Cinema e Séries Mulher que teve casa destruída por Anne Heche pede indenização de R$ 10,6 milhões

Mulher que teve casa destruída por Anne Heche pede indenização de R$ 10,6 milhões

Atriz morreu após sofrer um acidente de carro em agosto

Anne Heche morreu uma semana após sofrer o acidente de carro

Anne Heche morreu uma semana após sofrer o acidente de carro

Reprodução/Instagram

Lynne Mishele, a mulher que teve a casa destruída no acidente que provocou a morte de Anne Heche, entrou na Justiça contra o espólio da atriz pedindo uma indenização de pelo menos US$ 2 milhões (cerca de R$ 10,6 milhões).

Documento obtido pela revista People indica que os advogados de Mishele abriram um processo por negligência, inflição de sofrimento emocional e invasão de propriedade.

No dia 5 de agosto, Anne Heche bateu o carro que dirigia em uma casa de dois andares, causando danos na estrutura do imóvel e um incêndio. Ela sofreu queimaduras e uma lesão no cérebro.

A atriz passou uma semana internada, até que foi constatada a morte cerebral. A artista continuou sendo mantida viva com a ajuda de aparelhos por mais alguns dias, para que os órgãos dela pudessem ser doados.

A perícia policial encontrou vestígios de cocaína no sangue da atriz. O exame foi realizado assim que Anne deu entrada no hospital após o acidente. Também havia presença de fentanil no sangue da artista, mas a policial não sabia se ela usou a substância ou se os médicos deram a ela como um medicamento para aliviar a dor.

A atriz ficou conhecida pela atuação em filmes como Seis Dias, Sete Noites, de 1998, Donnie Brasco, de 1997, e Psicose, de 1998.

Últimas