R7 - Entretenimento

Buscar no site
Eu quero um e-mail @R7
Esqueci minha senha

27 de Maio de 2016

Você está aqui: Página Inicial/Entretenimento/Cinema/Notícias

Icone de Cinema Cinema

publicado em 16/11/2010 às 15h27:

Último Harry Potter será "como um filme de guerra", afirma o ator Daniel Radcliffe

Elenco ressaltou a pressão que foi fazer a última parte da série de J.K. Rowling

Reuters

Publicidade

Se Harry Potter e as Relíquias da Morte - Parte 1 parece menos frenético que muitos sucessos da ficção, é apenas a calmaria que vem antes da tempestade.

O elenco descreveu Relíquias da Morte - Parte 2 - a oitava e última parte, prevista para chegar aos cinemas em julho de 2011 - como um filme de guerra.

Daniel Radcliffe, o ator de 21 anos que interpreta Harry Potter, confirma os burburinhos.

- O último filme vai ser realmente agitado, com muita ação, como um filme de guerra.

Rupert Grint, que representa Ron, o melhor amigo de Harry, acrescenta o aspecto épico da parte final.

- Algumas das cenas, onde há leitos hospitalares e pilhas de corpos por toda parte, são realmente de um novo nível para um filme de Harry Potter. Será um épico.

CAOS NO SET DE FILMAGENS

Embora haja bastante ação na Parte 1, que estreia nesta sexta (19), os atores disseram que tiveram mais tempo para aprofundar seus personagens.

Radcliffe, por exemplo, ressalta que não faria sentido fazer o último livro em um único filme.

- Se tivéssemos feito este livro em um só filme, a parte cortada teria sido a maior parte do que formou este filme. Para mim, é a parte mais interessante da história, aquela em que os personagens se desenvolvem e mudam.

Ele ainda acrescentou que, apesar do silêncio e ritmo mais lento de Relíquias da Morte - Parte 1, foi o filme mais "caótico" para se trabalhar.

- Foi uma loucura. Sentimos a pressão de fazer deste filme o melhor, já que é o último.

Agora que as filmagens terminaram, os jovens atores que cresceram no set de Harry Potter e se tornaram astros famosos, além de milionários, finalmente estão tendo tempo para refletir.

Grint diz que ainda encara tudo como uma grande novidade.

- É uma sensação muito estranha. Não sei bem como reagir. Parece que Harry Potter foi minha vida inteira. Agora que terminou, há uma sensação real de liberdade. Estou instigado. É uma perspectiva até assustadora. Passamos os últimos dez anos vivendo nesta espécie de bolha, e sair para o mundo real é até assustador.

Ele, Radcliffe e Emma Watson (Hermione) querem continuar atuando, embora Watson já esteja estudando em uma universidade americana, e Grint não pensa em outra coisa senão aproveitar as férias.


 
Veja Relacionados:  Harry Potter, As Relíquias da Morte, Rowling
Harry Potter  As Relíquias da Morte  Rowling 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!

 

 


Shopping