Thammy Miranda dispara contra diretor de peça cancelada, e ele lamenta: "Estou devendo, sim"

Espetáculo Trans teria saído de cartaz por falta de público

  • Entretenimento
  • Do R7
Divulgação

Thammy Miranda usou seu perfil no Facebook para falar sobre o fim da peça Trans, que estrelava ao lado de sua namorada, Andressa Ferreira. Em um vídeo, o ator negou que o espetáculo tenha sido cancelado por falta de público, e sim por "falta de caráter do diretor".

Thammy afirmou que Carlos Verahnai mentiu para o elenco e deixou de pagar não só os atores, mas também a equipe técnica. Após o desabafo do artista, o diretor resolveu se pronunciar e admitiu que deve, sim, para alguns integrantes da peça, mas se defendeu de outras acusações.

— O público foi muito abaixo do que eu esperava. E eu não menti, o público era de 15 a 20 pessoas por dia, muito abaixo do que as matérias que a gente teve e a repercussão que a gente teve no festival de Tiradentes, em Minas Gerais. Então essas porcentagens que eu estou devendo, sim, para algumas pessoas de cenário, figurino e trilha sonora. Os técnicos que estou devendo serão devidamente pagos.

Verahnai ainda desabafou sobre o insucesso da peça e afirmou que espera uma retratação de Thammy.

— É duro fazer teatro, é duro esperar uma bilheteria e a bilheteria não vir. Aí, vem uma pessoa que estreia no teatro e, sem o mínimo de humildade, acusa a mim. Eu quero que eles se retratem perante a justiça, sim. O que eles estão fazendo é muito sério. Dei a oportunidade deles fazerem teatro, que é uma arte antiga, milenar... Eles que acabaram com o espetáculo, eles que desistiram. A peça foi abortada por eles. Eles não foram profissionais.