Carnaval 2013

10/2/2013 às 05h59 (Atualizado em 10/2/2013 às 21h30)

Tucuruvi faz homenagem a Mazzaropi e diverte foliões

Escola cantou o centenário do humorista, comemorado em 2012

Thiago Calil, do R7

A Acadêmicos do Tucuruvi, sexta escola a se apresentar na madrugada de domingo (10), homenageou o centenário de Mazzaropi. Com criatividade e animação, a agremiação presenteou o público que resistia nas arquibancadas com um grande desfile e um samba-enredo empolgante sobre o artista popular.

Cantando “sai da frente, a alegria vai passar”, a Tucuruvi entrou na avenida com uma explosão de cores.  Na comissão de frente, formada por ginastas, estavam as primeiras incursões de Mazzaropi pelo mundo artístico. Um cover do humorista repetia os trejeitos do personagem Jeca Tatu em interação com o público. Com bexigas, palhaços e malabaristas, o abre-alas mostrava o circo, onde aconteceram as primeiras apresentações do homenageado.

Os personagens vividos por Mazzaropi no cinema foram retratados em alas, como o homem que busca o gato da madame, o chefe da carrocinha e o jovem que se apaixona por uma dançarina. Os carros alegóricos apresentaram os momentos profissionais do artista e os casais de mestre-sala e porta-bandeira contaram as paixões de Mazzaropi, como a vida rural, o futebol e a música.

Protagonista de Mazzaropi na avenida pegou papel “por acaso”

Agora desfilando na Acadêmicos do Tucuruvi, Lívia Andrade diz que o Carnaval "foi demais”

O criador do Jeca Tatu apresentou o programa Rancho Alegre na rádio Tupi. A passagem do artista pelo veículo ganhou a terceira alegoria. Já o quarto carro mostrou quando o programa passou para a TV, sendo o primeiro humorístico da televisão brasileira, com cenário rural e piadas sobre a roça. O cinema, onde Mazzaropi participou como ator, produtor e diretor, ficou para a alegoria que encerrou o desfile.

No meio do ano passado, a Tucuruvi anunciou um enredo em homenagem ao Estado de Rondônia falando sobre a construção da Estrada de Ferro Madeira-Mamoré. Apesar do patrocínio do governo, a escola apresentaria um desfile monocromático, mostrando uma história de mortes e sofrimento. Mais tarde a agremiação mudou de ideia e anunciou o enredo sobre Mazzaropi. Mais do que nunca, a decisão mostrou-se acertada na avenida com o desfile e colorido apresentado.

  • Espalhe por aí:

Veja também

Todas as notícias
Publicidade
  • Últimas de Carnaval 2013

  • Últimas de Entretenimento

  • 04h01
    Receitas Light
    • Compartilhe no Facebook
    • Compartilhe no Twitter
    • Compartilhe no Google Plus

  • 04h01
    Receitas Cybercook
    • Compartilhe no Facebook
    • Compartilhe no Twitter
    • Compartilhe no Google Plus

  • 04h00
    ClickGrátis
    • Compartilhe no Facebook
    • Compartilhe no Twitter
    • Compartilhe no Google Plus

  • 04h00
    ClickGrátis
    • Compartilhe no Facebook
    • Compartilhe no Twitter
    • Compartilhe no Google Plus

X
Enviar por e-mail
(todos os campos marcados com * são obrigatórios)
Preencha os campos corretamente.
Mensagem enviada com sucesso!