Posts com a tag: martinho da vila

Arquivos de posts

Sem espaço no rádio ou nos palcos, sambas-enredo se perdem depois do Carnaval

DVD 300x218 Sem espaço no rádio ou nos palcos, sambas enredo se perdem depois do Carnaval

Dudu Nobre e Martinho da Vila: Samba de avenida no rádio

Há algum tempo estou com uma pergunta martelando minha cabeça: por que sambas-enredos não são mais regravados por nomes da música brasileira?

Como está escrito no perfil desse blog, não nasci no meio do samba. Creio que entre minhas primeiras inserções neste universo foi assistindo a shows de cantores de MPB que incluíam alguma música de avenida no repertório. É Hoje, Liberdade! Liberdade, e O Amanhã estão entre os que mais me marcaram. Apesar de me lembrar do desfile da Mangueira de 1994, a versão dos próprios Doces Bárbaros para o samba em homenagem a eles mesmos ficou mais na minha memória.

Será que falta espaço ou a cadência dos sambas de hoje não permite mais uma versão de palco? Mas aí me lembro do refrão Festa no arraiá é pra lá de bom, da Vila em 2013, ou o Gaia, do Salgueiro de 2014. Foram extremamente populares. Mas será que no futuro eles terão a mesma importância que Aquarela Brasileira se ninguém mais cantá-los?

No último ano, alguns trabalhos ganharam minha simpatia antes mesmo de ouvi-los. Os Mais Lindos Sambas-Enredo de Todos os Tempos, do Dudu Nobre, faz um resgate dos hinos que marcaram a Sapucaí e frequentemente é a trilha sonora enquanto trabalho. Enredo, de Martinho da Vila, traz o sambista relembrando seus samba-enredo e também aqueles que nem entraram nas eliminatórias. Criador e criatura apresentados de forma magistral.

Em São Paulo, Leandro Lehart fez um trabalho sensacional no álbum Ensaio de Escola de Samba, com os hinos do Carnaval paulistano. É único nessa linha, pelo menos que eu conheça.

É tão lindo ver/ouvir a Beth Carvalho cantando À Luta Vai-Vai no e homenageando Geraldo Filme. Por que não há mais iniciativas como essa?

Não tenho uma resposta certa para a minha dúvida. Quem tiver, sinta-se à vontade para deixa-la nos comentários. Sendo mais um pouco saudosista, também parei de escutar os sambas-enredo tocando no rádio na época do Carnaval. Talvez um coisa tenha a ver com a outra.

Assim, empenhado na missão de ver alguns hinos imortalizados, deixo aqui uma sugestão de repertório para quem quiser entrar nessa. Ficarei restrito a São Paulo, já que no Rio ainda existem mais opções, como os dois álbuns citados acima.

  1. O Que é Bom Dura pra Sempre – Gaviões da Fiel (1995)
  2. Em Salém ou em Brasília, o que vale é a bruxaria – Águia de Ouro (2001)
  3. Quatro: Vamos Pensar... – Camisa Verde e Branco (2002)
  4. O Novo Espelho de Narciso – Império de Casa Verde (2004)
  5. Sonho Realidade: No Circo da Vida – Unidos de Vila Maria (2005)
  6. Nascidos para cantar e também sambar – X-9 Paulistana (2005)
  7. Mar de Rosas – Rosas de Ouro (2005)
  8. Guiado por Surya, pelos Caminhos da Índia – Pérola Negra (2009)
  9. Uma Nova Angola se Abre Para o Mundo – Tom Maior (2009)
  10. Água Nossa de Cada Dia – Nenê de Vila Matilde (2010)
  11. A Música Venceu – Vai-Vai (2011)
  12. A Felicidade se Conta em Contos – Dragões da Real (2011)
  13. Ojuobá – Mocidade Alegre (2012)
  14. Pelas Mãos do Mensageiro do Axé, a Lição de Odu Obará – Mancha Verde (2012)
  15. Mazzaropi, o Adorável Caipira – Acadêmicos do Tucuruvi (2013)
  16. O Povo da Floresta Está em Festa – Unidos do Peruche (2013)
  17. Poder, Fé e Devoção, São Jorge Guerreiro – Acadêmicos do Tatuapé (2014)

Obs. A proposta era só colocar sambas de 2000 para cá. Mas abri uma exceção para o da Gaviões, de 1995. Afinal, acho ele indiscutível.

Posts Relacionados

Martinho da Vila ganha homenagem de bloco de SP

1551678 696449443719396 1584672399 n Martinho da Vila ganha homenagem de bloco de SP

Logo do enredo do bloco Liberte a Ivonte em homenagem a Martinho da Vila

556055 528737133823962 1195775456 n 300x300 Martinho da Vila ganha homenagem de bloco de SP

Ivonete, a rainha inflável do bloco

Sambista dos mais tradicionais, dono de composições que marcaram o cenário musical brasileiro, Martinho da Vila vai ser o grande homenageado do bloco paulistano Liberte a Ivonete.

Com o enredo Devagar, Devagarinho a Ivonete liberta o Martinho, o público pode esperar muita música do famoso sambista, além das clássicas marchinhas de Carnaval.

O bloco existe desde 2007 e todo ano escolhe uma personalidade do samba para homenagear. Em 2013, o escolhido foi Vinícius de Moraes.A musa inspiradora da agremiação, na verdade, é uma boneca inflável. Ivonete surge no bloco de lingeries, com as mãos algemadas e vai sendo carregada pelos foliões durante toda a festa. No fim do percurso, a musa finalmente é libertada pelos organizadores do bloco.

O acesso ao bloco é gratuito. Mas os interessados podem comprar o Kit Folia, contendo camiseta, confete e serpentina, por R$ 20, antecipado, ou R$ 25, na semana do desfile.

Serviço:
Bloco Liberte a Ivonete
Desfile: Sábado, 22 de fevereiro de 2014
Horário: A partir das 14 horas
Concentração: Rua Verbo Divino, entre as ruas Antônio de Oliveira e Pais da Silva
Chácara Santo Antônio – São Paulo-SP

Posts Relacionados