requien1Crédito Elói Corrêa2 Rodolfo Lima celebra dez anos da peça Réquiem para um Rapaz Triste com mostra na Vila Mariana

Rodolfo Lima mostra ser um ator de talento em Réquiem para um Rapaz Triste - Foto: Elói Corrêa

Por Miguel Arcanjo Prado

Uma peça emblemática da carreira do ator Rodolfo Lima e também do teatro paulistano da última década – afinal, ela passou por 23 diferentes espaços da cidade – ganha mostra especial para comemorar seus dez anos de vida. A montagem é Réquiem para um Rapaz Triste, que rendeu a Lima indicação a Melhor Ator R7 em 2012.

A Mostra Réquiem para um Rapaz Triste -10 Anos invade neste domingo (20) a Casa Contemporânea, na Vila Mariana, em São Paulo, onde fica em cartaz até 24 de fevereiro.

O espetáculo chega à primeira década de vida com a experiência de um adulto. Já percorreu as principais cidades do interior do Estado, além de colecionar apresentações Brasil afora, em cidades como Porto Alegre, Curitiba, Fortaleza, Rio, Salvador, Santo Amaro da Purificação, Alagoinhas e Porto Seguro, além de ter sido apresentado em versão intimista em 12 casas particulares, no projeto Alice na Sua Casa.

requien2crédito Elói Corrêa1 Rodolfo Lima celebra dez anos da peça Réquiem para um Rapaz Triste com mostra na Vila Mariana

Rodolfo Lima interpreta Alice - Foto: Elói Corrêa

Rodolfo Lima assume que este espetáculo tem uma relação especial em sua trajetória. Conta que sempre há pessoas que choram, que se comovem, que vem falar com ele ao fim da montagem se dizendo tocadas. Uma apresentação teve gostinho especial, a que ele fez no Festival de Curitiba.

— Era um sonho para mim levar a peça para aquele lugar. Foi um enorme sucesso. Na época, o crítico da Folha, Sergio Sálvia Coelho, deu uma crítica favorável, com foto. Então, foi uma enorme repercussão que eu nem esperava. Foi um momento muito importante para mim.

O texto é uma compilação das personagens femininas criadas pelo escritor gaúcho Caio Fernando Abreu (1948-1996). O público se depara com Alice, uma mulher de meia idade que resolve rever sua vida de forma crua e dilacerante, em grande performance de Rodolfo Lima.

O evento comemorativo tem o apoio da Secretária de Cultura do Estado de São Paulo, através da Assessoria de Cultura para Gêneros e Etnias (ACGE), e o Centro de Cultura, Memória e Diversidade Sexual.

Novidades

A Mostra Réquiem para um Rapaz Triste – 10 Anos não conta só com o espetáculo que lhe dá o título. Haverá também exibição de vídeos, exposição de fotos do espetáculo feitas por um eclético grupo de fotógrafos e ainda a estreia de uma continuação da montagem, Cerimônia do Adeus, na qual Alice se revê dez anos depois, como conta Lima.

— O que será que aconteceu com ela neste tempo todo? Essa é a grande pergunta que será respondida no espetáculo.

Além disso, serão apresentados outras montagens de Rodolfo Lima com o seu Teatro do Indivíduo: Bicha Oca, feita a partir de textos de Marcelino Freire, na qual ele contracena com o ator baiano João Pedro Matos, e a inédita DESamaDOR, baseada no livro O Amor Esquece de Começar, do poeta gaúcho Fabrício Carpinejar.

Serão cinco semanas de atividades culturais intensas e imperdíveis. Veja, abaixo, a programação completa:

Réquiem para Um Rapaz Triste – 10 Anos
Quando: 20 de janeiro a 24 de fevereiro 2013
Bicha Oca – Quartas e Quintas, 21h (de 23/01 a 21/02)
Cerimônia do Adeus – Sextas e Sábados, 21h (de 25/01 a 22/02)
Réquiem para um Rapaz Triste – Sábados, 18h (de 26/01 a 23/02)
DESamaDOR - Domingo, às 17h e 19h (de 27/01 a 24/02)
Onde: Casa Contemporânea (r. Capitão Macedo, 370, Vila Mariana, São Paulo, tel. 0/xx/11 2337-3015)
Quanto: R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia-entrada). E grátis às quartas e nas sessões das 18h dos sábados.
Duração: todas as peças têm duração de aproximadamente 50 minutos
Classificação etária: Bicha Oca (18 anos), Réquiem para um Rapaz Triste e Cerimônia do Adeus (16 anos) e DESamaDOR (livre)
Observações: As apresentações ocorridas às quartas-feiras e a primeira sessão dos sábados serão gratuitas, como contrapartida do apoio concedido pela Assessoria de Cultura para Gêneros e Etnias (ACGE). A capacidade é de 30 pessoas por sessão. O público poderá reservar lugar pelo e-mail teatrodoindividuo@gmail.com  ou pelo telefone (11) 9-7497-4207.

requien3Crédito Elói Corrêa3 Rodolfo Lima celebra dez anos da peça Réquiem para um Rapaz Triste com mostra na Vila Mariana

Mostra na Casa Contemporânea celebra os dez anos de Réquiem para um Rapaz Triste - Foto: Elói Corrêa

Leia também:

Fique por dentro do que os atores fazem nos bastidores

Descubra agora tudo o que as belas misses aprontam

Tudo que você quer ler está em um só lugar. Veja só!

Espalhe por aí:
  • RSS
  • Live
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • Digg
  • Facebook
  • Netvibes
Comente

"Rodolfo Lima celebra dez anos da peça Réquiem para um Rapaz Triste com mostra na Vila Mariana"

18 de January de 2013 às 04:02 - Postado por Miguel Arcanjo Prado

* preenchimento obrigatório



Digite o texto da imagem ao lado: *

Política de moderação de comentários:
A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Ir para a home do site
Todos os direitos reservados - 2009- Rádio e Televisão Record S/A
exceda.com