Esposa de Jacó, Lia inveja a irmã e adora fazer intrigas (Michel Angelo/ Rede Record)

Um dos grandes desafios dos atores de José do Egito é encarnar a missão de interpretar personagens que viveram há mais de três mil anos atrás. Para ajudar na composição destes personagens, os atores viveram um dia inteiro como os povos antigos, isolados do mundo sem as tecnologias atuais.

Neste laboratório, eles aprenderam a fazer pão, cavaram com instrumentos primitivos e comeram sem garfos; tudo para sentir o que sentiam os habitantes do Egito Antigo. Para a atriz Denise Del Vecchio, que interpreta a amargurada Lia, foi extremamente importante vivenciar as dificuldades da época para entender o universo da trama e assim formatar a personagem.

— São muitas dificuldades e muitos desafios, começa que você tem que trabalhar numa época que ninguém conhece, você imagina, tem estudos arqueológicos, tem literatura, mas ninguém sabe como é. Então, temos que apostar no sentimento do ser humano, que há três mil anos era o mesmo que hoje.