ben Ben Affleck foi o maior injustiçado do Oscar 2013

Ben Affleck recebe a estatueta por Argo

Não fez o menor sentido o Oscar não ter indicado Ben Affleck como melhor diretor por Argo. Ele tinha de estar, no mínimo, entre os concorrentes ao prêmio. Isso não aconteceu sabe-se lá o motivo. Tem gente dizendo que foi uma questão política pelo fato do longa tocar num assunto delicado. O resultado disso é que a Academia gerou uma situação bizarra: Argo levou a estatueta de Melhor Filme e seu diretor não estava nem entre os indicados. Fica meio esquizofrênico, não? Quer dizer que o longa é o melhor, mais bem acabado, o que inclui aí direção, e o cara que é o cérebro por trás disso tudo não é chamado para a festa? Façam o favor, né?

Por um capricho bobo da Academia, a organização deixou de premiar um diretor que está em plena ascensão, que pode se tornar num dos maiores nos próximos anos. A injustiça foi enorme, tanto que é bem raro um filme ganhar como o melhor do ano e seu diretor também não levar a estatueta. Mas o Oscar também está aí para isso, causar polêmica. Pena que a bomba estourou nas mãos de Ben. E sorte dele, que se vingou no final.

E já que o assunto é direção, Ang Lee levar o prêmio também é um exagero. As Aventuras de Pi é bonito visualmente, mas fica por aí. Como filme, é sonolento assim como foi a cerimônia de entrega. Já que Affleck não estava concorrendo, que pelo menos premiassem Steven Spielberg por Lincoln, que é programado para vencer mas que tem um ótimo trabalho de direção. Seria bem mais justo.

http://r7.com/UK4G