Posts com a tag: amor à vida

Fúlvio Stefanini reclama do personagem que viveu em ‘Amor à Vida’

Novelas e minisséries

fulvio stefanini Fúlvio Stefanini reclama do personagem que viveu em Amor à Vida

Fúlvio Stefanini: "Eu tirava leite de pedra"

Durante a exibição de "Amor à Vida", não foram poucos os rumores de atores insatisfeitos com seus personagens. Em entrevista ao jornal "O Globo", Juliano Cazarré declarou que não entendia seu personagem. Ricardo Tozzi, Leona Cavalli e Rodrigo Andrade também deram declarações sobre seus papéis. No geral, a alegação era de que havia muitas tramas e pouco aproveitamento do elenco e aprofundamento da história. Agora, passados dois meses do fim da novela, mais um artista vem a público reclamar.

Na última terça-feira (1), durante o programa "Todo Seu", de Ronnie Von, na TV Gazeta, Fúlvio Stefanini não usou de meias palavras. "O personagem foi muito esquecido. Ele não tinha história. Eu tirava leite de pedra", afirmou o ator, que deu vida a Denizard, pai do mocinho, Bruno (Malvino Salvador). De fato, durante boa parte do folhetim, ele mais parecia figuração de luxo, como dono de boteco do subúrbio. Ao final, o apresentador chamou o colega de corajoso pela declaração.

Parece que "Amor à Vida" vai ficar marcada não só pelo beijo gay no final, mas também pelos muitos problemas nos bastidores.

Posts Relacionados

Walcyr Carrasco voltará ao ar em 2015 com novela das seis que tratará de espiritualidade

Novelas e minisséries

walcyr Walcyr Carrasco voltará ao ar em 2015 com novela das seis que tratará de espiritualidade

Walcyr Carrasco vai falar sobre espiritualidade

Depois de "Amor à Vida", Walcyr Carrasco já tem projeto aprovado de mais uma novela para a Globo. Depois de comandar um folhetim das 21h, o autor voltará no horário das 18h, em 2015, numa trama sobre espiritualidade como ocorreu em "Alma Gêmea". A sinopse já foi encaminhada à Globo.

Walcyr espera contar com alguns nomes de "Amor à Vida". A previsão é que estreie no fim do primeiro semestre do ano que vem.

Posts Relacionados

Sem perceber, último capítulo de ‘Amor à Vida’ faz propaganda de livro de Marcelo Rezende, apresentador da Record

Novelas e minisséries

livro Sem perceber, último capítulo de Amor à Vida faz propaganda de livro de Marcelo Rezende, apresentador da Record

No canto direito da imagem acima, o livro do apresentador da Record

Não é exatamente uma novidade que "Amor à Vida" tenha recomendado vários livros ao longo de sua trama. Uma cena, no entanto, chamou atenção de quem assistiu ao último capítulo mais atentamente. Durante o lançamento do romance de Thales (Ricardo Tozzi), logo ao lado da obra fictícia colocada numa estante, está o livro de Marcelo Rezende, "Corta Pra Mim".

Sem querer, o apresentador da Record ganhou propaganda gratuita na emissora concorrente. A obra aparece no lado direito da imagem acima, ao lado do romance fictício da novela.

Posts Relacionados

Apesar de não ser inédito em novelas, beijo gay de ‘Amor à Vida’ derruba de vez um tabu de décadas

Crítica

beijo Apesar de não ser inédito em novelas, beijo gay de Amor à Vida derruba de vez um tabu de décadas

Félix (Mateus Solano) e Niko (Thiago Fragoso): beijo gay liberado pela Globo

Perdido pelo reaproveitamento de fitas da TV Tupi, um teleteatro chamado "Calúnia", exibido em 1963, levou ao ar um beijo entre Vida Alves e Georgia Gomide. Sem que o registro tenha perdurado, a carícia caiu no esquecimento e tentou ser retomada inúmeras vezes décadas depois. Hoje, no último capítulo de "Amor à Vida", a dramaturgia da Globo finalmente acordou pôs fim a um longo de período de medo da ala conservadora - e preconceituosa - dos espectadores.

Apesar de não ser inédito na televisão brasileira, o beijo entre Félix (Mateus Solano) e Niko (Thiago Fragoso) tem significado especial para os fãs do gênero. Finalmente, o público se pôs ao lado de um relacionamento entre dois rapazes. Apesar da brusca - e discutível - mudança de caráter, Félix caiu nas graças do povo, que passou a torcer por seu final feliz.

Antes de "Amor à Vida", o SBT chegou a exibir um beijo entre Gisele Tigre e Luciana Vendramini em "Amor e Revolução". Considerada uma ousadia, a cena não aumentou a audiência da trama - marcou 5 pontos - e teve outras tentativas vetadas (um beijo entre dois rapazes ocorreria e foi censurado pelo canal).

Na Globo, a permissão parecia cada vez mais difícil de ser obtida. Em "Torre de Babel", Christiane Torloni e Silvia Pfeiffer tiveram de ser assassinadas e sair da história. Em "Mulheres Apaixonadas", Alinne Moraes e Paula Picarelli tiveram de se contentar com um selinho, numa peça de teatro, na qual uma delas atuava como homem. Em "Senhora do Destino", Bárbara Borges e Milla Christie chegaram a tomar banho, acordar na mesma cama e dar estalinhos, nada além disso. Em "Querido Amigos", Guilherme Weber beijou Bruno Garcia desmaiado. Em "América", o beijo sem firulas foi gravado, mas proibido de ir ao ar horas antes.

O fato de Félix e Niko finalmente terem rompido com a censura a esse tipo de carícia é pertinente para que ele se repita sem dramas ou polêmica em produções futuras. Juliana Schalch e Inês Peixoto já gravaram um beijo para um dos episódios de "A Teia". Próxima novela das nove, "Em Família", terá Giovana Antonelli e Tainá Muller como par romântico. Caso as atrizes precisem se beijar em cena, certamente tudo será encarado com maior naturalidade.

É o fim de um tabu. É hora de virar a página e incorporar o novo costume. Nos anos 70, divórcio causava escândalo. Nos 80, a independência feminina assustou. Tudo foi absorvido pela sociedade. A aceitação do amor entre Félix e Niko é a prova de que evoluímos. E assim deve-se continuar.

ULTIMO CAPÍTULO - Sem sobressaltos, o desfecho de "Amor à Vida" seguiu exatamente os finais já vazados pela imprensa. Chamou atenção, no entanto, a overdose de casamentos. Thalles (Rocardo Tozzi) e Natasha (Sophia Abrahão), Paloma (Paolla Oliveira) e Bruno (Malvino Salvador), Márcia (Elisabeth Savalla) e Atílio (Luis Melo), Edith e Herbert - este não finalizado. As cenas pareciam uma variação da outra em situações idênticas. Antonio Fagundes, com metade do corpo paralisada, deu show e conferiu dignidade a diálogos poucos críveis. Susana Vieira, como esperado revelou-se responsável pela morte da mãe da grande vilã, vivida por Vanessa Giácomo.

AUDIÊNCIA - De acordo com dados prévios, o final registrou média de 44 pontos com picos de 48. O número é menor do que a antecessora "Salve Jorge", que havia marcado 46. Compare os números das últimas tramas das nove.

“Amor à Vida” – 44 pontos com pico de 48

“Salve Jorge” – 46 pontos com pico de 49

“Avenida Brasil” – 52 pontos com pico de 54

“Fina Estampa” – 47 pontos com pico de 50

“Insensato Coração” – 47 pontos com pico de 51

“Passione” – 52 pontos com pico de 54

“Viver a Vida” – 46 pontos com pico de 52

“Caminho das Índias” – 55 pontos com pico de 59

“A Favorita” – 50 pontos com pico de 53

Posts Relacionados

Depois de ‘Amor à Vida’, Maria Casadevall fará série da HBO sobre a Boca do Lixo

Seriado

maria casadevall Depois de Amor à Vida, Maria Casadevall fará série da HBO sobre a Boca do Lixo

Maria Casadevall deve estar em produção da HBO

Além da segunda temporada de "O Negócio", que está sendo filmada atualmente, a HBO prepara mais um seriado nacional. Produzido pela Conspiração Filmes, "Boca do Lixo" deve começar a rodas suas primeiras cenas em abril. A série, aliás, já tem definido seu primeiro nome no elenco: Maria Casadevall, que encerra hoje o trabalho em "Amor à Vida", terá um papel na trama, que terá direção de Claudio Torres. A atriz só não estará na atração no caso de ser escalada emergencialmente pela Globo para alguma novela.

Os roteiros dos 10 episódios já estão prontos e abordam o período dos anos 7o e os tempos de pornochanchada e censura. Outro nome convidado para a produção foi Selton Mello.

Posts Relacionados

Beijo entre e Félix e Niko já foi gravado e gravações de ‘Amor à Vida’ estão encerradas

Novelas e minisséries

felix niko Beijo entre e Félix e Niko já foi gravado e gravações de Amor à Vida estão encerradas

Mateus Solano e Thiago Fragoso numa cena de "Amor à Vida"

Na última quarta-feira (29) foram encerradas as gravações dos principais núcleos de "Amor à Vida". As últimas sequências da novela de Walcyr Carrasco envolveram Antonio Fagundes, Mateus Solano e Thiago Fragoso, no final feliz dos personagens na casa de praia da família Khoury. Como já foi largamente divulgado, César terminará a história com metade do corpo paralisada por um AVC e sendo cuidado pelo filho que tanto maltratou.

Um dos últimos mistérios da história, o tão falado beijo gay deve sair mesmo no último capítulo da novela. O blog apurou que a cena entre Félix e Niko foi rodada esta semana. A decisão está agora nas mãos da Globo, que baterá o martelo apenas no dia da exibição do último capítulo.

Em 2005, na novela "América", a emissora chegou a gravar um beijo entre os personagens de Bruno Gagliasso e Eron Cordeiro, mas a cena foi vetada horas antes de ir ao ar.

Em contrapartida, como o blog antecipou, em breve um beijo entre mulheres também deve ir ao ar, na série "A Teia", envolvendo as atrizes Inês Peixoto e Juliana Schalch. A ideia de romper de vez o tabu do beijo entre pessoas do mesmo sexo foi fortalecida pela pouca reação contrária às carícias trocadas por Clara e Vanessa, no "BBB". O reality acabou servindo de termômetro.

Para encerrar o assunto, no Projac a equipe de "Em Família", de Manoel Carlos, já se dispôs a fazer com que as personagens de Tainá Muller e Giovanna Antonelli se beijem em caso de nova proibição envolvendo "Amor à Vida". A disputa agora é quem vai ser o primeiro a romper o tabu na dramaturgia Globo.

Posts Relacionados

Globo enfrenta ‘rebelião’ de atores insatisfeitos

Novelas e minisséries

Os diretores da Globo têm enfrentado um desafio este ano: acalmar os ânimos dos artistas da emissora. Tudo porque o clima de insatisfação é grande em parte das produções da casa.

Primeiro, há um movimento que pede para que se reveja a obrigação de parte dos atores de frequentar os muitos programas da casa para divulgar os projetos. Depois, começaram a surgir as declarações de parte do elenco de "Amor à Vida". Insatisfeitos com os rumos da trama, nomes como Juliano Cazarré e Marcelo Antony vieram a público falar sobre seus papéis.

Agora, o clima ruim se implantou nos bastidores de "Além do Horizonte". Os atores têm sido convocados para gravar cenas em cima da hora. Muitas vezes, as sequências vão ao ar no mesmo dia ou 24 horas depois de rodadas. As constantes mexidas no texto na tentativa de levantar a audiência da novela fizeram com que houvesse atraso significativo na frente de trabalhos. E mais: tem ator que não consegue entender o personagem ou viu sua importância ser diminuída.

Posts Relacionados

‘Amor à Vida’ e suas muitas repetições de trama

Crítica

"Amor à Vida" entra em sua reta final repleta de polêmicas. Estendida até 31 de janeiro, a trama de Walcyr Carrasco leva ao ar seus últimos capítulos em meio a rumores de insatisfação por parte de alguns atores e mudanças repentinas de personagens, caso de Félix (Mateus Solano), que deixou de ser vilão e virou mocinho - sempre apoiado na ótima interpretação de Mateus Solano.

Revisando toda a história da novela, chama atenção as muitas vezes em que um mesmo recurso dramatúrgico foi utilizado para viradas de alguns personagens. O blog lista alguns abaixo.

Edith é expulsa de casa duas vezes

em amor a vida edith conta que felix e gay 1375181915257 1920x1080 Amor à Vida e suas muitas repetições de trama

Edith (Bárbara Paz): brigas na mesa de jantar e expulsão

Insatisfeita com o casamento, a personagem de Bárbara Paz passa a ter um caso com o mordomo, vivido por Felipe Titto. Ao descobrir, Félix a expulsa de casa com sua mãe, Tamara (Rosamaria Murtinho). Para completar a sequência, uma discussão ocorre durante o jantar, quando revela-se a homossexualidade do vilão. Semanas depois, Edith volta para casa apenas para ser expulsa novamente, desta vez porque descobre-se que Jonathan (Thalles Cabral) é fruto de sua relação com o sogro, César (Antonio Fagundes). A briga, mais uma vez, ocorre durante um jantar.

Enfermeira Ciça e suas quedas

queda Amor à Vida e suas muitas repetições de trama

A azarada enfermeira Ciça (Neuza Maria Faro): quedas e hospital

Cuidando de Paulinha (Klara Castanho), recém-recuperada do tratamento do lúpus, Ciça (Neuza Maria Faro) é sequestrada junto com a garota por Ninho (Juliano Cazarré) e Alejandra (Maria Maya). Numa tentativa de fuga, é empurrada pela vilã penhasco abaixo e vai parar no hospital em estado grave. Recentemente, mais uma vez inserida no covil de uma vilã, Aline (Vanessa Giácomo), a enfermeira escorrega no chão oleoso - uma armadilha - e volta à UTI de novo.

Filmagens de mortos que tudo resolvem

mariah Amor à Vida e suas muitas repetições de trama

Mariah (Lúcia Veríssimo) grava vídeo para Paloma (Paolla Oliveira)

Depois de incriminar Paloma (Paolla Oliveira) por tráfico de drogas, Alejandra fica entre a vida e a morte e tem uma crise de consciência. Resolve, então, gravar um vídeo assumindo que forjou o flagrante e resolve os problemas da mocinha. Não foi a única personagem a usar o artifício. Antes de morrer, Mariah (Lúcia Veríssimo) grava um depoimento em que explica que é na verdade tia de Aline e que Bruno (Malvino Salvador) não tinha um caso com a megera.

Beijo na roda gigante e plano de golpe

nicole1 Amor à Vida e suas muitas repetições de trama

Natasha (Sophia Abrahão) e Thales (Ricardo Tozzi): beijo na roda gigante

Foi assim o primeiro beijo de Thales (Ricardo Tozzi) e Nicole (Marina Ruy Barbosa) e assim foi com Natasha (Sophia Abrahão). Compreensível o espelhamento de cenas, uma vez que as personagens eram irmãs, mas não demorou muito para que Leila (Fernanda Machado) quisesse que o namorado aplicasse exatamente o mesmo golpe de antes: seduzir a garota para depois matá-la e herdar tudo.

Amarilys e os casais gays

amor a vida niko amarilys eron foto joao cotta mat Amor à Vida e suas muitas repetições de trama

Amarilys (Danielle Winits), com Niko (Thiago Fragoso) e Eron (Marcelo Antony): destruidora de casais

Antes amiga da mocinha, Amarilys (Danielle Winits) arruinou o relacionamento de Niko (Thiago Fragoso) seduzindo Eron (Marcelo Antony) e tomando para si seu filho gerado em barriga solidária. Agora, nos próximos capítulos, a loira aplicará o mesmo golpe em outro casal gay. Ou seja: virou uma ladra de maridos homossexuais e barriga solidária serial.

Sequestros de crianças

paulinha Amor à Vida e suas muitas repetições de trama

Paulinha (Klara Castanho): nas garras de Alejandra (Maria Maya)

Ninho e Alejandra sequestraram Paulinha e fugiram para o Rio de Janeiro e depois para o Peru. Amarilys sequestrou Fabrício e rumou para Angra dos Reis e pretendia seguir para a Argentina. Quem tiver filhos na novela deve mantê-los sob vigilância. Do contrário, é rapto, viagem interestadual e depois internacional.

Valdirene invade camarins

valdirene Amor à Vida e suas muitas repetições de trama

Valdirene (Tatá Werneck) assedia Vitor Belfort

É inegável, Tatá Werneck é uma das mais bem sucedidas apostas da novela e arrasou no "BBB", mas Valdirene voltará a usar do mesmo modus operandi mesmo após a fama: invadir camarins. Foi assim com Vitor Belfort, Gusttavo Lima, Neymar (no vestiário) e vários outros. E assim será com Carlito, o MC Delícia, na cena de reconciliação do casal, prevista para ir ao ar na última semana da novela.

E você, leitor? Lembra de mais repetições? Conta nos comentários!

Posts Relacionados

Antonio Fagundes emendará uma novela na outra e fará ‘Meu Pedacinho de Chão’

Novelas e minisséries

Antonio Fagundes Antonio Fagundes emendará uma novela na outra e fará Meu Pedacinho de Chão

Antonio Fagundes estará em próxima novela das seis

Antonio Fagundes não terá férias após "Amor à Vida". Tão logo se despedir de César Khoury, seu personagem na trama, o ator começará a se preparar para a próxima novela das seis, "Meu Pedacinho de Chão". Na história, ele dará vida ao coronel Giácomo, pai de Milita, que será vivida por Cíntia Dicker. Bruno Fagundes, filho do astro, também terá um papel no folhetim.

Com estreia prevista para março, a história de Benedito Ruy Barbosa contará ainda com Ney Latorraca, Rodrigo Lombardi, Bruno Fagundes, Johnny Massaro, Bruna Linzmeyer, Juliana Paes, Marcelo Serrado, Osmar Prado, Milena Toscano, Thaís Garayp, Raphael Viana, Paula Barbosa, Alessandra Maestrini, Cristiana Oliveira e Daniel Camillo.

Posts Relacionados

Após censura em novelas, Globo libera beijo gay no ‘BBB’

Reality show

clara1 Após censura em novelas, Globo libera beijo gay no BBB

Vanessa e Clara se beijaram durante festa do "BBB"

Depois de censurar nas novelas, a Globo quebrou um tabu do horário nobre neste domingo (19). A emissora exibiu um dos muitos beijos dados entre Vanessa e Clara no "Big Brother Brasil". Até então, a emissora evitava mostrar duas pessoas do mesmo sexo se beijando, exceto com pretexto (Em "Mulheres Apaixonadas", uma peça de teatro com selinho; em "Queridos Amigos", um desmaio). Espectadores que assistiram às carícias das amigas especulavam se emissora teria coragem de colocar a sequência na edição final.

Pelo visto, as coisas devem mudar em breve. Se em 2005, em "América", a emissora vetou uma cena já gravada de beijo entre Bruno Gagliasso e Erom Cordeiro horas antes do capítulo ir ao ar, agora a Globo parece decidida a superar a questão. Tudo indica que "Amor à Vida" e "A Teia" terão cenas do gênero nas próximas semanas.

Não será surpresa se o canal tiver usado o beijo gay no "BBB" como espécie de tubo de ensaio, para testar a reação do público ao assunto.

Posts Relacionados