da pele.

Flores Partidas, que acaba de ser relançado, também traz emoções fortes. Quando Lydia contou para a irmã que o cunhado tentou estuprá-la, Claire não acreditou. Mas, 18 anos mais tarde, vem à tona uma nova versão de seus marido, e ela vê que tudo o que achava sobre era mentira. O computador de Paul revela vários vídeos escondidos que apresentam uma face terrível, desse que era visto como um cara bacana. As irmãs vão se unir para descobrir tudo e desmascarar Paul e, assim, tentar reconstruir a relação familiar destroçada.

esposa Autora de thrillers aborda violência contra a mulher

Esposa Perfeita
Tradução de Marcelo Barbão
464 páginas
R$ 44,90

flores Autora de thrillers aborda violência contra a mulher

Flores Partidas
Tradução de Carolina Caires Coelho
400 páginas
R$ 44,90

Editora HarperCollins Brasil