Depois de mudar de horário por causa de Bacci, André Vasco vai ganhar segundo programa na Band

Programação de TV

andre vasco Depois de mudar de horário por causa de Bacci, André Vasco vai ganhar segundo programa na Band

André Vasco estará no ar com dois programa na Band

Depois de ver o horário do "Sabe ou Não Sabe" ser antecipado por causa da estreia do "Tá na Tela", de Luiz Bacci, André Vasco ganhará um segundo programa na Band. Ele estreia neste domingo, às 20h, o "Top 20", com vídeos engraçados da internet. Ele dividirá a apresentação com Ligia Mendes, ex-SBT.

Posts Relacionados

Alexandre Frota vai substituir Patrícia Abravanel no ‘Jogo dos Pontinhos’ e entrega projeto de programa a Silvio Santos

Programação de TV

frota Alexandre Frota vai substituir Patrícia Abravanel no Jogo dos Pontinhos e entrega projeto de programa a Silvio Santos

Alexandre Frota entrará no "Programa Silvio Santos" em setembro

Silvio Santos parece ter saudades dos tempos de "Casa dos Artistas" e resolveu se reaproximar de Alexandre Frota. O dono do SBT decidiu que o ator será o substituto de Patrícia Abravanel em algumas edições do "Jogo do Pontinhos". A apresentadora sairá de licença-maternidade no começo de setembro.

Além disso, Frota entregou nas mãos do departamento artístico da emissora um projeto musical chamado "Broto Legal" e espera emplacar o programa em 2015.

Posts Relacionados

É muito fácil identificar o problema de ‘Geração Brasil’ – e só agora a Globo acordou para ele

Novelas e minisséries

ricardo tozzi É muito fácil identificar o problema de Geração Brasil   e só agora a Globo acordou para ele

Ricardo Tozzi: personagem vai virar vilão de última hora em novela

"Geração Brasil" entrou no ar como uma novela moderna, que tiraria do buraco o horário das sete, antes afundado por "Além do Horizonte". Passados meses da estreia, a novela ainda vê seus índices abaixo do esperado e repercute muito pouco se comparada a divertida "Cheias de Charme", também dos mesmo autores. Internamente avalia-se que o público fica confuso com o excesso de tecnologia na trama, que aborda o mundo da informática. Mas não é só isso.

O atual folhetim das sete ignora uma regra básica do folhetim: não há vilão. Simplesmente não existe um personagem que faça com que os mocinhos sofram, promova falcatruas, injustiças e aja com sangue frio. E sem antagonista a história não anda, o público não tem para quem torcer. O problema de "Geração Brasil" é bem mais simples do que se pensou. E só agora a Globo acordou para o caso.

Nas próximas semanas, Herval (Ricardo Tozzi) começará a mostrar falhas de caráter e tentará atrapalhar a vida de Verônica (Taís Araújo), Jonas (Murilo Benício) e Pâmela (Claudia Abreu). A manobra é parecida com a usada por Manoel Carlos em "Em Família". Quando se deu conta de que não havia mais vilania na sua trama, o autor resolveu transformar o mocinho Laerte (Gabriel Braga Nunes) num ciumento louco. Não funcionou. Vejamos como o recurso se aplicará na novela das sete.

Posts Relacionados

Quinta temporada de ‘The Walking Dead’ vai chegar ao Brasil 48 horas depois dos Estados Unidos

Seriado

dead Quinta temporada de The Walking Dead vai chegar ao Brasil 48 horas depois dos Estados Unidos

Cena da quinta temporada de "The Walking Dead"

A Fox definiu a data a estreia no Brasil da quinta temporada de "The Walking Dead". O seriado de zumbis voltará ao ar em 14 de outubro, mostrando os primeiros oito dos 16 episódios da leva, com uma janela de 48 horas após a exibição nos Estados Unidos. Este tempo permitirá que o material entre no ar já em versão dublada.

Posts Relacionados

Novela de João Emanuel Carneiro já tem título provisório e elenco bem encaminhado

Novelas e minisséries

caua1 Novela de João Emanuel Carneiro já tem título provisório e elenco bem encaminhado

Cauã Reymond voltará às novelas em "Favela Chique"

O esperado retorno de João Emanuel Carneiro, autor de "Avenida Brasil", deve acontecer somente no segundo semestre do ano que vem, mas sua novela das 21h já ganhou título provisório. A produção se chamará "Favela Chique", uma referência ao principal cenário da trama, uma comunidade moderna.

O elenco já está bem encaminhado. Estão asseguradas as presenças de Adriana Esteves, Cacau Protásio, Cauã Reymond, Giovanna Antonelli, José de Abreu, Marcello Antony, Marcos Caruso, Mateus Solano, Mel Maia, Susana Vieira e Taís Araújo. Direção a cargo de Amora Mautner.

Fingindo ter descoberto o ator, Globo promove overdose de Chay Suede na programação e provoca ciumeira

Novelas e minisséries

chay Fingindo ter descoberto o ator, Globo promove overdose de Chay Suede na programação e provoca ciumeira

Chay Suede é a nova aposta da Globo e deve ganhar contrato longo

Quem ligou a TV na Globo em algum momento desta semana certamente se deparou com Chay Suede. E aqui não se fala somente da participação nos quatro primeiros capítulos de "Império". Nos últimos dias, o ator apareceu no "Encontro com Fátima Bernardes", no "Mais Você", duas vezes no "Video Show", no "Altas Horas" e no "Fantástico". A emissora viu no bom desempenho do rapaz uma boa oportunidade de divulgar a nova trama - que é ótima -, mas parece não se atentar para dois fatos: 1) certamente está promovendo um desgaste de sua imagem com uma overdose de aparições; 2) o moço está longe de ser uma revelação da casa.

Em todas as reportagens feitas com o músico e ator, a Globo ignorou seu passado e o tratou como um estreante, uma descoberta. Longe disso. Como se sabe, Chay foi visto pela primeira vez no reality show "Ídolos" e protagonizou "Rebelde" por alguns anos na Record. Ao ignorar tais fatos e apresentá-lo como uma "revelação", a emissora subestima a inteligência do espectador.

Obviamente, o sucesso do rapaz já desperta ciumeira na Globo. Há figuras no elenco de "Império" que não entendem o destaque que o ator vem recebendo, especialmente porque vivem personagens mais importantes e/ou polêmicos. Fato é que o passe de Chay foi brutalmente valorizado. Antes chamado para uma participação, ele deve ser chamado para assinar um contrato de longa duração com o canal em bases gordas. Além disso, deve ocupar um papel antes destinado a outro ator em "Babilônia", próxima novela de Gilberto Braga.

Posts Relacionados

Supla vai voltar a ser jurado de reality musical

Reality show

breakout Supla vai voltar a ser jurado de reality musical

Lucas Silveira, Bianca Jhordão e Supla serão jurados do "Breakout Brasil"

Depois na experiência no "Ídolos", Supla vai voltar a ser jurado de um reality show musical. Desta vez o músico estará na segunda temporada do "Breakout Brasil", do Canal Sony. O roqueiro vai dividir a bancada com Lucas Silveira, vocalista da banda Fresno, e Bianca Jhordão, da Leela.

Pode-se dizer, aliás, que Supla está se especializando em realities. Já participou de "Casa dos Artistas", "Ídolos" e estrelou o "Papito In Love". Sinal de que o músico repercute.

Posts Relacionados

Fabíola Gadelha sobre o trabalho no ‘Cidade Alerta’: ‘Por onde passo me chamam de Rabo de Arraia’

Entrevista

fabiola Fabíola Gadelha sobre o trabalho no Cidade Alerta: Por onde passo me chamam de Rabo de Arraia

Fabíola Gadelha: "Se me chamam pelo nome demoro para entender"

Fabíola Gadelha tem deixado o nome de batismo de lado. Hoje, por causa do sucesso no "Cidade Alerta", a jornalista tem sido chamada por onde passa pelo apelido cunhado por Marcelo Rezende: Rabo de Arraia. Feliz da vida com a repercussão do trabalho, a repórter amazonense foi chamada para substituir o apresentador no comando do programa e saiu-se bem, mantendo os bons índices de audiência da faixa. Após a intensa semana na atração, Fabíola conversou com o blog e fez um balanço do trabalho. Leia a seguir.

Como avalia essa semana à frente do "Cidade Alerta"?
Avalio muito bem. Mantive a média de audiência, o público respondeu bem. Nessas situações, nunca se sabe se vai agradar, até porque substituir o Marcelo Rezende tem um peso muito grande. Mas ele depositou confiança em mim, foi uma oportunidade de ouro. Conversamos bastante antes de eu assumir o programa e ele me disse para não ter medo ou ficar nervosa: "Seja a Fabíola de sempre e faça".

Foi preciso mudar seu estilo para apresentar?
Nas reportagens sou mais agressiva, tive de suavizar no estúdio. Quando estou apresentando sei que não estou falando diretamente com um criminoso como nas matérias de rua. Estou falando com o público brasileiro, então tem de haver um cuidado. Mas a gente tá muito feliz com o resultado.

Teve medo de substituir o Marcelo Rezende ou não manter a audiência do programa?
Não fiquei com medo. Não tenho medo de muita coisa, não. Até porque eu penso dessa forma: se estou aqui foi porque Deus me colocou. Se não der audiência é porque não era meu momento. Que bom que eu dei! Para mim, só o fato de substituir o Marcelo já foi um grande presente. Ele é o maior jornalista desse país. Nos identificamos de cara por meio de links ao vivo e reportagens. Nosso relacionamento foi amadurecendo em frente às câmeras. Demoramos para nos conhecer pessoalmente, mas quando aconteceu vi que ele era exatamente como imaginava.

fabiola2 Fabíola Gadelha sobre o trabalho no Cidade Alerta: Por onde passo me chamam de Rabo de Arraia

No "Cidade Alerta": "Nas reportagens sou agressiva, Tive de suavizar meu estilo no estúdio"

Não fica brava por ser chamada de Rabo de Arraia?
Eu adoro! O Marcelo tem uma forma muito carinhosa de tratar as pessoas, mas às vezes alguns podem estranhar. Ele é natural, autêntico. Me sinto em casa quando estou do seu lado e me divirto com a criatividade dele. Não tenho nenhum problema com a brincadeira, eu ficaria chateada, sim, se ele  desse apelidos para todo mundo menos para mim!

Foi por causa da relação com Marcelo Rezende que recusou ir trabalhar na Band com Luiz Bacci?
Eu não recusei, até mesmo porque ele não fez proposta. Existiu, sim, uma sondagem e nem foi por parte dele. Me ligaram perguntando se eu estaria disposta a mudar de emissora e de cara não dei resposta nenhuma. Então não escutei valores ou uma proposta concreta. Sei que foi publicado que recebi uma proposta, mas não foi o caso. O Marcelo Rezende é muito tranquilo e me apoia no que for melhor para mim, mas não precisei ir adiante com o assunto.

Você vive atualmente no Amazonas. O que falta para mudar de vez para São Paulo?
Para vir para São Paulo em definitivo falta realmente uma proposta. Por enquanto, sigo com um pé lá e um cá, mas é bem cansativo. São quatro horas de voo direto. E todo dia durante a semana ainda trabalho na afiliada de Manaus também para depois vir para cá. Tenho medo que a máquina falhe um dia, mas, por enquanto, está dando certo. Na verdade, a possibilidade da minha vinda para cá já foi conversada. Estamos analisando a situação com a diretoria da Record. Não posso reclamar de muito trabalho também, penso que essa é a hora de investir. Sem falar que quando a gente faz o que gosta não cansa tanto. E eu adoro meu trabalho.

Como tem sido a reação nas ruas e em Manaus, mais especificamente, ao sucesso que você tem feito na TV nacional?
Em Manaus já estão acostumados a me ver na TV há 10 anos, mas acho que nem eu nem ninguém esperava que fosse acontecer a fama nacional. Tenho muito orgulho, porque isso significa que o Norte tem sido mais visto. Querendo ou não, minha participação no "Cidade Alerta" abriu uma porta para o povo amazonense, para a terra que carrego no meu coração. Agora uma coisa mudou: lá ninguém me chama mais pelo nome - e eu amo que isso esteja acontecendo! Passo na rua e só ouço "Rabo de Arraia!". Hoje, se me chamam de Fabíola demoro para entender, nem atendo. (risos)

Posts Relacionados

SBT engaveta projetos de sitcom de Tom Cavalcante e Gorete Milagres

Programação de TV

filo SBT engaveta projetos de sitcom de Tom Cavalcante e Gorete Milagres

Gorete Milagres: piloto da volta de Filó foi para a geladeira

O SBT parece de fato ter decidido voltar as atenções de sua dramaturgia apenas para crianças. A emissora resolveu engavetar até segunda ordem dois projetos de sitcom apresentados à direção este ano. Por questões de custos, a emissora não produzirá uma série estrelada por Tom Cavalcante e Carlos Alberto de Nóbrega.

Outra que deve ir para a geladeira é a volta do "Ó, Coitado", com Gorete Milagres e Moacyr Franco. Os dois chegaram a gravar um piloto da atração em maio.

Posts Relacionados

Depois de gafe com nome de atriz em novela, Globo leva ao ar legenda errada no ‘Na Moral’

Programação de TV

moral Depois de gafe com nome de atriz em novela, Globo leva ao ar legenda errada no Na Moral

"Na Moral" exibe a palavra "adolescente" com um S a mais

Foi necessária a exibição de quatro capítulos para que a Globo corrigisse o erro na grafia do nome de Marina Ruy Barbosa na abertura de "Império", mas tão logo resolveu o problema a emissora incorreu no mesmo erro em outro programa. O "Na Moral" desta quinta-feira (24) confundiu a legenda e escreveu a palavra "asdolescente". Leitores do blog como o @RodrigoOuniko perceberam e fizeram questão de avisar. Pelo visto a emissora vai precisar contratar mais revisores.

Posts Relacionados