Publicado em 17/09/2014 às 14:13

definitivamente, o produto mais hipster do mundo é…

o pente para barbas feito de discos de vinil.

Você pode comprar aqui.

Publicado em 11/09/2014 às 15:10

Morreu um dos grandes vilões da minha infância

Richard Kiel, um gigante ator de 2m15, que fez o papel de Jaws em "007 Contra o Foguete da Morte".

Nunca fui muito de assistir James Bond, mas a cena que o gigante de dentes de aço rompe o cabo do bondinho na mandíbula ficou gravada.

Tá aí:

Publicado em 10/09/2014 às 09:45

temos um AC/DC entre nós

Dave Evans, primeiro vocalista do AC/DC, faz show semana que vem em São Paulo. Tocará...AC/DC, claro. Apesar de ter gravado só "Can I Sit Next to You Girl?" com a banda.

(Felizmente) Depois foi trocado pelo lendário Bon Scott.

Mas vale pela diversão de ver um cara que já cantou na banda dos irmãos Young tocando os clássicos desta.

Segue performance dele com o grupo.

O show será dia 27 de setembro, no Gillan´s Inn, na rua Marquês de Itu.

Publicado em 09/09/2014 às 11:34

Ninguém está falando deste show ainda. Mas se fosse você garantiria lugar

radio moscow Ninguém está falando deste show ainda. Mas se fosse você garantiria lugar

O trio Radio Moscow acaba de acertar 5 datas no Brasil em outubro.

Pra resumir,dá pra dizer que misturam os 60 e 70 de Black Sabbath, Jimi Hendrix e Cream, num caldo stoner/psicodélico incrível.

Quem os ajudou a fecharem com gravadora foi Dan Auerbach, do Black Keys, aí você já tem uma ideia do que falamos.

Melhor ver um vídeo para entender:

As datas são as seguintes:
October 1 – Porto Alegre / RS, Brazil @ El Toro
October 2 – Ibirama / SC, Brazil @ Woodsrock
October 3 – Florianópolis / SC, Brazil @ Célula
October 4 – São Paulo / SP, Brazil @ Inferno Club
October 5 – Rio de Janeiro / RJ @ Leviano

Publicado em 08/09/2014 às 12:29

Gangster Style – um passeio de duas horas pela Chicago de John Dillinger e Al Capone

untouchables 2 1024x768 Gangster Style   um passeio de duas horas pela Chicago de John Dillinger e Al Capone

os guias

O passeio não é lá muito cênico. Pra falar a verdade não é nada cênico. Mas as histórias são sensacionais. Entre um (cenário) e outra (história) fico com a segunda. E Chicago é a cidade das histórias dos gângsteres. Foi nessa que fiz um tour de duas horas pela cidade com a Untouchable Tour.

Dá pra entender a cidade geograficamente pela atuação dos grupos de mafiosos. O norte de Chicago era dominado pelos irlandeses e poloneses; o Sul, pelos italianos, o Oeste, pelos sicilianos (sim, eles fazem a divisão entre italianos e sicilianos) e Leste, pelo Lago Michigan.

No meio das tretas por dominação da venda de álcool durante a Lei Seca e proteção (deles mesmos, na maioria dos casos), personagens como John Dillinger, o inimigo público número 1 dos Estados Unidos, e Al Capone, o Scarface.

Dillinger tem uma frase conhecida que o define muito bem como assaltante de bancos: “Por que os assalto? Porque lá é que está o dinheiro”. No passeio passa pelo beco onde ele foi morto. Quando a polícia chegou, o chão estava seco de sangue, pois quando as pessoas souberam que era ele o baleado começaram a levar jornais e tecidos para pegar um pouco do sangue e vende-lo.

untouchables 4 1024x971 Gangster Style   um passeio de duas horas pela Chicago de John Dillinger e Al Capone

beco onde Dillinger foi morto

O passeio cruza todo território onde estavam as casas, restaurantes e outros preferidos de Al Capone, que morreu de sífilis e louco pescando na piscina de casa achando estar em mar aberto. Quando teve os primeiros sintomas, em Alcatraz (para onde foi por burlar impostos e não por todo o resto) se recusou a tomar injeções, pois tinha convicção de que iriam assassiná-lo.

untouchables 3 1024x904 Gangster Style   um passeio de duas horas pela Chicago de John Dillinger e Al Capone

local onde aconteceu o Valentine´s Day Massacre, em 1929

E os caras que tocam o tour são muito, muito bons. Vestidos como gângsteres e com apelidos quetais, como Three Knifes, ao entrar no ônibus anunciam: “E agora o hino nacional italiano”. Baixam as cabeças em referência e colocam os chapéus no peito enquanto rola o tema do “Poderoso Chefão”.

Bom, tem mais uma tonelada de histórias durante as duas horas. Mas não vou contar mais para não dar muito spoiler. Vai lá (aqui).

untouchables 1 1024x921 Gangster Style   um passeio de duas horas pela Chicago de John Dillinger e Al Capone

o busão

Publicado em 02/09/2014 às 11:11

Um minuto de silêncio por Jimi Jamison

jj Um minuto de silêncio por Jimi Jamison

Pelo nome você não deve reconhecê-lo, mas era o cantor do Survivor, banda que nos deu os hits de Rocky Balboa, "Eye of the Tiger" e "Burning Heart". Ele morreu de ataque cardíaco domingo à noite, aos 63 anos. Parece que no dia anterior até tinha se apresentado com a banda.
Jimi entrou na banda dois anos depois de gravarem "Eye of the Tiger", mas passou os últimos 30 cantando a música.
Meu momento favorito do grupo, no entanto, é com Karatê Kid.
Ele embalou o romance de Daniel San e Elisabeth Shue, a moça mais bonita dos 80. "The Moment of Truth" foi a trilha dos dois quando Daniel San foi humilhado pelo valentão da Kobra Kai na praia em frente à amada. O que o fez pintar muros e encerar carros e se fantasiar de chuveiro para ir disfarçado numa festa à fantasia encontrar a moça.
Saca só:

Publicado em 28/08/2014 às 14:00

A volta de F.R.I.E.N.D.S. (ou: discordo do meu camarada Forasta)

André Forastieri abre seu novo post dizendo que é meia verdade que a TV vem dando um pau no cinema. Aqui.
Disconcordo. Acho que a sova é nocaute à segunda luta de Muhammad Ali com Sonny Liston - primeiro round, inapelável.
Se não, vejamos o que o Jimmy Kimmel fez.
Pegou um dos melhores seriados de todos os tempos, Friends, e ao entrevistar uma das protagonistas, Jennifer Aniston, montou a cozinha cenográfica da série no próprio estúdio e fez uma cena, com participação das outras duas estrelas de Friends.
Tá aí, tire a conclusão.

Publicado em 27/08/2014 às 16:30

mulher transforma mamilos em corações (e me dá vontade imensa de descer do mundo)

heart2 mulher transforma mamilos em corações (e me dá vontade imensa de descer do mundo)

Tipo: - "Motora, pode parar no próximo ponto que quero descer?".

A moça (acima) ficou tão encantada com uma caricatura dela feita em Ibiza há 15 anos (ela tem 30 agora, embora pareça uns 48) que quis perpetuá-la.

Gastou até o momento U$ 130 mil em plásticas, o que inclui o trabalho nos mamilos abaixo.

heart mulher transforma mamilos em corações (e me dá vontade imensa de descer do mundo)

Publicado em 23/08/2014 às 01:49

Exclusivo: o mito Dave Lombardo (Slayer) fala para o R7

Você pode gostar ou não de heavy metal. Não há meio termo.
Dentro do metal, você pode gostar ou não de algumas bandas e subgêneros - há os fãs de thrash, os fãs de prog, os que gostam de Metallica, os que odeiam (basicamente por causa do Lars Ulrich)...
Mas no meio de tudo isso há uma unanimidade. Slayer. Se você não gosta de Slayer você não gosta de metal.
Dentro (deu pra perceber que o texto é tipo cebola - vai penetrando camada por camada) do Slayer, os quatro membros originais tem importância suprema - Tom Araya, com seu baixo, bater cabeça e vocal característicos, o mestre dos riffs Jeff Hanneman, que faleceu ano passado, o cara mais metal do mundo, Kerry King, e o baterista Dave Lombardo, musicalmente de longe o mais talentoso.
Ele está no Brasil para uma série de workshops, que começam neste sábado (23) em Salvador e vão até dia 3 de setembro, em São Paulo.
O cara falou comigo. Com você, na real. Tá aí abaixo.

Por onde ele passa.

3 de agosto Salvador
24 de agosto Brasília
26 de agosto Guarapuava
27 de agosto Curitiba
28 de agosto Joinville
29 de agosto Florianópolis
30 de agosto Porto Alegre
31 de agosto Belo Horizonte
2 de setembro Rio de Janeiro
3 de setembro São Paulo

Página 2 de 10812345...Último
Ir para a home do site
Todos os direitos reservados - 2009- Rádio e Televisão Record S/A
exceda.com