R7 - Entretenimento

Buscar no site
Eu quero um e-mail @R7
Esqueci minha senha

27 de Maio de 2016

Você está aqui: Página Inicial/Entretenimento/Bichos/Notícias

Icone de Bichos Bichos

publicado em 04/07/2011 às 12h11:

Saiba por que alguns cães acabam ficando agressivos

Excesso de mimos, castigos e solidão estão entre as razões do comportamento inadequado

Eduardo Ribeiro, do R7


Publicidade

A companhia dos animais de estimação sempre foi uma grande aliada de nós, humanos, na busca por conforto afetivo. Conviver harmoniosamente com um cachorro certamente é uma experiência muito recompensadora.

Mas também pode ser uma baita dor de cabeça. A falta de experiência ou de disposição dos donos para educar os animais pode prejudicar a relação com os cães, estimulando a agressividade.

Quando a história não começa bem, a insegurança do pet acaba gerando ansiedade e carência, o que estimula o surgimento de um comportamento inadequado.

Pesquisadora e autora de artigos sobre o comportamento animal, especialmente a questão da agressividade, a veterinária Rubia Burnier (UNIFENAS-MG) aponta que o excesso de mimos e mordomias, assim com a falta de autoridade do dono, aliada ao despreparo para educar, podem influenciar a agressividade do animal em sua busca por dominância ou segurança.

Veja sete dicas para aprender a domar a agressividade dos cães

- Quando o cão rosna ou demonstra intolerância ao ser tocado, esconde objetos ou não permite que se aproximem à sua comida, persegue o dono, morde por trás e faz excessiva marcação do território por urina, são sinais de tendências dominantes.

A dica é usar regras firmes para educar e sociabilizar os cães, porém sem usar táticas punitivas, acorrentar ou prender o animal. Também é prudente tomar cuidado para não criar situações que causem estresse ou solidão.

Brincar diariamente com os cães e fazê-los se exercitarem é importante. Assim como evitar o estímulo ao ataque e ensiná-los comandos. Se os cães são socializados e aprendem a respeitar as pessoas desde filhotes, quando adultos eles serão mais equilibrados.

- Os donos precisam ser firmes e não permitir que o cão os ameacem. Nem aceitar que rosnem, ainda que por brincadeira. Entre as brincadeiras, as mais adequadas são as que relaxam o cão, como usar bolinhas. Se o dono bate no cão ou a brincadeira é violenta, pode haver consequências sérias.

Os caninos, de maneira geral, tornam-se agressivos por dominância ou medo. Por isso é importante a autoridade respeitosa e as brincadeiras e passeios. Se o animal cresce sentindo-se tolhido ou inseguiro, pode atacar ou ficar agressivo por razões banais.

- Acima de tudo, o cão necessita de limites, rotina estável e organização social definida, mais do que mimos e mordomias. Com carinho e atenção na medida certa, temos uma convivência harmoniosa e agradável.


 

Confira aqui as respostas do teste acima


Leia mais:

Seu bicho de estimação sumiu? Saiba como podemos ajudar você na busca!

Dê uma olhada nas fotos de animais que desaparecem de seus lares 

O melhor do Mundo Animal está aqui. Descubra! 

Acompanhe em um só lugar as novidades do Cinema, da Música, da TV, da Moda e até da Cozinha! 

Fique por dentro de todos os fatos do dia no Brasil e no mundo

 
Veja Relacionados:  bichos, cães, comportamento
bichos  cães  comportamento 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!

 

 


Shopping