anitta Vídeo novo da Anitta é ruim, mas ela é a maior artista brasileira do século 21

Anitta no Marrocos para a gravação do clipe de Na Sua Cara

Curtir o trabalho da Anitta é questão de gosto. Tem os que adoram a moça e os que a detestam, dizendo que não canta nada, que é puro marketing e que usa o corpo para aparecer. Beleza. Mas não dá para negar que Anitta se destaca totalmente em meio à multidão de artistas brasileiros. Ninguém, atualmente, chega aos pés dela quando o assunto é repercussão, chamar atenção para si, lançar músicas que todo mundo ouve e clipes que todo mundo vê.

"Na Sua Cara", seu clipe superesperado ao lado da Pabllo, estreou neste domingo (30) e, neste momento, está quase chegando à marca de 30 milhões de visualizações. Devo dizer que para o tamanho da expectativa, a coisa foi meio decepcionante. Não entendi muito bem o motivo de ter sido gravado no Marrocos, sendo que qualquer duninha ali de Natal (RN) resolveria o problema tranquilamente. Quando soube que o vídeo seria feito no Marrocos, achei que veríamos umas coisas sensacionais, umas tomadas de helicóptero, uns beduínos, uns guerreiros com espada, bárbaros, camelos, dromedários, oásis e coisas do tipo. Mas não. Apareceram umas motos lá circulando as moças e foi isso. Até a naja que avançou para cima de Anitta desapareceu. Uma pena. Em compensação, a música é boa.

Seja como for, a chegada do clipe de "Na Sua Cara" causou. Virou memes, gifs e não teve quem não assistiu e comentou. Objetivo alcançado. A estreia do vídeo é comparável ao lançamento de algum disco muito esperado de alguma grande banda nos anos 80 ou 90. Sim, sinal dos tempos. Antes esperava-se por um álbum completo. Agora uma música e um clipe de tempos em tempos já são o bastante.

Voltando ao tema lá do título, sobre "ser a maior artista brasileira do século 21", pense bem: qual outro brasileirinho consegue chamar tanta atenção assim para si atualmente. Ivete Sangalo? Maiara e Maraisa? Simone e Simaria? Luan Santana? Vamos combinar que no quesito "aparecer" ninguém supera Anitta. Mesmo considerando a concorrência forte que sofre dos sertanejos. Em geral, ela é a única cantora pop que aparece ali no meio das duplas, e sempre bem colocada nas paradas.

Mas só "aparecer" não é tudo, concorda? Tem que dar as caras do jeito certo. E aí, ela também detona, com muitas execuções diárias de suas canções nas rádios, em programas de TVs, em números de shows e, mais recentemente, ensaiando fortemente uma carreira internacional.

Queira ou não, Anitta é hoje uma das artistas brasileiras mais poderosas da indústria da música. Canta o que quer, do jeito que quer, produz, lança, faz suas coreografias e vira influência imediata para todo mundo que vem atrás. Sério, dá até dó de comparar outros artistas com Anitta. Ela está muito à frente de seus colegas e concorrentes. E isso não é apenas um caso de marketing muito bem feito, mas também envolve talento e competência.

http://r7.com/hUvJ