R7 - Entretenimento

Buscar no site
Eu quero um e-mail @R7
Esqueci minha senha

27 de Maio de 2016

Você está aqui: Página Inicial/Entretenimento/Famosos e TV/Notícias

Icone de Famosos e TV Famosos e TV

publicado em 09/06/2010 às 06h00:

Elenco estelar não levanta audiência de Passione

Especialistas em telenovela comentam baixo ibope do folhetim de Silvio de Abreu

Miguel Arcanjo Prado, do R7

O elenco estelar e a trama ágil de Silvio de Abreu ainda não conseguiram se reverter em boa audiência para a novela das oito da Globo, Passione. Em suas três primeiras semanas no ar, a média é de 30 pontos e o maior ibope foi o da estreia: 36 pontos. 

No dia 29, um sábado, a novela chegou a dar sua pior média até o momento: 23 pontos. O número fez com que ficasse abaixo da novela das seis, Escrito nas Estrelas, que teve um ponto a mais no mesmo dia.

Autor do livro Almanaque da Telenovela Brasileira, o pesquisador Nilson Xavier não culpa Silvio de Abreu pelo ibope baixo.

- Acho que ainda é cedo para fazer esse tipo de avaliação. Não podemos esquecer que Passione pegou o péssimo ibope de Viver a Vida. O Silvio de Abreu é um dos melhores autores do país. Novela custa a pegar mesmo. A Favorita e Paraíso Tropical também demoraram a engrenar.

Para Xavier, o baixo número de televisores ligados para o padrão de uma novela das oito da Globo reflete uma queda que, em sua avaliação, será constante.

- Cada novela terá ibope menor que a outra. Com as novas mídias, as pessoas vêem televisão cada vez menos. Por isso, hoje, o ibope também deveria medir a audiência da internet.

Claudino Mayer, que pesquisa teledramaturgia na Escola de Comunicação e Artes da USP (Universidade de São Paulo), afirma que o telespectador afugentado pela trama arrastada de Viver a Vida ainda voltará aos braços de Passione.

- É como quando a gente recebe uma visita indesejada e toma trauma. Mas como tempo, recebemos uma visita nova e percebemos que se trata de outra pessoa. O telespectador com o tempo vai perceber que a novela é boa. 

Para Mayer, Abreu está no rumo certo, fazendo uma trama ágil e com bons personagens – ele destaca a interpretação de Maitê Proença, Fernanda Montenegro, Cleyde Yáconis e Elias Gleizer. Na opinião do estudioso, a novela só peca no excesso de italiano nas falas do núcleo de Toscana.

- Tem horas que nem eu entendo. Isso também contribuiu para deixar o telespectador disperso e afugentá-lo.

Questionado se a Copa não poderia prejudicar ainda mais a novela, Mayer afirma que não, por considerar que os produtos tenham “públicos distintos”. E se a audiência do folhetim ainda é baixa, ele afirma que uma reviravolta pode estar a caminho.

- A trama é boa, traz mistério, dá gancho para o capítulo seguinte. O público pode estar magoado com o horário, mas um dia voltará. A novela das oito é parte do hábito do brasileiro, que ainda gosta de comentá-la no dia seguinte.


Veja Relacionados:  passione, ibope, audiência, novela
passione  ibope  audiência  novela 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!

 

 


Shopping