TV

Publicado em 21/03/2014 às 14:48

Gabriel Braga Nunes é esquisito assim mesmo ou é só impressão?

gabriel Gabriel Braga Nunes é esquisito assim mesmo ou é só impressão?

Gabriel e Bruna Marquezine em Em Família (Foto: Globo/João Miguel Júnior)

Pode ser apenas uma percepção minha, sei lá, mas a atuação dele em Em Família não é muito estranha? Já achava meio bizarro seu estilo em Insensato Coração, da qual também foi protagonista. Naquela novela ele parecia pouco espontâneo, exagerado, impostado e até forçado. Mas poderia apenas ser algo do personagem, um pedido do diretor, vai saber.

Agora, vendo seu trabalho na atual novela da Globo, Gabriel volta do mesmo jeito. Seu personagem, o Laerte, tem carisma zero. Não importa que seja o vilão da história, mesmo porque há vilões no cinema e TV que são puro carisma, são cativantes. Não é o caso aqui. A impressão que dá é que o ator não coloca todo seu esforço. Parece estar sempre no piloto automático, fazendo o básico. Vê-lo fazer algo tipo de expressão é algo raríssimo e, quando saem, ficam forçadíssimas. O resultado é que Nunes não consegue convencer em nenhum momento e não é algo divertido e nem legal de assistir. Ele contribui e muito para que Em Família não decole na audiência. É um personagem que ninguém está nem aí.

Mas, de novo, pode ser só impressão minha.

Imprimir:

TV

Publicado em 19/03/2014 às 12:56

Funcionário invade o Jornal da Globo ao vivo

Televisão ao vivo é isso aí. No encerramento da edição desta terça-feira (18), um funcionário da Globo entrou em cena achando que o programa já havia terminado. Sem jeito, pediu desculpas com um gesto e voltou. Acontece, né?! Tomara que não seja mandado embora. Assista:

Ops! Estagiário invade Jornal da Globo ao vivo por thevideos no Videolog.tv.

Imprimir:

TV

Publicado em 18/03/2014 às 16:30

Bruna Marquezine é o símbolo sexual perfeito?

bruna Bruna Marquezine é o símbolo sexual perfeito?

Bruna Marquezine em Salve Jorge (Foto: Divulgação/Globo)

A resposta para a pergunta acima é "sim". Quer dizer, sim se a gente considerar os tempos atuais, claro. Mas Bruna Marquezine é hoje o símbolo sexual ideal para o Brasil: é bonita, jovem, atua bem, é brasileira na medida certa e é toda bem comportada. Não seria assim no passado. Transporte uma moça de sucesso como Bruna é hoje em dia para os anos 80, por exemplo. Temos vários exemplos que podem ser citados aqui: Magda Cotrofe, Luma de Oliveira, entre outras. Estas duas e tantas outras não deixaram por menos e fizeram o circo completo: novelas, filmes, festas, namorados, Playboy, Sexy, escândalozinhos etc e tal.

Daí, você vem para o presente e vê Bruna Marquezine. O máximo de extravagante que ela fez até hoje foi namorar o Neymar, num namoro que nem foi muito bem assumido. A garota fez também uma personagem fã de funk em Salve Jorge e, vez ou outra, aparecia com roupas um tiquinho só mais provocantes. E foi o máximo.

Dia desses ela participou do Vídeo Show e colocaram uns funks para relembrar sua personagem do passado. Ela dançou tão comportadinha que quase não dava para perceber o que ela estava fazendo.

Bruna Marquezine é um reflexo do que é ser símbolo sexual brasileiro hoje: provoca, mas não muito; tira só uma partezinha mínima da roupa; foge da Playboy e da Sexy; namoros só bem comportados e por aí vai. E isso não é culpa dela, não é bom e nem ruim, é apenas um reflexo do país. O mesmo vem acontecendo com Anitta, que surgiu como um furacão, cheia de sensualidade e hoje parece a Branca de Neve.

Imprimir:

TV

Publicado em 17/03/2014 às 09:29

Ângela abusada é apelação total do Big Brother

angela Ângela abusada é apelação total do <i>Big Brother</i>

Ângela não tem certeza se foi abusada ou não (Foto: Divulgação/Globo)

Parece que finalmente o reality chegou ao nível de barraco que a produção estava esperando. Sim, porque até agora, com a eliminação de participantes que poderiam causar, o programa havia caído num certo marasmo. Os eventos recentes, com Cássio acusando Marcelo de abusar de Ângela, deram uma sacudida geral na casa.

Afinal, Ângela foi abusada ou não? Nem ela tem certeza, graças à sua embriaguez na festa de sábado. Quem assistiu, viu que Marcelo ficou em cima da moça mesmo com ela bêbada. Não rolou nada excessivamente exagerado, mas Cássio acusou seu colega de se aproveitar da situação da moça. Fato é que Cássio achou que viu alguma coisa, mas só achou mesmo. Não houve um abuso propriamente dito (como ocorreu duas edições atrás no próprio BBB), mas até poderia ter tido se a coisa continuasse. O que houve foi uma extrema grossura por parte de Marcelo, que jogou água no rosto de Ângela e também arremessou uma almofada. A partir daí, Cássio quis causar e posar de defensor da moral. A atitude de Cássio me parece ter sido mais para causar do que por ser um defensor da moral. Pareceu forçado.

O acusador não conseguiu sustentar sua posição durante muito tempo e, na edição deste domingo (16), deu um jeito disfarçado de voltar atrás. Falou para Pedro Bial que não houve abuso sexual, mas que considera abuso jogar água no rosto de outra pessoa. Enfim, recuou e só não quis assumir que exagerou.

Esta briga toda é, sem dúvida, o que a produção esperava que acontecesse já há algum tempo. Só assim para esquentar os ânimos dentro da casa. Mas, em termos de repercussão, este caso fica muito longe do que aconteceu em 2012, quando houve acusação de estupro, o que fez com que um participante fosse retirado do reality. É uma barulheira por algo muito pequeno, mas é o que sobrou para o BBB.

Imprimir:

TV

Publicado em 14/03/2014 às 15:14

Expulsem estas mães chatas do BBB

 

maes1 Expulsem estas mães chatas do <i>BBB</i>

As malas (Foto: Divulgação/Globo)

Realmente não poderia haver ideia pior. O elenco desta 14ª edição do reality revelou-se fraquíssimo e a ideia que tiveram para sair da mesmice foi chamar as mães (e tias) de quem ainda estava na casa. Pois isso também está se mostrando uma chatice sem fim.

Não dá para achar legal o que está havendo ali dentro neste momento. É um tal de "te amo, filha" e "te amo, mãe" que não tem fim. E também tem  o "como é que você está, filho?" ou "tenha força, filha, o Brasil está vendo" e coisas do tipo.

Em vez disso aí, poderiam muito bem ter trazido participantes do passado, colocado a Ana Maria Braga para morar dentro da casa, o Alexandre Frota, sei lá. Se é para ser igual Casa dos Artistas, então que se chute o balde logo.

O que não dá para aguentar é este monte de mala sem alça. E o pior é que vão ficar até o fim do programa, né?! Tristeza.

Imprimir:

TV

Publicado em 13/03/2014 às 08:56

Rodrigo Bocardi, do Bom Dia SP, usa bordão de Marcelo Rezende

rodrigo Rodrigo Bocardi, do <i>Bom Dia SP</i>, usa bordão de Marcelo Rezende

Rodrigo no momento em que soltou a famosa frase (Foto: Reprodução/Globo)

Quem assistiu ao Bom dia SP na manhã desta quinta (13), viu o apresentador Rodrigo Bocardi usar uma frase engraçada. Após uma reportagem sobre vazamento de água num bairro de São Paulo, o jornalista chamou o espectador a escrever para o programa caso tivesse algum problema acontecendo em sua região.

Foi neste momento que Bocardi soltou um bordão conhecidíssimo de Marcelo Rezende, apresentador do Cidade Alerta, da Record: o jornalista tascou um "e aí eu te pergunto!". Foi muito engraçado porque Rodrigo usou até a entonação parecida com a de Rezende.

Claro que Bocardi não fez isso por maldade ou para ser espertão. Mas é que é já um bordão famoso, o Pânico, por exemplo, usou isso muito com o Carioca e seu personagem Marcelo Sem Dente. De qualquer maneira, ficou divertido.

Imprimir:

TV

Publicado em 10/03/2014 às 09:20

Faustão não quer nem saber da chatice do Lepo Lepo

faustao Faustão não quer nem saber da chatice do Lepo Lepo

Faustão dá um chega pra lá na tal da música (Foto: Reprodução/Globo)

A música virou uma praga daquelas que a Axé Music tem em todo Carnaval. Uma bobagem que será esquecida tão rapidamente quanto surgiu. Na verdade, a presença do cantor  neste domingo (9) no Faustão é meio que a despedida desta chatice. Já teve seu momento. E o apresentador, heroico, não fez a dancinha constrangedora, mostrando que ainda tem um nome a zelar.

Márcio Victor começou a cantar essa Lxxx Lxxxx (não dá para ficar falando o nome o tempo todo) empolgado, com o público o acompanhando e tal. Eis que Márcio vai até Faustão para que ele entrasse na dança e fizesse o gesto tosco, daqueles que dão a maior vergonha alheia. Bem que o cantor tentou, mas o apresentador não quis nem saber. Disfarçou daqui, dali, soltou suas frases e escapou do constrangimento. Um verdadeiro herói.

E ainda falaram que essa música é de protesto. Quem protesta são os ouvidos das pessoas de bom senso.

Imprimir:

TV

Publicado em 09/03/2014 às 10:54

Os brothers são constrangedores, imagine as mães

maes Os brothers são constrangedores, imagine as mães

Algumas das mães que estão no BBB (Foto: Reprodução/Globo)

Você já deve ter ficado constrangido várias vezes assistindo ao BBB, não? Bem provável. A entrada dos participantes na casa, quando começa a temporada, geralmente é um fator forte de vergonha alheia. Eles entram gritando, fazem cara de deslumbrados, abobados, se abraçam, exageram, choram, agradecem e fazem a gente se contorcer no sofá.

Bem, a entrada das mamães do pessoal não foi nada muito diferente. Esta foi a surpresa prometida por Boninho e é algo que chega para tentar mudar um pouco a dinâmica do programa e, claro, buscar mais audiência. As mães e filhos estão separados por um paredão, mas conseguem ouvir as vozes uns dos outros. Pode até ser uma coisa diferente no Big Brother brasileiro (já aconteceu em outros países), mas não é exatamente algo sensacional. Elas rebolaram, se maravilharam com a cozinha, provocaram lágrimas nos filhos e assim foi.

Para o reality seria muito mais interessante se acontecesse o boato que circulou na semana de que oito ex-participantes entrariam na casa para ficar junto dos atuais concorrentes. Isso sim poderia ser algo que causaria um impacto forte, mas a chance foi desperdiçada.

Agora, ficar vendo as mães dos caras ali é um lance meio sem graça. É mais um monte de gente deslumbrada que não deve acrescentar nada muito útil ao programa. Uma pena.

Imprimir:

TV

Publicado em 07/03/2014 às 09:25

Nem Pedro Bial salva o BBB da homofobia de Diego

diego Nem Pedro Bial salva o BBB da homofobia de Diego

Diego mostrou sua homofobia no BBB (Foto: Divulgação/Globo)

Foi uma dureza a edição desta quinta (6) do BBB 14. Foi um show completo de homofobia ao vivo. Diego e Cássio, durante o dia, haviam falado sobre casais homossexuais e ambos mostraram opiniões divergentes. Cássio tem um irmão gay enquanto que Diego não suporta nem ver homem se beijando numa festa.

Já ao vivo, Pedro Bial voltou ao assunto com os dois integrantes e queria ver a opinião deles. Cássio não quis entrar em conflito e Diego soltou algumas pérolas homofóbicas. A maior delas foi quando revelou que casais homossexuais podem influenciar negativamente crianças. Que a criança poderia ser prejudicada em seu crescimento.

O apresentador, também ao vivo e com os participantes assistindo, fez um discurso para tentar dar uma ajeitada no que Diego disse. Mesmo assim, a opinião do rapaz pegou mal, o que pode até prejudicá-lo num futuro paredão. E a fala de Bial também dá uma força para empurrar ainda mais Diego para fora da casa, já que ele mostrou uma opinião contrária ao do brother.

Enfim, é o BBB mostrando que os integrantes desta edição são mesmo bem ignorantes (no sentido cultural), desinformados e com um bom grau de homofobia (no caso específico de Diego).

 

Imprimir:

TV

Publicado em 06/03/2014 às 12:14

Rafinha Bastos não quer saber se Luan Santana é gay

O mundo dá voltas e eis que Rafinha Bastos voltou à Band na noite desta quarta-feira (5) apresentando o Agora É Tarde no lugar de Danilo Gentili, que foi para

rafinha Rafinha Bastos não quer saber se Luan Santana é gay

Rafinha e Luan Santana na estreia do novo Agora É Tarde (Foto: Divulgação/Band)

o SBT. O que deu para notar é que o novo apresentador voltou bem diferente depois das porradas que levou nos últimos tempos. A mais famosa delas, claro, foi a piada com Wanessa Camargo, quando ainda estava grávida do primeiro filho. A gracinha o tirou do CQC.

Fato é que Rafinha estreou altamente contido, recatado e respeitador de seu entrevistado da estreia, o cantor Luan Santana. Numa entrevista com este convidado dá para pensar em dezenas de piadas, desde o seu jeito de cantar, passando por seu visual, fãs malucas e coisas do tipo. Em outros tempos, Bastos teria feito todas estas piadas, mas agora tem de mostrar que está educadinho. Possivelmente, Danilo Gentili tivesse arriscado mais.

Numa entrevista feita por Rafinha e com Luan Santana como objeto da conversa, seria altamente normal a pergunta sobre a sexualidade do cantor. Há muito tempo rola esta conversa e é só dar uma busca no Google para perceber que o assunto é algo recorrente na vida do Luan, que ele já inclusive negou várias vezes. O fato é que foi estranho o apresentador não tocar nem de leve neste assunto num programa como o Agora É Tarde, que fazia normalmente perguntas bem cabeludas para os convidados. Certamente houve uma instrução para que o bate-papo não fosse por esse caminho e Rafinha não teve as manhas de ousar um pouco mais e sair do roteiro. Na verdade, pouco importa se Luan é gay ou não, o que importa é que Bastos teve de baixar a bola para conseguir voltar à TV de um jeito decente. É uma opção dele.

O lance todo é que muitos artistas estão com um certo receio de participar deste novo Agora É Tarde, justamente por medo de Rafinha Bastos esculachar geral. Na estreia ele deixou claro que não é mais aquele de outros tempos, o que tira um pouco da graça.

 

Imprimir:
Ir para a home do site
Todos os direitos reservados - 2009- Rádio e Televisão Record S/A
exceda.com