R7 - Entretenimento

Buscar no site
Eu quero um e-mail @R7
Esqueci minha senha

27 de Maio de 2016

Você está aqui: Página Inicial/Entretenimento/Cinema/Notícias

Icone de Cinema Cinema

publicado em 18/06/2010 às 10h02:

Filme Ensaio sobre a Cegueira foi a
primeira adaptação da obra de Saramago

Após passar mal, escritor português morreu aos 87 anos de idade

Do R7

Ensaio sobre a Cegueira, livro publicado em 1995 pelo autor José Saramago - morto nesta sexta-feira (18), aos 87 anos -, foi adaptado para os cinemas em 2008. Dirigido pelo brasileiro Fernando Meirelles, a adaptação contou com atores de peso, como Julianne Moore, Mark Ruffalo, Gael García Bernal, Danny Glober e Alice Braga.

O filme, apesar de ter passado por quatro edições, foi aprovado pelo escritor português, que na época de divulgação do projeto chegou a dizer que se Meirelles quisesse adaptar outra de suas obras, teria seu total apoio.

A produção teve como cenário algumas cidades do Canadá, Uruguai e do Brasil. Aqui, ele gravou algumas cenas em São Paulo, próximo à Marginal Pinheiros, em Higienópolis, no Centro e no Morumbi.

Ensaio sobre a Cegueira foi o filme de abertura do Festival de Cannes 2008 e teve um orçamento de cerca R$ 50 milhões.

Saramago também pode ser visto, em depoimentos individuais, no documentário Língua - Vidas em Português (2004). Filmado em Portugal, Moçambique, Índia, Brasil, França e Japão, o longa aborda a língua portuguesa em vários países onde ela é falada, e tem direção de Victor Lopes. Ali, é possível ter ideia da personalidade e da erudição de Saramago, escritor vencedor do Prêmio Nobel de Literatura de 1998 e conhecido por sua postura cética e militante.

Sinopse oficial - Ensaio sobre a Cegueira

Adaptação do premiado livro escrito por José Saramago, mostra uma inexplicável epidemia chamada de "cegueira branca", já que as pessoas atingidas apenas passam a ver uma superfície leitosa, a doença surge inicialmente em um homem no trânsito e, pouco a pouco, se espalha pelo país. À medida que os afetados são colocados em quarentena e os serviços oferecidos pelo estado começam a falhar as pessoas passam a lutar por suas necessidades básicas, expondo seus instintos primários. Nesta situação a única pessoa que ainda consegue enxergar é a mulher de um médico (Julianne Moore), que juntamente com um grupo de internos tenta encontrar a humanidade perdida.

Veja, abaixo, um trailer do longa

 

 

Veja Relacionados:  Ensaio sobre a Cegueira, Saramago
Ensaio sobre a Cegueira  Saramago 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!

 

 


Shopping