ritinha A Força do Querer comete com a personagem de Isis Valverde o maior absurdo de sua história

Ritinha é injustiçada na novela (Foto: Reprodução/Globo)

Novela sempre tem seus exageros, a gente sabe disso. Agora Glória Perez cometeu um daqueles deslizes sem precedentes. No capítulo deste sábado (7), a gente viu que um juiz deu a guarda do filho de Ritinha (Ísis Valverde) para a família de Ruy. Absurdo total, hein? Ok, existem decisões totalmente polêmicas de juízes Brasil afora, mas isso aqui passa bem dos limites.

Analisemos a situação: Joyce (Maria Fernanda Cândido), avó de Ruizinho, sequestra o bebê — sim, SEQUESTRA — por acreditar que a mãe iria fugir. Leva ele para casa e fica tudo bem. Veja bem, isso tudo depois de Ruy (Fuik), pai da criança, ter atirado em Zeca (Marco Pigossi) e estar foragido para escapar do flagrante.

Então, é assim: um juiz, para aprovar tudo isso, tem de ser um tanto quanto louco. Até porque não há nenhum motivo para Ritinha perder a guarda de Ruizinho. Ela é meio avoada, mas é uma boa mãe, trata bem a criança, tem casa, família e coisa e tal. É bígama, é verdade, mas isso é impedimento para não cuidar de seu próprio filho?

Resumindo: o juiz teria de fechar os olhos para uma tentativa de homicídio e para um sequestro. E nem houve uma cena em que Joyce compra o parecer da Justiça. Quer dizer, exagero é pouco, hein?!

http://r7.com/fr5R