Cinema e Séries Rússia anuncia que não apresentará filme na edição de 2023 do Oscar

Rússia anuncia que não apresentará filme na edição de 2023 do Oscar

Motivo da desistência é a crise diplomática entre americanos e russos devido à guerra na Ucrânia

AFP
Nenhum filme russo vai competir pela estatueta do Oscar em 2023

Nenhum filme russo vai competir pela estatueta do Oscar em 2023

Stefani Reynolds / AFP

A Rússia não apresentará nenhum filme para a disputa do Oscar, anunciou a Academia Russa de Cinema, no momento em que Estados Unidos e Rússia enfrentam uma das piores crises de sua história devido à ofensiva russa na Ucrânia.

A Academia Russa informou em um comunicado que não apresentará nenhum filme para competir na categoria de filme internacional do Oscar em 2023.

O diretor do comitê responsável por selecionar o longa-metragem russo para o Oscar, Pavel Chukhrai, renunciou ao cargo e disse que a decisão foi tomada "nas suas costas".

Na segunda-feira (26), Nikita Mikhalkov, um dos diretores mais renomados da Rússia e grande defensor do presidente Vladimir Putin, disse que seria inútil competir pela estatueta.

"Escolher um filme que representará a Rússia em um país que agora nega a existência da Rússia é simplesmente inútil", declarou à agência Tass.

Últimas