Posts com a tag "imagem"

Foto de Bob Sousa

lee taylor foto bob sousa 2013 O Retrato do Bob: um artista chamado Lee Taylor
Lee Taylor é um dos artistas mais importantes de sua geração. Veio de Goiás para dominar os concorridos palcos paulistanos. Desde que colocou os pés na metrópole, mostrou a que veio. Ao lado do mestre Antunes Filho, fez história no teatro brasileiro no começo do século 21. Sua atuação em A Pedra do Reino, foi referendada por Ariano Suassuna. Aliás, gente para referendar Lee é o que não falta. Corajoso, deixou o conforto do CPT, onde era estrela, para assumir o desafio de criar e comandar o NAC, o Núcleo de Artes Cênicas do Centro da Cultura Judaica. É lá que o pupilo está se tornando o mestre.

Leia: "Antunes continua meu mestre", diz Lee Taylor

Lee Taylor dirige dança no NAC

Curta nossa página no Facebook!

Leia também:

Fique por dentro do que rola no mundo teatral

Descubra tudo o que as misses aprontam

Tudo que você quer ler está em um só lugar. Veja só!

Espalhe por aí:
  • RSS
  • Live
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • Digg
  • Facebook
  • Netvibes

Foto de Bob Sousa
alexandre reinecke foto bob sousa 2013 O Retrato do Bob: Alexandre Reinecke, o diretor que manda nas estrelas
Alexandre Reinecke não para. Já dirigiu mais de 30 espetáculos nos últimos 13 anos. É o queridinho das celebridades. Por sua batuta, já passaram nomes como Dan Stulbach, Adriane Galisteu, Lúcia Veríssimo, Reynaldo Gianecchini, Thiago Fragoso e Norival Rizzo. A comédia é seu grande filão. Costuma lotar as plateias. No momento, dirige a obra Uma Vida no Teatro, no Teatro Vivo, em São Paulo, com Francisco Cuoco e Ângelo Paes Leme no elenco. Está sempre cheio de novos projetos. E, em boa parte deles, sempre tem uma estrela no palco.

Curta nossa página no Facebook!

Leia também:

Fique por dentro do que rola no mundo teatral

Descubra tudo o que as misses aprontam

Tudo que você quer ler está em um só lugar. Veja só!

Espalhe por aí:
  • RSS
  • Live
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • Digg
  • Facebook
  • Netvibes

Foto de Bob Sousa
helo cintra foto bob sousa 2013 O Retrato do Bob: O olhar de Heloisa Cintra
Heloisa Cintra vive mergulhada no teatro. É sua paixão, seu trabalho, sua vida, sua família. É atriz formada pelo Teatro Escola Célia Helena. Mas também é jornalista com diploma da PUC-SP. Assim, quando não está no palco, atua como assessora de imprensa para espetáculos teatrais da Arteplural, de Fernanda Teixeira. Helô, como os amigos a chamam, sempre está disposta. Com aquele sorriso no rosto. Está grávida de sete meses de seu segundo filho. Já é mãe do pequeno Gabriel, primeiro fruto de seu casamento com o músico Daniel Maia. Um pé na família, outro no palco. Sua peça mais recente foi O Amante, em 2012, quando foi dirigida por Francisco Medeiros. Passou pelas mãos de importantes mestres do teatro brasileiro, como Elias Andreato, Gabriel Viellela e Marcelo Lazzaratto. E também já esteve do outro lado, quando dirigiu a peça Meu Trabalho É Um Parto, em 2011. De vez em quando, flerta com o cinema e com a TV, sempre com brilho próprio. Porque em todas as frentes, como evidencia este retrato de nosso Bob Sousa, Heloisa Cintra sempre tem o seu olhar.

Curta nossa página no Facebook!

Leia também:

Fique por dentro do que rola no mundo teatral

Descubra tudo o que as misses aprontam

Tudo que você quer ler está em um só lugar. Veja só!

Espalhe por aí:
  • RSS
  • Live
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • Digg
  • Facebook
  • Netvibes

Foto de Bob Sousa

tatiana belinky foto bob sousa O Retrato do Bob: A falta de Tatiana Belinky

A escritora Tatiana Belinkymorreu aos 94 anos no último sábado (15). Era russa de nascimento e brasileira de coração, desde que para cá se mudou com a família, vinda de São Petesburgo, quando tinha apenas dez anos de idade. Fluente em português, russo, alemão e letão, deixou mais de 250 livros. Traduziu importantes obras de seu país natal, como clássicos teatrais de Tchekhov. Seu corpo foi enterrado neste domingo (16), no Cemitério Israelita da Vila Mariana, em São Paulo. Tatiana, que posou para o nosso Bob Sousa entre os amados livros de sua estante, foi um dos principais nomes do teatro feito para crianças no Brasil. No dia da foto, bem humorada, disse: "Bob, sua câmera me faz cócegas". Começou adaptando e traduzindo textos em 1948, que eram produzidos por seu marido, Julio de Gouveia, na Secretaria de Cultura da Prefeitura de São Paulo. Com a chegada da TV, o casal levou suas produções para a TV Tupi, entre 1951 e 1964, onde também adaptou pela primeira vez para a televisão o Sítio do Pica-pau Amarelo, de Monteiro Lobato. A ministra da Cultura, Marta Suplicy, afirmou que Tatiana Belinky foi “joia rara, sensível e produtiva”.  Vai fazer uma falta enorme.

Curta nossa página no Facebook!

Leia também:

Fique por dentro do que rola no mundo teatral

Descubra tudo o que as misses aprontam

Tudo que você quer ler está em um só lugar. Veja só!

Espalhe por aí:
  • RSS
  • Live
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • Digg
  • Facebook
  • Netvibes

Foto de Bob Sousa
Por Miguel Arcanjo Prado

angela ribeiro bobsousa O Retrato do Bob: Angela Ribeiro espera JoaquimAngela Ribeiro, uma das mais talentosas atrizes da nova geração, espera seu primeiro filho, Joaquim, no palco da Escola de Arte Dramática da USP. E foi no tablado da mais tradicional instituição de formação de atores do País que ela posou para o nosso Bob Sousa, pouco antes de encenar a montagem de formatura da turma 61, Zucco, dirigida por José Fernando Azevedo. Esta é a segunda obra teatral que Angela faz de barrigão.

No começo do ano, exibiu a gestação com os frenéticos passos de dança do ótimo Máquina de Dar Certo, dirigido por Roberto Audio, com a Cia. Bruta de Arte, no Teatro Martins Penna, na zona leste. Agora, encerra no palco, às vésperas de o filho nascer, sua trajetória de estudos na EAD. "Toda hora que penso nisso, fico chorando. Minha turma é muito especial", conta.

Com tanto agito — ela ainda teve tempo de fazer dois curtas-metragens —, assume: "Estou com dificuldade de parar. Parece que as coisas não param! Mas no dia 26, depois que a última sessão de Zucco acabar, prometo que fico quieta e espero ele nascer", jura. Na reta final da gravidez, Angela confessa estar tranquila. "Converso o tempo todo com meu filho e peço para ele esperar pelo menos até domingo para nascer", revela.

A previsão médica é que o bebê chegue por aqui em junho, depois do dia 6. "Não tenho medo do parto normal. Tudo que eu fiz foi para ajudar meu corpo para a chegada do Joaquim, para ele nascer bem". Ela diz que o filho já está acostumado com o mundo teatral. "Ele mexe muito mais quando eu fico emocionada em uma cena do que quando me movimento". Pelo jeito, o bebê já entende das coisas.

Primeiro fruto de sua união com o ator e diretor Thiago Balieiro, Joaquim "tem tudo para ser artista", nas palavras da mãe. Disso a gente não duvida. "Quero contar para ele tudo, falar dessa época, de eu grávida trabalhando. Estou registrando tudo isso para um dia mostrar para ele". Joaquim já nasce com currículo artístico extenso. Estamos à sua espera, garoto.

Curta nossa página no Facebook!

Leia também:

Fique por dentro do que rola no mundo teatral

Descubra tudo o que as misses aprontam

Tudo que você quer ler está em um só lugar. Veja só!

Espalhe por aí:
  • RSS
  • Live
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • Digg
  • Facebook
  • Netvibes

Foto de Bob Sousa

mel lisboa bobsousa O Retrato do Bob: Mel Lisboa, uma atriz aguerridaMel Lisboa é uma estrela da TV, mas mantém os pés no chão no teatro político. E foi como simples atriz em meio a ensaio que posou para o nosso Bob Sousa. Ela integra a Cia. Pessoal do Faroeste, em São Paulo, na qual é protagonista da peça Homem Não Entra, dirigida por Paulo Faria. Está em cartaz no espaço do grupo na rua do Triunfo, 305, em plena região da Cracolândia, no centro paulistano. A obra fala da expulsão das prostitutas do bairro Bom Retiro, em 1953, quando foram levadas para a Luz, onde permanecem até hoje. É apresentada aos sábados, às 23h, e aos domingos, às 17h, até 18 de agosto de 2013. O público paga quanto quiser. A atriz, que encena parte da montagem entre mendigos e viciados em crack no meio da rua, vive ao mesmo tempo o glamour do mundo das celebridades e a crua realidade dos vizinhos de seu teatro. Contudo, sabe que estar ali é militância. É voz de combate. É consciente que o peso de seu nome traz ilumina a Luz, berço da Boca do Lixo hoje mergulhado na decadência fruto do descaso do poder público e da sociedade. É por isso que Mel Lisboa é uma atriz aguerrida.

Agradecimento: Raphael Henry (make-up)

Curta nossa página no Facebook!

Leia também:

Fique por dentro do que rola no mundo teatral

Descubra tudo o que as misses aprontam

Tudo que você quer ler está em um só lugar. Veja só!

Espalhe por aí:
  • RSS
  • Live
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • Digg
  • Facebook
  • Netvibes

Foto de Bob Sousa

ze roberto jardim bob sousa O Retrato do Bob: José Roberto Jardim, a leveza bruta dos palcosO ator paulistano José Roberto Jardim é nome forte do teatro. Sua bela figura é leve e bruta. Formado pela Escola de Arte Dramática da USP, começou na Ópera de Pequim, em 1989. E fez sucesso na China, onde foi premiado três vezes por suas performances. A experiência lhe deu estofo para assumir movimentos cênicos e coreografias de diversos espetáculos e vídeos. Desde 2001, integra a Cia. Teatral Os Fofos Encenam, que tem sede no Bixiga, tradicional bairro teatral paulistano. Com a mesma, coleciona prêmios. Na TV, já foi visto nas novelas Da Cor do Pecado (Globo), Cidadão Brasileiro e Luz do Sol (Record). Há pouco, terminou a temporada de Terra de Santo, com Os Fofos, montagem da qual foi destaque. Foi no camarim de lá que posou para o nosso Bob Sousa. E agora segue em turnê com  Aberdeen - Um Possível Kurt Cobain, espetáculo que dirige com a história do roqueiro rebelde. O moço é assim, sempre com propostas cheias de arte.

Curta nossa página no Facebook!

Veja a cobertura completa do R7 do Festival de Curitiba

Leia também:

Fique por dentro do que rola no mundo teatral

Descubra tudo o que as misses aprontam

Tudo que você quer ler está em um só lugar. Veja só!

Espalhe por aí:
  • RSS
  • Live
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • Digg
  • Facebook
  • Netvibes

Foto de Bob Sousa

renata araujo foto bob sousa O Retrato do Bob: Renata Araújo, de olho no futuroRenata Araújo está envolvida com produção de teatro desde 2006. Danada, além de produtora com diploma de pós-graduação da ECA-USP, é advogada e atriz. Na Impacto R Cultura e Arte, sua empresa, não para nem um minuto sequer. No ano passado, botou no mapa os 21 anos da Cia. Razões Inversas, na qual atuou também como atriz. Agora, cuida da Cia. Perversos Polimorfos, entre outros projetos. Tanto empenho é reconhecido pelos profissionais do teatro, que vivem solicitando seu trabalho. Por isso, essa tem esse olhar certeiro, captado pelo nosso Bob Sousa. Sempre de olho no futuro.

Leia também:
 
Fique por dentro do que os atores fazem nos bastidores
 
Descubra agora tudo o que as belas misses aprontam
 
Tudo que você quer ler está em um só lugar. Veja só!

Espalhe por aí:
  • RSS
  • Live
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • Digg
  • Facebook
  • Netvibes

Foto de Bob Sousa

leopoldo pacheco bob sousa O Retrato do Bob: Leopoldo Pacheco, um mais que completo homem de teatroPaulistano nascido na Vila Mariana e que atualmente mora em Higienópolis, o ator Leopoldo Pacheco é o que pode se chamar de homem de teatro. Cria da Escola de Arte Dramática da USP (Universidade de São Paulo), faz de tudo — vai da atuação aos figurinos, passando por iluminação, maquiagem e cenário. Além disso, é produtor de mão cheia. A TV demorou para descobri-lo. Aconteceu só em 2004, quando foi o vilão Leôncio, de A Escrava Isaura (Record). Depois, em 2005, foi escalado para viver Cemil na novela Belíssima (Globo). Desde então, conjuga com perfeição a paixão teatral com as novelas da vida. Jamais se deslumbrou. Leo, como é chamado com carinho pelos amigos, carrega com orgulho o nome do pai, José Leopoldo Olivério Pacheco, que se foi em 2005, aos 77 anos. Dedica a ele o sucesso. E à família que construiu: pai do adolescente Frederico, mantém casamento estável com a produtora cultural Bel Gomes. Sabe que família é pé no chão. No momento, faz a peça Camille e Rodin, de autoria de Franz Keppler com direção de Elias Andreato, no auditório do Masp, ao lado de Melissa Vettore. Fala de amor e arte. Coisas das quais é um verdadeiro especialista.

Leia também:

Fique por dentro do que rola no mundo teatral

Descubra tudo o que as misses aprontam

Espalhe por aí:
  • RSS
  • Live
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • Digg
  • Facebook
  • Netvibes

Foto de Bob Sousa

daniel maia bob sousa O Retrato do Bob: a música sem fim de Daniel Maia
Muitas músicas de alguns dos melhores espetáculos dos últimos tempos foram compostas por Daniel Maia. Músico e ator, já trabalhou com o diretor Gabriel Villela, foi vocalista da banda de Elba Ramalho e até compôs para a Cia. de Dança do Palácio das Artes, de sua terra natal, Belo Horizonte. O moço é bom. Tanto que gente como Elias Andreato, Alexandre Reinecke, Cássio Scapin e Ligia Cortez fazem questão de trabalhar ao seu lado. Por isso, a agenda de Daniel não para. No próximo dia 18, estreia O Andante, de Elias Andreato, com música original composta por ele. No dia seguinte, assina também a música de Fukushima Mon Amour, solo de Tadashi Endo, que estreia no Theaterwerkstatt, em Hannover, na Alemanha. Não bastasse, em novembro, haverá mais dois espetáculos com músicas dele: Incubadora e O Feio. É música que não tem fim.

Leia também:

Fique por dentro do que rola no mundo teatral

Descubra tudo o que as misses aprontam

Espalhe por aí:
  • RSS
  • Live
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • Digg
  • Facebook
  • Netvibes
Ir para a home do site
Todos os direitos reservados - 2009- Rádio e Televisão Record S/A
exceda.com