Famosos e TV

22/1/2014 às 17h25 (Atualizado em 22/1/2014 às 20h05)

Marcos Mion fala sobre filho especial: "Romeo é uma criança com dificuldades de desenvolvimento"

Menino está dentro do "spectrum autista", mas que "segue evoluindo e aprendendo no seu ritmo"

Do R7

Romeo em foto postada por Mion no Facebook Reprodução/ Facebook

Marcos Mion veio a público pela primeira vez falar sobre as dificuldades de desenvolvimento do filho mais velho, Romeo. Em depoimento no Facebook, ele falou sobre a dificuldade do diagnóstico do menino, que está dentro do "spectrum autista", mas que "segue evoluindo e aprendendo no seu ritmo".  

— Sim, nos seus primeiros anos de vida, eu e minha mulher, Suzana, percebemos que nosso filho mais velho, Romeo, é uma criança com dificuldades de desenvolvimento. Demorou algum tempo para termos essa certeza porque ele não se encaixa em nenhum diagnóstico e segue evoluindo e aprendendo no seu ritmo. Todos especialistas dizem que ele não é autista, não é asperger, enfim, que ele não é nada além de uma criança que se encaixa na sigla NOS - Not Otherwise Specified, que significa "Sem Outras Especificações", mas que faz parte do spectrum autista.  

Para Mion ter um filho como Romeo significa "amor incondicional e puro, com mais respeito, paciência e valores" e faz um apelo aos pais de crianças especiais que estimulem, apoiem e "nunca parem de acreditar nos seus filhos".  

— Qualquer criança que pertence ao spectrum, seja qual for a especificação, tem uma luz única, diferente e seu caminho é ilimitado! Peço, de coração, para que os pais nunca parem de acreditar, independente de um rótulo, e estimulem sempre seus filhos especiais, pois eles têm muito a nos ensinar. Eles só precisam de amor e apoio.  

No depoimento, Mion ainda esclarece que decidiu morar em Miami para que Romeo pudesse se desenvolver dentro de um tratamento com o qual ele e Suzana Gullo se identificaram muito. 

— Sempre sou questionado do porquê fiz a segunda base da minha familia em Miami e porque passamos tanto tempo aqui. Essa mudança aconteceu, porque aqui encontramos uma especialista que desenvolveu um método com o qual nos identificamos muito, que foi essencial para entendermos a situação e para o Romeo ter as melhores condições para firmar suas bases de desenvolvimento. Foi um perfeito complemento ao trabalho dos médicos e todos profissionais brasileiros que trabalham com a gente.   

Veja, na íntegra, o depoimento que Marcos Mion deu no Facebook sobre o filho Romeo:  

"Deus me deu um presente.  Fui um dos escolhidos.

Somos muitos, mas ainda uma minoria.  Se fossemos a maioria, o mundo seria um lugar com muito mais amor incondicional e puro, com mais respeito, paciência e valores.  

Quem somos nos? Familias abençoadas com uma criança especial.  

Sim, nos seus primeiros anos de vida, eu e minha mulher, Suzana, percebemos que nosso filho mais velho, Romeo, é uma criança com dificuldades de desenvolvimento.  

Demorou algum tempo para termos essa certeza pq ele nao se encaixa em nenhum diagnostico e segue evoluindo e aprendendo no seu ritmo. 

Todos especialistas dizem que ele nao é autista, nao é asperger, enfim, que ele nao é nada além de uma criança que se encaixa na sigla NOS - Not Otherwise Specified, que significa "Sem Outras Especificações" mas que faz parte do spectrum autista.    

E por que é bom ele não se encaixar em nenhum diagnostico? Pq ele pode ser ele! Com todo seu potencial, seu jeito unico, suas caracteristicas, vitorias e limitações, e nao o que um especialista determine que ele seja. O diagnostico é a maneira mais eficaz de limitar alguem, de não ver sua beleza e singularidade.  

Qualquer criança que pertence ao spectrum, seja qual for a especificação, tem uma luz unica, diferente e seu caminho é ilimitado! Peço, de coração, para que os pais nunca parem de acreditar, independente de um rotulo, e estimulem sempre seus filhos especiais, pois eles tem muito a nos ensinar. Eles so precisam de amor e apoio.   Nos, desde seu nascimento, acompanhamos seu desenvolvimento de perto e buscamos os melhores especialistas no Brasil e fora. 

Sempre sou questionado do pq fiz a segunda base da minha familia em Miami e pq passamos tanto tempo aqui. Essa mudança aconteceu, porque aqui encontramos uma especialista que desenvolveu um metodo com o qual nos identificamos muito, que foi essencial para entendermos a situaçao e para o Romeo ter as melhores condições para firmar suas bases de desenvolvimento. Foi um perfeito complemento ao trabalho dos médicos e todos profissionais brasileiros que trabalham com a gente.  

Assim, hoje em dia, Romeo vive uma vida normal, na escola, nas atividades, com familia e amigos e é amado por todos que o cercam! Estes, alias, os grandes sortudos que, como eu e minha familia, tem a felicidade de conviver e aprender todos os dias com um ser humano tão evoluido.   

Ele é minha maior inspiração como pai, como ser humano.  

Como uma vez ele me disse: "Pai, eu sou seu irmao".  Sim filho, vc é meu irmão de alma. Meu maior orgulho."

 

 

  • Espalhe por aí:

Veja também

Todas as notícias
Publicidade
Compartilhe
X
Enviar por e-mail
(todos os campos marcados com * são obrigatórios)
Preencha os campos corretamente.
Mensagem enviada com sucesso!