Ator mirim da Netflix cometeu suicídio, segundo relatório policial

Jack Burns, 14 anos, foi encontrado morto na casa dos pais no dia 1º de dezembro, porém, a causa da morte foi revelada apenas neste sábado (28)

Jack Burns tinha apenas 14 anos

Jack Burns tinha apenas 14 anos

Reprodução/Facebook

O ator mirim e bailarino, Jack Burns, que foi encontrado morto na casa dos pais no dia 1º de dezembro, teve a causa da morte revelada neste sábado (28).

Segundo relatório policial divulgado pelo site Daily Mirror, o garoto de apenas 14 anos cometeu suicídio. Jack teria sido levado às pressas para um hospital, em Greenock, na Escócia, depois de ter sido encontrado enforcado no quarto. 

Ainda de acordo com a publicação, a polícia não considera a morte como "suspeita". Nas redes sociais, depoimentos de amigos, colegas e vizinhos dão a entender que o garoto era vítima de bullying. 

Jack atuou na minissérie In Plain Sight e o último trabalho dele foi em Retribution, da Netflix. No dia da confirmação da morte do ator mirim, a Glasgow Ballet School, onde ele começou a se interessar pelo mundo da arte, lamentou a morte precoce dele. 

"É com profundo pesar que escrevemos esse post. Tragicamente, como todos vocês devem saber, perdemos nosso querido aluno Jack Burns no domingo, 1º de dezembro. Jack foi uma inspiração, e tocou os corações de todos aqueles que tiveram o prazer de trabalhar e dançar com ele. Nós e toda família e amigos de Jack estamos completamente devastados."