R7 - Entretenimento

Buscar no site
Eu quero um e-mail @R7
Esqueci minha senha

23 de Novembro de 2014

Você está aqui: Página Inicial/Entretenimento/Música/Notícias

Icone de Música Música

publicado em 08/01/2010 às 06h00:

Conheça Graceland, a mansão mais famosa do mundo

Antigo refúgio do Rei do Rock vai receber festa em sua homenagem nesta sexta-feira (8)

Do R7

A mansão mais famosa do mundo tem 56 mil m², 20 ambientes, sala de sinuca, quadras, estábulo e uma decoração nada discreta.

Graceland, como é chamada a casa onde Elvis morou por 20 anos, será palco, nesta sexta-feira (8), de uma grande homenagem ao Rei do Rock. Bolo, fãs, a ex-esposa do cantor, Priscilla, e sua única filha, Lisa Marie Presley, vão fazer parte da festa que comemora os 75 anos do cantor.

Que tal, então, dar uma volta pelo antigo refúgio em Memphis, nos Estados Unidos? Graceland, instalada na avenida que ficou conhecida como Elvis Presley Boulevard, foi aberta aos fãs cinco anos depois de sua morte, em 16 de agosto de 1977.

Hoje, o local recebe cerca de 600 mil fãs por ano. 

Para embalar a visita, a melhor opção para os brasileiros é escolher a versão em português do audio guide, aquele walkman recheado de informações sobre o local.

Pelos fones, além de curiosidades sobre Graceland, o visitante ouve sucessos de Elvis e depoimentos de Priscila e Lisa sobre a vida na mansão.

O tour começa pela sala de estar, onde há dois vitrais com pavões desenhados, um piano, cortinas azuis, sofás e (muitos) espelhos. Fotos da família, discos e roupas do cantor acompanham os visitantes por cada cômodo.

Na sequência, a sala de jantar e a cozinha com seus lustres em formato de frutas. Os corredores ainda levam os visitantes a uma escadaria rodeada de espelhos e à sala de tv. Para seguir a mesma linha na decoração, o cômodo tem mais cores berrantes. 

Antes de chegar à parte mais famosa da casa, ainda se vê a sala de bilhar. Só depois dela surge a Jungle Room, onde Elvis passava longas noites com os amigos. O cenário das farras conta com móveis de madeira e estofado de animais, tapete verde e uma queda d’água.

Depois da overdose de detalhes, é revelado um acervo com roupas, fardas do exército, pôsteres e troféus que marcaram a carreira do Rei do Rock.

Impossível não chegar emocionado à quadra de raquetebol, onde Elvis se divertiu em sua última manhã e que se transformou numa ala com mais memorabílias.

O último ponto da visita é o Jardim da Meditação, onde o cantor está enterrado junto dos pais, dos avós e do irmão gêmeo (Jesse Garon), que nasceu morto.

O único local que não pode ser visitado em Graceland é o segundo andar, onde estão os quartos que a família ocupou no passado.

Veja Relacionados:  Elvis Presley,Graceland
Elvis Presley  Graceland 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!

 

 


Shopping