Cinema e Séries História de Flordelis foi retratada em filme com Bruna Marquezine 

História de Flordelis foi retratada em filme com Bruna Marquezine 

Produção, de pouca expressão no circuito nacional, mostrou a trajetória da então professora que nasceu e cresceu na Favela do Jacarezinho, no RJ

Filme retratou vida da deputada federal

Filme retratou vida da deputada federal

Divulgação/Fernando Frazão/Agência Brasil - 25.06.2019

A deputada federal Flordelis dos Santos Souza, de 59 anos, já teve a vida retratada em filme. O longa Flordelis - Basta uma Palavra para Mudar, lançado em 2009, contou com as participações de nomes de peso como: Bruna Marquezine, Cauã Reymond, Letícia Spiller, Deborah Secco, Reynaldo Gianecchini e Letícia Sabatella.

Na segunda-feira (24), a parlamentar foi denunciada pelo MP-RJ (Ministério Público Estadual do Rio de Janeiro) pela morte do marido, pastor Anderson do Carmo de Souza, assassinado em junho do ano passado.

O filme, de pouca expressão no circuito nacional, mostrou a trajetória de Flordelis, marcada por uma série de tragédias. Na produção, que contou com a direção de Marco Antônio Ferraz e Anderson Corrêa, a história da então professora é narrada por meio da mistura de ficção e documentário. 

Flordelis nasceu e cresceu na Favela do Jacarezinho, na zona norte do Rio de Janeiro. Ainda na infância, ela perdeu o pai e um dos irmãos em um acidente de carro. Na trama, a figura da deputada é exaltada pelo trabalho social e a adoção de crianças vítimas da criminalidade urbana. 

Vida real

O MP-RJ (Ministério Público Estadual do Rio de Janeiro) denunciou no início da semana a deputada federal Flordelis de Souza pela morte do marido, pastor Anderson do Carmo de Souza, assassinado em junho do ano passado.

Segundo o delegado Allan Duarte, a motivação do crime teria sido a disputa de poder e sua emancipação financeira do marido. Flordelis não estava satisfeita com a forma como o marido organizava as finanças e os problemas da família.

Na primeira fase das investigações, o filho biológico da parlamentar, Flávio dos Santos Rodrigues, foi identificado como autor dos disparos e o filho adotivo do casal, Lucas César dos Santos, como a pessoa que comprou a arma utilizada no assassinato.

Últimas