TV

Publicado em 20/08/2015 às 09:38

Babilônia apela com Bruno Gagliasso, mas ninguém está nem aí

murilo Babilônia apela com Bruno Gagliasso, mas ninguém está nem aí

Murilo como Bruno Gagliasso ao lado de Sophie Charlotte (Foto: Divulgação/Globo)

A última chance para tentar salvar Babilônia foi a muleta máxima das novelas que é o "quem matou?". A vítima da vez foi Murilo, personagem vivido por Bruno Gagliasso. Esse recurso é também muito usado por Braga em suas tramas e foi dele, por exemplo, o "quem matou Odete Roitman?", que é um clássico usado com maestria.

Já o que foi feito em Babilônia foi simplesmente uma tentativa desesperada de atrair a audiência. O problema é que a novela está tão em baixa, tão sem conexão com o público que ninguém está nem aí para quem matou Murilo. E isso acontece tanto fora quanto dentro da novela. Fora, ninguém comenta, ninguém liga. Dentro, os personagens não poderiam se importar menos, já que o personagem de Gagliasso era um sacana que merecia morrer mesmo.

Então, o "quem matou?", dessa vez, é um tiro que não acertou em nada. Babilônia continua mal de audiência, a história mantém seu nível rastejante e assim vamos até o fim da trama. Gilberto Braga, dessa vez, não vai deixar saudade nenhuma.

Imprimir:

TV

Publicado em 19/08/2015 às 08:51

Lucas erra tudo no MasterChef, culpa o fogo e sai chorando

lucas1 Lucas erra tudo no MasterChef, culpa o fogo e sai chorando

Lucas chora na entrevista (Foto: Reprodução/Band)

Este participante é aquele que eu tinha falado na semana passada e que esqueceu de comprar o tomate para fazer uma sopa que tinha que ter... tomate. No episódio desta segunda (18), Lucas errou tudo novamente e acabou eliminado.

Ele tinha que fazer uma linguiça (vamos pular os trocadilhos, já fizeram um monte no Twitter) e servi-la. Se deu mal porque ficou cru. E ainda serviu errado, com vinagrete junto no mesmo prato. Os jurados não pouparam o competidor e foram duros. "Foi a escolha errada", disse Paolla. "É um prato triste", falou Jacquin. Fogaça soltou um "só lamento".

O mais engraçado foi ver a desculpa do Lucas. Ele disse que o erro era dele mesmo e que foi "culpa do fogo", como que querendo encontrar um responsável. Obviamente que o fogo é o que tem menos culpa aí. O coitado faz o que pode, né? Cabe ao cozinheiro administrá-lo. O resultado foi que Lucas saiu chorando já ali na cozinha e depois, ao ser entrevistado por Ana Paula Padrão.

Imprimir:

TV

Publicado em 18/08/2015 às 11:49

Roger Flores não serve para ser jurado da Dança dos Famosos

roger Roger Flores não serve para ser jurado da Dança dos Famosos

Roger na bancada da Dança dos Famosos (Foto: Reprodução/Globo)

Uma das coisas mais esquisitas da Dança do Famosos são os jurados que, volta e meia, aparecem por lá. Teve temporada aí que até o Tande ficou na bancada para julgar os dançarin0s. Veja bem, o Tande. Nesse último domingo foi a vez de chamarem o Roger Flores. Veja bem, o Roger Flores.

E é aí que a coisa pega. O que o Roger entende de dança para ir lá e dar palpite? Não é à toa que saiu distribuindo notas dez para tudo quanto é lado. E as opiniões? Tinha coisas do tipo "não dá para desprezar o que o público aqui achou". Isso lá é critério para aprovar ou desaprovar alguém? Ainda bem que uma parte do júri é rotativo e muda a cada semana.

Até entendo que decidiram colocá-lo porque o povo o considera um bom comentarista de futebol. Mas é futebol, certo? E ele é um ex-jogador. Mas dança? Tem que colocar gente que saiba pelo menos um pouquinho do que fala.

Imprimir:

TV

Publicado em 16/08/2015 às 21:22

Faustão constrange Caio Castro ao vivo com história triste

faustao2 Faustão constrange Caio Castro ao vivo com história triste

Caio e o pai de Juliana (Foto: Reprodução/Globo)

Caio Castro foi o homenageado deste domingo no Faustão no quadro Arquivo Confidencial. Acontece que a coisa não foi nada legal para o ator. Em determinado momento entrou na tela os pais de uma fã de Caio que tinha o sonho de conhecê-lo pessoalmente. A menina, de 15 anos, se chamava Juliane. Enquanto os pais falavam, as câmeras mostravam Caio visivelmente incomodado. Em seguida, ele se virou e disse algo para Faustão, como que reclamando que aquilo ali não deveria estar sendo exibido na TV.

O vídeo mostrou uma atitude muito legal de Caio, que foi até o norte do país para participar da festa de 15 anos de Juliaane. Mostrou ele dançando a valsa com ela, já muito debilitada. Ao fim do VT, Faustão explicou que a história só foi contada porque os pais da garota - que morreu há poucos dias - pediram. Mesmo assim, Caio estava bem contrariado.

Essas coisas de constranger convidado volta e meia acontece no Arquivo Confidencial. Caio não foi a primeira vítima, mas seu caso foi um dos mais graves.

faustao1 Faustão constrange Caio Castro ao vivo com história triste

Caio reclamando com o apresentador (Foto: Reprodução/Globo)

Imprimir:

Cinema

Publicado em 14/08/2015 às 11:47

Quarteto Fantástico tem um filme proibido que ninguém viu

 

quarteto1 Quarteto Fantástico tem um filme proibido que ninguém viu

Os atores do filme de 1994

O novo filme do Quarteto Fantástico estreou no último fim de semana e é um fracasso total. Não vai se pagar de jeito nenhum e fez a Fox quebrar a cara. Mas você sabia que os personagens da Marvel tem um filme trash feito em 1994 e que nunca foi lançado?

A história desse filme é controversa e ninguém sabe muito bem o que fez ele não sair. Tem gente que conta que a Marvel cancelou porque era ruim demais. Outros contam que o produtor que comprou os direitos ficou sabendo, pouco antes da estreia, que um grande estúdio faria um novo longa com muito mais dinheiro e, assim, decidiu não lançá-lo.

Fato é que este Quarteto Fantástico dos anos 90 foi feito com cerca de US$ 2 milhões (ou menos), o que é pouquíssimo, mesmo para a época. A ideia era que o orçamento fosse de US$ 45 milhões, mas o produtor Bernd Eichinger não conseguiu juntar todo o dinheiro. Com isso, ele foi adiando o início da produção. Com os vários atrasos, Eichinger corria o risco de perder os direitos, que voltariam para a Marvel. Com a corda no pescoço, o jeito foi fazer tudo com pouco dinheiro. E assim entra na história o produtor Roger Corman, especialista em longas sem dinheiro e em fazer tudo para ontem.

O resultado é que Quarteto Fantástico foi feito sem nenhum ator conhecido e que também não viraram nada depois. A direção ficou com Oley Sassone, que hoje dirige apenas episódios esparsos em séries de TV ruins. Quer dizer, o filme não rendeu nada para ninguém, só para Corman, que ganhou uns trocados.

Mesmo assim, o longa virou um hit entre os fãs de quadrinhos. Segundo consta, a Marvel teria mandado destruir todas as cópias, mas algumas foram salvas e caíram nas mãos de colecionadores. Assim, elas se espalharam e circulam por aí até hoje, agora em versão digital.

Então, se você está impressionado com o fracasso do Quarteto Fantástico 2015, saiba que o grupo tem história bem pior para contar.

Imprimir:

Cinema

Publicado em 13/08/2015 às 12:48

Com Black Wake, Nana Gouvea acerta onde Bruna Marquezine errou

 

nana Com Black Wake, Nana Gouvea acerta onde Bruna Marquezine errou

Nana Gouvea em cena de Black Wake (Foto: Reprodução)

É uma das coisas mais inimagináveis da vida ver Nana Gouvea protagonizando um filme de zumbi feito nos Estados Unidos. Primeiro porque Nana ainda não é uma atriz de verdade, mas tem vontade de ser e foi para os EUA estudar interpretação. Soltou um vídeo e o colocou na internet mostrando como "não" serve para o ofício, mas está lá estudando, se empenhando. Ela persistiu e agora estrelará Black Wake, que será lançado em 2016, provavelmente em DVD.

Esse tipo de filme de terror independente é lançado aos montes todos os anos por lá. É de baixo orçamento, com diretor e atores desconhecidos. Você vai dizer que tem Eric Roberts, irmão de Julia Roberts e isso não quer dizer nada. O ator faz uns trezentos longas e participações em séries, geralmente todos fracos e sem expressão.

E é só assistir ao trailer de Black Wake (abaixo) para ver que a produção é fraquinha, o que não quer dizer que a história não seja boa. A interpretação de Nana é deficiente ainda, mas não é isso o que importa. O importante é que a brasileira conseguiu entrar numa produção de hollywood de verdade, por mais independente que seja, é um longa feito por lá e não é uma arapuca para pegar ator brasileiro desavisado. Não é como a alardeada "entrada" de Bruna Marquezine no mercado americano com o filme Breaking Through. No caso de Bruna, o filme é uma picaretagem do produtor Uri Singer, que gosta de atrair atores daqui para aparecer em suas bombas. É ele quem colocou Marcio Garcia como diretor de dois longas produzidos nos EUA, que são ruins demais. É a pura decadência e Bruna vai saber disso quando o filme estrear.

Se um ator quer mesmo trabalhar em Hollywood, não pode querer fazer isso via correspondência. Tem que ir morar em Los Angeles, estudar inglês, conhecer as pessoas certas e camelar muito. Queira ou não, é exatamente isso o que Nana está fazendo. Ponto para ela, mesmo sem saber se Black Wake trará frutos. Mas é um começo interessante para a brasileira.

Veja o trailer:


Black Wake Movie Teaser por thevideos11

Imprimir:

TV

Publicado em 12/08/2015 às 09:29

Participante do MasterChef comete erro grotesco e passa vergonha

lucas Participante do MasterChef comete erro grotesco e passa vergonha

Lucas só pode lamentar (Foto: Reprodução/Band)

O camarada tinha a missão de fazer uma sopa Criolla peruana, que tem tomate em sua receita. Sem o tomate, pelo que entendi, não dá para fazer o negócio funcionar. Daí ele vai ao mercado fazer a compra dos ingredientes. Vai lá, junta tudo, beleza. Daí ele esquece de levar junto o que exatamente? O tomate. Sim, isso foi o que fez Lucas, um dos participantes do MasterChef.

Daí, o rapaz tentou improvisar com o que tinha em mãos, mas não adiantou. O prato ficou horroroso e nem de longe lembrava uma sopa. Assim, Lucas foi totalmente detonado — e com razão — pelos jurados. Como lembrou a jurada Paola, o que se viu ali não era uma sopa, afinal não tinha caldo. Ela foi a única que experimentou o prato, mas detonou totalmente o rapaz. Jacquin e Fogaça nem provaram da "sopa" e acabaram com Lucas.

O participante só não saiu do programa nesta terça (11) porque esta prova em que ele errou tudo não era eliminatória. Mas bem que merecia ter sido eliminado por esse erro grosseiro.

 

Imprimir:

TV

Publicado em 11/08/2015 às 09:36

Pânico exagera com personagem racista e se dá mal

africano Pânico exagera com personagem racista e se dá mal

Eduardo e o Africano (Foto: Reprodução/Band)

Já disse outras vezes e repito: Eduardo Sterblitch é um dos caras mais engraçados da TV brasileira na atualidade. Consegue criar uns personagens inacreditáveis e já faz isso há anos no Pânico. Sua cria mais recente é o Africano, que causou uma polêmica grande neste último domingo. O novo personagem aparece todo pintado de preto, é totalmente maluco, não diz uma palavra que se entenda, enfim, é uma representação de um selvagem da África. Daqueles que foram estereotipados em filmes antigos, na literatura etc.

A reação foi forte nas redes sociais, com muita gente reclamando e dizendo que o Africano tem cunho racista e preconceituoso. Com todo mundo falando mal, o Pânico teve de divulgar um texto nesta segunda (10) meio que pedindo desculpas. A Band decidiu tirar o personagem do ar.

Sinceramente falando, não acho que o programa tenha agido de má fé. Ninguém em sã consciência faz um negócio desse na TV de caso pensado, para detonar alguém ou alguma etnia. O Pânico sempre mexeu com estereótipos e quase nunca gerou esta reação. Acontece que dessa vez, Sterblitch pesou na mão e este é um tipo de brincadeira que não é mais aceita hoje em dia. Há 20, 25 anos, isso não daria em nada. Os trapalhões cansaram de fazer exatamente esse tipo de piada e ninguém falava nada. Atualmente não dá mais.

Imprimir:

TV

Publicado em 10/08/2015 às 09:34

Fernando Rocha é o pior participante da história do Dança dos Famosos

fernando1 Fernando Rocha é o pior participante da história do Dança dos Famosos

Fernando na Dança dos Famosos (Foto: Reprodução/Globo)

A minha previsão sobre o Fernando Rocha estava certa: é bem complicado ver sua participação nesta nova temporada da Dança dos Famosos. Ele já mostrou várias vezes no Bem Estar, programa que apresenta, que não sabe dançar. É completamente desajeitado e sem ritmo. Mas, talvez por isso mesmo, decidiram colocá-lo na competição, meio que para fazer uma graça e mostrar que até alguém como ele pode dançar. Bem, como vimos neste domingo (9), não pode.

Fernando não nasceu com o dom da dança. É todo descoordenado e obviamente não deve ir muito longe na brincadeira. Mas tem uma coisa: o apresentador sabe de suas limitações e isso faz com que seja até divertido vê-lo em ação. Não dá um constrangimento, como acontecia no caso de Kadu Moliterno, por exemplo. É verdade que Fernando Rocha deve ser o pior concorrente que já apareceu na Dança dos Famosos, mas sua simpatia apaga um pouco o lado ridículo da coisa.

Pior é ver uns sujeitos como Flávio Canto, por exemplo, que não levam o menor jeito para a dança, mas tentam levar a coisa a sério. Tem mais é que brincar mesmo, como faz Fernando.

Imprimir:

TV

Publicado em 08/08/2015 às 10:10

É de Casa tem muito apresentador para pouco assunto

casa É de Casa tem muito apresentador para pouco assunto

Os apresentadores do É de Casa (Foto: Divulgação/Globo)

Tirando Tiago Leifert, que tinha espaço certo na Globo, o restante dos apresentadores são todos sem programa fixo na grade. Assim, o É de Casa dá uma impressão de que o canal pensou "vamos juntar toda essa gente para ver o que dá". O programa começou estranho com quatro apresentadores ao mesmo tempo sentados à mesa comentando as notícias do dia anterior e alguns outros destaques da semana. O enquadramento dos quatro juntos — Ana Furtado, Tiago, Zeca Camargo e Patrícia Poeta — fica estranho. A TV tem que mostrá-los dois a dois, o que não fica muito bom. E começar o programa comentando o que está nos jornais não me parece ser exatamente uma boa maneira de iniciar o dia. Todo mundo já viu estas notícias na internet ou mesmo nos próprios jornais.

Outra coisa que chama muito a atenção é a Ana Furtado. Mas isso não acontece pelo lado positivo, para variar. A mulher do diretor Boninho não consegue acertar uma e, aparentemente com uma certa preguiça, puxou lá a primeira página de um caderno qualquer do jornal que falava que o preto e o branco nunca saem de modo. Casualmente ela estava com um vestido com estas cores. Aliás, Ana parece ser ali a que menos tem a dizer e quase sempre é atropelada pelos demais apresentadores.

Veja o que falaram do programa nas redes sociais

Sério: o É de Casa vem sendo anunciado há bastante tempo e tudo o que os produtores conseguem pensar para a estreia é colocar os apresentadores lendo e comentando notícias velhas? Chega um certo momento em que a leitura de jornais e comentários começa a cansar. É muito tempo perdido com isso e pouca coisa para mostrar. O ideal seria começar com alguma coisa mais de impacto, mais forte, que prenda a atenção. Ou estou errado?

André Marques e Cissa Guimarães ficaram meio em segundo plano na estreia, talvez por não caberem todos os seis ao mesmo tempo na mesa. Quando apareceram foi para tratar de assuntos chatinhos, tipo astrologia. Os demais assuntos tratados também foram coisas sem graça, nada que faça alguém ficar plantado no sofá no sábado de manhã.

Sério 2: você já pensou quanto dá a soma dos salários dessa turma toda do É de Casa? É uma bela grana, fora o custo da produção. O programa vai ter que dar muito certo para atrair anunciantes, ainda mais num horário em que a audiência é baixa por natureza. Sábado de manhã tem muito pouca gente parada em frente à TV, ainda mais para acompanhar uma atração que dura três horas. Vai ser difícil emplacar.

E já com saudades da TV Globinho, que volta e meia tinha desenhos divertidos.

Imprimir: