R7 - Entretenimento

Buscar no site
Eu quero um e-mail @R7
Esqueci minha senha

27 de Maio de 2016

Você está aqui: Página Inicial/Entretenimento/Música/Notícias

Icone de Música Música

publicado em 14/05/2011 às 06h39:

Chorão salta do palco para apartar briga
em festival em Curitiba

Músico também fez discurso sobre sua relação complicada as drogas

Gustavo Pelogia, do R7

Publicidade

A forte presença do vocalista Chorão foi o destaque da apresentação da banda Charlie Brown na madrugada deste sábado (14), no festival Lupaluna, em Curitiba.

O grupo entrou no palco às 2h da manhã, após um show de Ivete Sangalo e elogiou a mistura de estilos do evento, após abrir o show com os sucessos Falo tudo o que ela gosta de escutar e Não deixa o mar te engolir.

Chorão não economizou nos discursos, mandando um recado baseado em sua experiencial pessoal com as drogas, antes de cantar Hoje eu Acordei Feliz.

- Foge da cocaina, foge do vício. Já passei por isso e o bagulho é venenoso.

Ele também disse que o amor dos fãs vale mais do que o dinheiro que ele ganha como artista e que "a grana não salvou meu pai", falecido há mais de 10 anos.

Em seguida, voltou ao discurso anti-drogas, dizendo para os fãs não se assustarem, já que a mensagem era "apenas um alerta".

Com o público ganho desde o início, a banda ainda tocou Senhor do Tempo, Vou te Levar, Gimme o Anel, Zóio de Lula (nesta, Chorão distribuiu garrafas de água para os fãs).

Sem pista VIP, o público pode ficar muito perto da banda - principalmente do vocalista, já que o palco tinha uma extensão que ia até o início da pista.

A noite terminou com Se For Já Era e mais uma atitude inusitada de Chorão. Ao ver uma briga próxima do palco, ele pediu para a banda parar de tocar e foi ele próprio resolver a situação.

Sem pestanejar, ele saltou no meio do público e apartou a briga. Para voltar ao palco, gastou quase cinco minutos, já que estava sendo agarrado pelos fãs. Ao receber aplausos pela atitude, ele amenizou a situação.

- Esses moleques não estão errados, mas vamos na paz.

A banda agradeceu a presença do público e quando todos estavam para deixar o palco, Chorão resolveu cantar mais um pouco. Sozinho, ele terminou a noite com um trecho de Gonna Be Allright, homenageando Bob Marley.

 
Veja Relacionados:  lupaluna, curitiba, festival, charlie brown
lupaluna  curitiba  festival  charlie brown 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!

 

 


Shopping