“De certa forma é até agradável ficar pendurado aqui em cima. A vista é esplêndida e meu corpo congelado balança agradavelmente ao sabor do vento."

O livro Sangue no Inverno, do sueco Mons Kallentoft é de pôr os nervos à flor da pele. A vítima tem voz e assiste o seu próprio drama.

É o inverno mais frio dos últimos tempos. Perto de Linköping, na Suécia, um homem é encontrado morto, pendurado numa árvore. A cena lembra rituais da religião viking, que, nessa mesma época do ano, ofereciam-se animais e humanos aos deuses em troca de felicidade e bem-estar.

O que a detetive Malin Fors terá de descobrir é se o corpo pendurado trata-se de um ritual ou de um crime extremamente cruel. Malin e o investigador Zeke, seu colega de trabalho, terão de buscar na neve as provas de que precisam, e as revelações vão abalar a pacata cidade, além de trazer à tona terríveis segredos. A tradução é assinada por Jaime Bernardes.

sangue no inverno mons kallentoft ligia braslauskas livro 600 Homem pendurado em árvore pode ter morrido em ritual

Sangue no Inverno
504 páginas
R$ 49,90
Editora Benvirá