Posts de 15 de fevereiro de 2013

Cinema

Publicado em 15/02/2013 às 18:30

A Hora Mais Escura, concorrente ao Oscar, estreia neste fim de semana (15/2)

horamais A Hora Mais Escura, concorrente ao Oscar, estreia neste fim de semana (15/2)

A Hora Mais Escura

O cerminônia de entrega do Oscar acontece no dia 24 de fevereiro e neste fim de semana estreia um grande concorrente. É A Hora mais Escura, que mostra a caçada ao terrorista Osama Bin Laden e que culminou com sua morte. O longa é um dos fortes candidatos ao prêmio de Melhor Filme. Veja as estreias da semana aqui.

Imprimir:

TV

Publicado em 15/02/2013 às 16:48

Tande já não é mais dublê de apresentador

O colunista Flávio Ricco deu a informação nesta sexta (15) que a Globo afastou Tande da apresentação do Esporte Espetacular e colocou Ivan Moré em seu lugar.

tande Tande já não é mais dublê de apresentador

O atleta Tande

Ivan já vinha apresentando a atração nas últimas semanas e vai continuar por lá.

É uma mudança mais do que bem-vinda. Tande simplesmente não nasceu para ser apresentador de TV. O EE caiu muito de qualidade com sua presença. Ele até tentava, mas não tinha timing, não era divertido, não tinha traquejo, engasgava, dava foras, enfim, não foi feito para isso. Já no Corujão do Esporte, apresentado durante as madrugadas de sexta, o ex-atleta já não dava conta do recado. Com mais exposição suas deficiências ficaram ainda mais evidentes.

A chegada de Ivan Moré é um acerto e a saída de Tande um outro maior ainda.

Imprimir:

TV

Publicado em 15/02/2013 às 15:18

A Dilma do Chico Caruso é constrangedora

Muita gente reclamou da charge que Chico Caruso publicou no O Globo sobre a tragédia de Santa Maria. Realmente foi de muito mal gosto e quem não gostou

dilma1 A Dilma do Chico Caruso é constrangedora

A Dilma do Caruso

está coberto de razão, porque é mesmo vergonhoso. Mas este post é para falar algo que já me ocorre há muito tempo e nunca parei para escrever.

Chico já perdeu a mão faz muito tempo e a charge sobre o incêndio na boate Kiss foi só a cereja no bolo. Você já parou para ver as piadinhas que ele faz, em forma de desenho animado, no Jornal da Globo. É tudo muito ruim, sem graça, um tipo de piada que ninguém entende muito bem e quando entende não consegue dar risada. E isso não é de hoje. O humorista faz esse quadro já há anos e continua sendo ruim noite após noite. E pra piorar é ele que dubla a voz da personagem. De doer. Quando acaba a animação e volta para os apresentadores dá para ver que nem esboçam um sorrisinho sequer.

Mas alguém deve gostar, né? Já que está no ar há tanto tempo. Só que eu não conheço ninguém que se divirta com aquilo.

Imprimir:

Cinema

Publicado em 15/02/2013 às 14:05

Harrison Ford voltará a ser Han Solo no próximo Star Wars

E já que o assunto é Harrison (veja meu post anterior), acaba de explodir a notícia de que o ator vai interpretar novamente Han Solo no cinema. Isso vai

soloblog Harrison Ford voltará a ser Han Solo no próximo Star Wars

Ele está de volta

acontecer no novo filme de Star Wars, o Episódio 7. Quem soltou a informação foi o site Latino Review, mas a Disney ainda não se pronunciou oficialmente sobre o assunto.

Ainda ninguém sabe como será a história do filme e como acontecerá esse retorno do personagem, mas é óbvio que o roteiro deve contemplar a passagem dos anos, já que Ford tem agora 71 anos.

O novo filme da saga terá direção de J.J. Abrams, o mesmo de Star Trek e que também é criador de Lost.

Imprimir:

Cinema

Publicado em 15/02/2013 às 12:13

O mundo precisa de mais Indiana Jones, mas sem Harrison Ford

jones O mundo precisa de mais Indiana Jones, mas sem Harrison Ford

Harrison Ford como Indiana Jones

Alguém aí se lembra quando viviam enchendo a paciência de Steven Spielberg e George Lucas para sair um novo filme de Indiana Jones após a primeira trilogia? Foram anos e mais anos de fãs chorando pelos cantos querendo ver Harrison Ford de novo em ação com o chapéu e o chicote. Pois bem, em 2008 estreou Indiana Jones e o Reino da Caveira de Cristal. E que tragédia, hein?! História confusa, roteiro fraco, Ford já estava com 67 anos e a decepção foi grande, embora tenha rendido um bom lucro nas bilheterias. Este quarto longa é claramente o mais fraco de todos e, para sair do jeito que foi, era melhor ter deixado o personagem descansar em paz.

Uma conversinha sobre um quinto filme acontece desde 2008 e não há certeza nenhuma de que isso irá acontecer logo. Spielberg diz que tudo depende de George Lucas encontrar uma boa história e das agendas dos principais envolvidos estarem em sincronia, o que não é fácil de acontecer. Ainda mais agora, depois da venda da LucasFilm para a Disney, a situação parece mais complicada para o arqueólogo. A Disney tem os direitos do personagem, mas os direitos de distribuição permanecem com a Paramount. Ou seja, dificilmente haverá um acordo entre os dois estúdios, tanto é que ninguém nem fala mais sobre este novo longa.

Agora é o seguinte: se for rolar mesmo, tem que ser sem Harrison Ford no papel principal. Simplesmente não dá mais. Digamos que Lucas aprove um novo filme e ele comece a ser feito no início de 2014. O lançamento acontecerá na metade de 2015, quando Ford estará com 74 anos. Isso se não for produzido ainda mais tarde. Sério, é demais para um filme cheio de ação e que mostra um herói intrépido em loucas aventuras pelo mundo. É preciso renovar a franquia, reinventá-la.

Muitos fãs vão dizer que Indiana Jones é Harrison Ford e que o personagem não existe sem o ator. Bobagem. Essa ideia foi muito difundida no cinema, com gente (muitos críticos) dizendo que fulano de tal é a escolha perfeita e que nenhum outro ator poderia viver tal personagem. É muita bobagem e aí está James Bond, Batman, Robocop, Super-Homem e Homem-Aranha para provar o contrário. É possível sim vermos um outro alguém num papel que considerávamos intransferível. E mais: Tom Selleck era a primeira escolha de Lucas para viver Indiana Jones. Agora imagine se o ator tivesse sido mantido no papel principal e os longas fossem igualmente bem sucedidos. Selleck seria perfeito, certo? Então pronto.

Como fã do arqueólogo, torço muito para que ele volte à ação um dia. Mas Harrison Ford tem que ser trocado.

Imprimir:

TV

Publicado em 15/02/2013 às 09:51

Ivan é o símbolo da chatice deste BBB

ivan Ivan é o símbolo da chatice deste <i>BBB</i>

Ivan, o Chato (Foto: Divulgação/Globo)

Será que dá para ser mais chato do que o Ivan? Essa 13ª edição é, em minha opinião, uma das mais entediantes do reality show. Começou prometendo muito com a volta dos veteranos, que foram caindo semana após semana. E o símbolo de tudo isso é o Ivan, um cara que não faz nada de relevante e quer bancar uma espécie de justiceiro.

O brother, dentro da casa, é aquele personagem inofensivo, que gosta de ouvir as pessoas e dar conselhos para tentar tirar as pessoas de seu sofrimento. Mais corretinho impossível. Gosta de mostrar que está jogando limpo, que não tem nenhum problema pessoal com ninguém e que tudo o que acontece ali "é o jogo". Oras, se a gente quiser ver gente politicamente correta vamos para outro tipo de atração, certo? Num BBB o que todo mundo quer é ação, coisa que Ivan definitivamente não é a fim.

De tão inofensivo e apático, Ivan vai ficando no programa e periga chegar bem longe na disputa. Não deve ser o vencedor, mas deve sobreviver ainda um bom tempo na brincadeira. E dá-lhe chatice nos próximos meses.

Imprimir:
1
Ir para a home do site
Todos os direitos reservados - 2009- Rádio e Televisão Record S/A
exceda.com