Preparador Evandro Hazzy diz que largou obsessão por misses plastificadas: “Aquele Evandro morreu”

333165 2957277083768 945320723 o1 679x1024 Preparador Evandro Hazzy diz que largou obsessão por misses plastificadas: Aquele Evandro morreu

Evandro Hazzy posa com a gaúcha Gabriela Markus, atual miss Brasil

Preparador com mais vitórias no Miss Brasil (foram oito), Evandro Hazzy anda cheio de surpresas. O gaúcho já adiantou ao Tudo Miss que vai se afastar da coordenação do Miss Rio Grande do Sul. Ele agora negocia com a Enter (braço da Band para eventos) uma nova função: cuidar do visual de todas as candidatas a Miss Brasil.

Curta o Tudo Miss no Facebook!

Além disso, Hazzy jura que está em nova fase, e que deixou de lado sua mania por plásticas. Para quem não lembra, ele é o "criador" da miss Brasil de 19 plásticas, a gaúcha Juliana Borges, em 2001. Mas a maior controvérsia em que já se viu envolvido foi talvez a rinoplastia malsucedida da sua miss Rio Grande do Sul 2009, Bruna Felisberto. Foi quando uma reportagem da revista Piauí tornou conhecida uma frase dele que mostraria sua obsessão por cirurgias: "Essa é linda, mas eu demolia e transformava num monumento". Em 2011, ele declarou ao R7: "Não existe beleza natural".

Veja também:
Após 8 vitórias no Miss Brasil, preparador gaúcho Evandro Hazzy se afasta do Miss Rio Grande do Sul

Agora em fase "paz e amor" (será?), Hazzy jura que tudo isso é passado e que agora, quem diria, busca misses com naturalidade.

O preparador falou ao blog em Manaus, na véspera do concurso Miss Amazonas 2013. Segundo ele, a mudança radical é uma forma de se adequar ao novo padrão do Miss Universo:

— Acho que hoje o Miss Universo quer mulheres mais próximas da realidade. A angolana [Leila Lopes] ganhou em 2011 com quadris enormes, com o corpo mais próximo do da mulher brasileira, coxão, braços fortes. Ela era natural. Ela desfilou e falou com naturalidade. O Miss Universo hoje é isso.

UNI2011 1206 Cópia 869x1024 Preparador Evandro Hazzy diz que largou obsessão por misses plastificadas: Aquele Evandro morreu

A angolana Leila Lopes, miss Universo 2011, mostra o corpão bem brasileiro

Para Hazzy, o concurso de Donald Trump começou essa virada em 2004, com a vitória da então naturalíssima australiana Jennifer Hawkins na edição realizada em Quito, no Equador:

— Ela [Jennifer] era surfista, e pelo amor de Deus, ela andava com um short jeans desfiado, sujo, rasgado. Eu cruzava com ela e falava para a brasileira, a [Fabiane] Niclotti: 'Niclotti, olha que mulher estranha, suja'. Completamente uma riponga. Parece que a beleza dela [Jennifer] estava escondida. No dia da final, ela apareceu do meu lado maquiada, naquele vestido dourado, com aquele cabelo. Pronto, surgiu a miss Universo. A equipe [do Miss Universo] visualiza essa naturalidade. Depois de 2004, o concurso começou a mudar, buscando a beleza mais natural.

MUITH2004 144 667x1024 Preparador Evandro Hazzy diz que largou obsessão por misses plastificadas: Aquele Evandro morreu

A australiana Jennifer Hawkins, miss Universo 2004

Miss baixinha: agora pode?

Ele comenta o resultado do Miss Universo 2012, com a quinta colocação da brasileira Gabriela Markus e a vitória da americana Olivia Culpo:

— Achei completamente esdrúxulo. Acho talvez que Venezuela e Austrália pudessem ficar com o título, mas a Gabriela estava perfeita, o melhor corpo, o sorriso, o vestido deixou a cintura perfeita... A Gabriela é clássica, não tem afetações. Ela tinha me pedido isso: 'Eu quero ser eu mesma'. E ela foi. A Gabriela tinha tudo para ser a miss Universo. Mas os jurados não quiseram.

Na hora das temidas perguntas, Gabriela optou por recorrer à intérprete, e Hazzy admite que sentiu falta de uma resposta em inglês:

— Eu já conversei com a Gabriela, e disse que acho que ela poderia ter respondido em inglês, que ela fala fluentemente. Ela só não respondeu em inglês porque viu o que aconteceu com a venezuelana [Irene Esser, que deu uma resposta sem nexo em inglês macarrônico]. Acho que na cabeça de alguns jurados isso não pegou tão bem, e a intérprete também não falou bem na íntegra o que a Gabriela queria passar.

E será que a vitória da americana Olivia, com 1,65 m de altura, muda algo no mundo miss? Hazzy acha que sim:

— Várias garotas me mandam email, dizem 'Evandro, tenho 1,65 m, 1,66 m, eu nunca vou ser miss?' Agora eu digo: 'Vide o Miss Universo'. Então acho que a Olivia quebrou o paradigma de que miss tem que ser alta.

Ele ainda afirma, sobre sua nova fase:

— Eu tinha essa coisa de ter miss plastificada, como a Juliana Borges. Mas comecei a ter uma visão diferente, valorizar outras coisas na menina, deixando ela o mais próxima possível da naturalidade. Claro que temos pequenas modificações, como corte de cabelo, academia; acho legal dança flamenca, dança de salão, tango, ritmos... Para que ela tenha mais 'chica chica bum', que é o que eles [o Miss Universo] buscam hoje, e não uma mulher criada em mesa de cirurgia. Eles querem uma beleza natural.

E conclui:

— O Evandro Hazzy do passado, que falava em cirurgia e buscava fabricar uma miss, aquele Evandro acabou, morreu, e surgiu um profissional mais moderno, antenado, que busca o que o Miss Universo também busca.

Saiba o que os atores fazem nos bastidores!

Veja mais:

Misses mostram comoção com tragédia em Santa Maria (RS)

Miss Brasil chora e emociona candidatas a miss Amazonas

Fotos: miss França prestigia premiação de música em Cannes

Pequenina, miss Universo usa saltos gigantes para coroar nova miss EUA

Tudo sobre sapatos! Miss dá dicas sobre as melhores compras

Veja vídeos da estrela de "A Usurpadora" nos tempos de miss

Miss Mundo 2000 expressa sua revolta contra estupro coletivo na Índia

Relembre a última brasileira a ganhar o Miss Universo

Miss está perto de realizar sonho de ver irmão livre das drogas

Fotos: brasileira conquista o 5º lugar no Miss Universo

Só no Tudo Miss: nova miss Universo revela seu perfume favorito. Copie

Ex-patinho feio, americana mostra o poder das baixinhas e é eleita miss Universo

Confira como foi o miss Universo 2012

Magra demais? Miss Líbano causa polêmica

Miss não tira a coroa da cabeça nem na hora de casar! Veja

6 Comentários

"Preparador Evandro Hazzy diz que largou obsessão por misses plastificadas: “Aquele Evandro morreu”"

30 de January de 2013 às 03:00 - Postado por gqsoares

* preenchimento obrigatório



Digite o texto da imagem ao lado: *

Política de moderação de comentários:
A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Comentários
  • Ivan
    - 31/01/2013 - 18:13

    Não acredito nisso. Ele que nao pense em dar um de santo agora porque comigo, nao cola.

    Responder
  • Uilliam
    - 30/01/2013 - 18:11

    Só tenho uma coisa para comentar a respeito de Evandro:..... Uuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuii ;)

    Responder
1 2 3
Ir para a home do site
Todos os direitos reservados - 2009- Rádio e Televisão Record S/A
exceda.com