Cinema e Séries 'Impossível acostumar', diz filha de Zé do Caixão sobre morte do pai

'Impossível acostumar', diz filha de Zé do Caixão sobre morte do pai

Liz Marins prestou homenagem ao cineasta nesta sexta-feira (19), dia em que completa 1 ano da partida dele

Liz postou registro de 2017 com o pai

Liz postou registro de 2017 com o pai

Reprodução/Facebook

A filha de José Mojica Marins, o Zé do Caixão, Liz Marins, homenageou o pai nesta sexta-feira (19), dia em que completa um ano da morte dele. O cineasta, considerado "pai do terror", morreu aos 83 anos, vítima de complicações de uma broncopeneumonia.

Nas redes sociais, Liz postou uma foto ao lado do pai, lamentou a ausência dele e disse que nunca vai se acostumar.

"19/02/2021- Um ano do seu falecimento. Não, para algumas coisas, não existe 'o tempo cura'. Pode até 'camuflar'. Já percebi que acontecerá da mesma forma que com o falecimento da minha mãe (continuo vivendo, mas, impossível me acostumar...). Não existe um dia que por algum motivo não pense nele", declarou Liz.

"Do falecimento dele até hoje, foi um ano atípico. Muitas pessoas que conheço perderam algum ente querido, e, em sua maioria, não foi para a covid-19. Me solidarizo com todos vocês. Gostaria de dizer que tudo vai ficar bem. Entretanto, tenho que dizer que o assento vago na plateia sempre estará lá. Mas, temos que continuar o show!!! Seja pelas importantes pessoas que ficaram ou também, e muito, pelos assentos vagos. Não sabemos exatamente onde as essências deles estão, mas, sabemos que possuem morada no etéreo e eternamente em nossa alma e coração. Então, avante!", completou.

Nesta sexta, a família fará uma cerimônia em homenagem a Zé do Caixão, que será transmitida, ao vivo, nas redes sociais.

O ator e cineasta José Mojica Marins, conhecido como Zé do Caixão, morreu aos 83 anos no dia 19 de fevereiro de 2020. O ator não resistiu as complicações provocadas por uma broncopeneumonia.

Veja a publicação completa

Últimas