R7 - Entretenimento

Buscar no site
Eu quero um e-mail @R7
Esqueci minha senha

27 de Maio de 2016

Você está aqui: Página Inicial/Entretenimento/Famosos e TV/Notícias

Icone de Famosos e TV Famosos e TV

publicado em 24/09/2010 às 01h42:

Israel Lucero é o grande vencedor
da edição de 2010 do Ídolos

A final teve também participações dos cantores Daniel e Billy Paul e dos oito eliminados

Fabio Rigobelo, do R7

Publicidade

Foram dez finalistas, que superaram mais de 43 mil inscritos, na terceira edição do reality show musical Ídolos (Record).

Veja fotos da grande final

Os números eram grandiosos: foram 4.000 inscritos em Florianópolis, 6.000 na etapa de Fortaleza, 20 mil em São Paulo e mais 13 mil no Rio de Janeiro.

E apenas um candidato chegou ao posto de ídolo da música popular brasileira de 2010: o catarinense Israel Machado Lucero, de apenas 16 anos e natural da cidade de Itajaí (SC).

A grande final aconteceu na noite desta quinta-feira (23) na casa de shows Via Funchal, em São Paulo.

"Minha vitória não tem nada a ver com o Luan Santana", diz Israel Lucero

Com a plateia lotada de fãs e famosos, o show começou lembrando as primeiras audições desta edição, a maioria delas muito divertidas. Também foram relembradas todas as eliminações realizadas nas últimas semanas, até sobrarem somente Israel e o baiano Tom Black, este com 24 anos e natural da capital Salvador (BA).

Em seguida foi a vez de o cantor Daniel subir ao palco para cantar Disparada, sucesso da era dos festivais, escrito por Geraldo Vandré.

Em seguida, Rodrigo Faro cumprimentou os jurados Paula Lima, Luiz Calainho e Marco Camargo e, então, finalmente, surgiram Israel Lucero e Tom Black cantando um clássico da bossa nova, Wave (Tom Jobim).

Inesquecíveis e engraçados

Eles não podiam ficar de fora da final: Rodrigo Faro fez questão de se lembrar dos “pirilampos” do Ídolos. Mas, afinal, o que é um pirilampo?

Os candidatos mais divertidos, inusitados ou “sem noção” que tentaram sua vaguinha no Ídolos podem ser divididos em várias categorias, segundo o jurado Luiz Calainho: existem os pirilampos-nenéns, os performáticos, os pavões e os pirilampos-reis (e rainhas), só para citar alguns.

Veja alguns dos pirilampos mais engraçados de 2010

Homenagens e parcerias

Em seguida, os oito candidatos eliminados nas últimas semanas subiram ao palco para lembrar o centenário de nascimento do sambista Adoniran Barbosa, cantando um "medley" com os sucessos Samba do Arnesto, Tiro ao Álvaro, Saudosa Maloca e Trem das Onze.

E a grande final teve mais convidados: o norte-americano Billy Paul e o tenor brasileiro Jorge Durian cantaram o sucesso What a Wonderful World, famoso na voz de outro medalhão, Louis Armstrong.

israel e tom sombras g

Israel (à esq.) e Tom Black no palco da Via Funchal, em São Paulo (Foto: Vinícius De La Rocha/Record)

Os oito eliminados também homenagearam outro convidado da noite, o músico Ed Motta, e com a participação do próprio. Tem Espaço na Van, Arlequim e Fora da Lei foram alguns dos sucessos entoados pela turma.

Daniel voltou então ao palco, desta vez para dividir os vocais do sucesso Adoro Amar Você, de Peninha, com o finalista Israel.

Em outro momento divertido, Rodrigo apresentou o prêmio de “pirilampo-rei” de 2010. E sabe quem foi o vencedor? Ele mesmo, graças aos seus erros de gravação durante a edição de 2010 do Ídolos. Não é só no programa O Melhor do Brasil que o apresentador mostra seu lado bem-humorado, sabia?

Tom Black cantou, então, outro sucesso: Manoel, com a participação do autor desta canção, Ed Motta. Visivelmente emocionado, Tom ficou sem palavras após a apresentação.

O anúncio do vencedor

Até alguns atores da Record, como Patrícia Travassos, Rafael Calomeni e Bianca Rinaldi, todos de Ribeirão do Tempo, deram recados em vídeo para os finalistas do Ídolos 2010.

E, em outro momento musical da noite, Billy Paul e Ed Motta cantaram o hit Your Song, imortalizado por seu autor, Elton John, mas também um sucesso na voz de Billy Paul.

Daniel também retornou ao palco, munido de seu violão, para mostrar outra canção, e o clima de suspense para saber quem seria o vencedor só aumentava.

E coube a ninguém menos que Britto Jr. entregar o envelope com o nome do grande campeão desta edição do programa. O apresentador de outro reality show da Record, A Fazenda, cuja terceira edição começa na próxima terça-feira (28), às 23h, deixou nas mãos de Rodrigo Faro o resultado.

E Rodrigo revelou:

- O novo ídolo do Brasil é... é... Israel, Israel Lucero! O novo ídolo do Brasil! Is-ra-el Lucero, o novo ídolo do Brasil!!!

Além do título de ídolo da música brasileira em 2010, o jovem catarinense também levou para a casa um carro Kia Soul novinho em folha.

Emocionado e quase sem fôlego, Israel cantou a inédita Sem Juízo, música apresentada por ele no programa de terça-feira (21), um provável grande sucesso que vem por aí.

Veja o momento do anúncio do vencedor:

 

 


Veja Relacionados:  programa, ídolos, ídolos 2010, israel lucero, tom black, rodrigo faro, paula lima,
programa  ídolos  ídolos 2010  israel lucero  tom black  rodrigo faro  paula lima 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!

 

 


Shopping