Cinema e Séries Adiado por causa da pandemia, Critics Choice muda para março

Adiado por causa da pandemia, Critics Choice muda para março

Principal termômetro para o Oscar, premiação dos críticos estava marcada para 9 de janeiro

'Amor, Sublime Amor' é um dos filmes que lideram as indicações ao Critics Choice

'Amor, Sublime Amor' é um dos filmes que lideram as indicações ao Critics Choice

Divulgação/20th Century Studios

O Critics Choice Awards 2022 ganhou uma nova data, após ser adiado por causa do aumento no número de casos de Covid-19 nos EUA. 

Anteriormente programada para 9 de janeiro, a premiação dos críticos, que é o principal termômetro para o Oscar, agora acontecerá no dia 13 de março.

A nova data faz com que o Critics esbarre em outra grande premiação, o Bafta, que também terá lugar em 13 de março.

Com isso, algumas celebridades indicadas a ambos os prêmios terão que escolher de qual deles participar. 

Ao The Hollywood Reporter, a produção do Bafta diz entender que a mudança de data do Critics tem relação com as "circunstâncias sem precedentes" que o mundo enfrenta, mas revela que a data deve ser mantida: "Não mudaremos nossos planos atuais para um evento presencial e estamos ansiosos para receber a todos no Royal Albert Hall, em Londres, para uma cerimônia segura e memorável". 

Joey Berlin, presidente da organização do Critics Choice Awards, se desculpou por agendar a cerimônia para a mesma data do Bafta, mas explicou que a decisão foi tomada com base no calendário disponível, já que a emissora CW, com a qual o Critics tem contrato, exige que o evento seja realizado em um domingo.

O Critics Choice Awards 2022 será apresentado pelos humoristas Taye Diggs e Nicole Byer.

A nova versão de Amor, Sublime Amor, de Steven Spielberg, e o drama Belfast, de Kenneth Branagh, lideram as indicações, com cada um concorrendo em 11 categorias.

Últimas