Ele é chamado de Saladin. Ninguém conhece sua aparência, tampouco sua nacionalidade. Mas sua reputação de gênio do terror é tão grandiosa quanto seu nome de guerra. Ele esta prestes a fazer um ataque terrorista de grandes proporções.

O espião e restaurador de arte Gabriel Allon estava prestes a se tornar o chefe do serviço de inteligência de Israel, mas, na véspera de sua promoção, eventos terríveis o obrigam a realizar uma operação de campo, sua última missão.

O grupo terrorista Estado Islâmico (ISIS) detonou uma bomba no bairro parisiense de Marais, o que deixa o governo francês desesperado. Allon, agora, precisa caçar o terrorista antes que ele ataque novamente.

O plano de Allon é infiltrar uma médica no ISIS como uma viúva que deseja vingança. Na missão, ela irá aos subúrbios de Paris, a Santorini, ao novo califado do grupo terrorista até chegar a Washington, onde Saladin planeja uma noite de terror digna de entrar para a história.

Ao fazer um paralelo com atos reais, o autor norte-americano Daniel Silva, autor de best-sellers como O Espião Inglês e O Caso Caravaggio traz de volta o espião Gabriel Allon, desta vez numa missão quase impossível de ser finalizada a tempo de evitar uma grande tragédia.

isis Terror do Estado Islâmico é base de thriller sobre espionagem

A Viúva Negra
Tradução de Laura Folgueira
400 páginas
R$ 39,90
Editora HarperCollins