Foto de Bob Sousa
Por Miguel Arcanjo Prado*
Enviado especial do R7 ao Festival de Curitiba

erivaldo oliveira bob sousa O Retrato do Bob: Erivaldo Oliveira, o ator do Grupo Magiluth que por pouco virou padre

Ator nascido em Caetés e criado em Garunhuns, em Pernambuco, Erivaldo Oliveira está apreensivo com a estreia de Viúva, porém Honesta no Festival de Curitiba, dentro da mostra paralela Fringe. Ele, que já levou o troféu de melhor ator de 2013 da Apacepe (Associação de Produtores de Artes Cênicas de Pernambuco), apresenta o espetáculo de Nelson Rodrigues a partir de quarta (3), às 13h, no TEUNI. Está nervoso, porque está com dor de garganta. Ao mesmo tempo, quer que tudo passe logo, para o nervosismo ir embora. Mesmo assim, não perde a fala mansa, herdada da mãe, Severina Clara Oliveira, a dona Roxa, que completou 73 anos há poucas semanas. É o 17º filho dela. Caçula, sempre foi o príncipe de casa. Religiosa, a mãe, moradora de Garanhuns (PE), queria que ele fosse padre. Ele até tentou, mas o amor pelo teatro falou mais forte. Largou as expectativas de vestir a batina e entrou para o Magiluth em 2010. Desde então, só viu o grupo recifense crescer e conquistar os palcos do Brasil afora. Aos 27 anos, tem viajado muito. E em cada lugar por onde passa faz questão de comprar uma lembrancinha para a mãe, de quem morre de saudade. Foi ela quem lhe fez o pedido: "Por onde você passar, meu filho, me traz uma coisinha".

*O jornalista Miguel Arcanjo Prado viajou a convite do Festival de Curitiba.

Veja a cobertura completa do R7 do Festival de Curitiba

Leia também:

Fique por dentro do que rola no mundo teatral

Descubra tudo o que as misses aprontam

Tudo que você quer ler está em um só lugar. Veja só!

Espalhe por aí:
  • RSS
  • Live
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • Digg
  • Facebook
  • Netvibes
1 Comentário

"O Retrato do Bob: Erivaldo Oliveira, o ator do Grupo Magiluth que por pouco virou padre"

1 de April de 2013 às 18:55 - Postado por Miguel Arcanjo Prado

* preenchimento obrigatório



Digite o texto da imagem ao lado: *

Política de moderação de comentários:
A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Comentários
  • Por trás do pano – Rapidinhas teatrais - Teatro Atores & Bastidores - R7
    - 16/08/2013 - 15:01

    [...] Arretados Os meninos do Grupo Magiluth, amigos da coluna e também de Bob Sousa, estão causando em Recife com a campanha Pague Quanto Puder. Eles pretendem conscientizar a população a valorizar a arte, sem fixar preço para suas obras. Até o fim do mês, ocupam o Teatro Marco Camarotti, no Sesc Santo Amaro, com os espetáculos Um Torto e O Canto de Gregório, e o Teatro Arraial, com a peça Aquilo que Meu Olhar Guardou para Você. Como sempre, as peças publicitárias da trupe são de uma qualidade de deixar qualquer um de queixo caído, como esta aí abaixo, da peça O Canto de Gregório, com o ator Erivaldo Oliveira. [...]

    Responder
Ir para a home do site
Todos os direitos reservados - 2009- Rádio e Televisão Record S/A
exceda.com