Menu do Oscar tem tacos, melancia prensada e pipoca apimentada

Saiba com exclusividade como será o cardápio 100% vegano  servido no badalado jantar da noite mais importante do cinema mundial

Oscar terá cardápio vegano

Oscar terá cardápio vegano

Reprodução/Instagram/@TheAcademy

Foi assunto durante toda a semana na mídia e nas redes sociais em todo o mundo: o Oscar anunciou um cardápio 100% vegano na pré-cerimônia de premiação e outro 70% vegetariano no famoso jantar servido para 1.500 convidados após a festa mais badalada do cinema.

O menu, assinado pelo renomado chef de cozinha austríaco Wolfgang Puck, era mantido em sigilo até agora. Mas nós tivemos acesso exclusivo a ele, antes mesmo dos tabloides americanos.

Que rufem os tambores: Joaquin Phoenix, Brad Pitt, Leonardo Di Caprio, Scarlett Johansson e Charlize Theron vão comer o quê antes de concorrerem à estatueta dourada, no próximo dia 9 de fevereiro? A resposta é melancia, avocado, taco, pepino, couve-flor, berinjela, pipoca e batata chips.

É isso... mas não é só isso. Esses são apenas os principais ingredientes do buffet volante que vai passar nas mãos dos atores, diretores e editores mais aclamados do mundo.

É claro que as plantas serão completamente reformuladas pelas mãos de cozinheiros habilidosos que esperam ouvir os elogios ao vivo do intérprete de Coringa. Lembrem-se que o vencedor do Globo de Ouro, Joaquim Phoenix, agradeceu aos organizadores quando foi receber o troféu. Outros atores também enalteceram a tentativa de se chegar a uma alimentação mais próxima do "carbono zero" nos eventos que precedem o Oscar.

Esse ano os organizadores decidiram focar num menu mais sustentável. Mas por que isso é importante? Porque são as estrelas dando o exemplo de que é possível comer um prato saboroso e interessante sem matar ou maltratar um animal.

Mas vamos ao que interessa. Eis os pratos que serão servidos antes do jantar:

- Melancia prensada com ricota vegana (de caju) e calda de agave mentolado;
- Tostadas de avocado com repolho crocante e pimenta chipotle;
- Mini-tacos de inhame com hibiscos tostados e salsa;
- Rolinho de pepinos com grão de bico, avocado e confit de cítricos;
- Caponata de berinjela sobre crostini;
- Pipoca com tajin (pimenta mexicana picante);
- Batatas chips caseiras.

Veja o menu original

A comilança não vai parar por aí nem ficar só nas receitas leves. Depois do prêmio, o jantar conhecido como Governors Ball vai mudar de figura. Serão mais de trinta pratos que vão se alternar em carne de wagyu (tipo nobre bovino), trufas, cogumelos, caviar, atum, massas e até pizza.

Os detalhes dessa segunda parte do jantar, eu vou contar no podcast Resumo R7 desta sexta-feira (30). Confiram a nossa live, a partir das 17h, nas redes sociais do Portal R7.

*Camé Moraes é editora do Jornal da Record e colunista de gastronomia e alimentação sustentável do podcast Resumo R7.